Arquivos:

Prefeitura de Currais Novos conquista recursos importantes para saúde e esporte

Foto: Reprodução

A Prefeitura de Currais Novos receberá recursos importantes para investimentos na média e alta complexidade da saúde e também para o setor de esportes. A confirmação do repasse da verba federal via emenda da Deputada Federal Natália Bonavides se deu em importante reunião na tarde desta terça-feira (28) em Natal, com a presença do Prefeito Odon Jr, da Vice-Prefeita Ana Albuquerque, e dos vereadores Mattson Ranier e Jorian Pereira.

Serão destinados R$ 400 mil para a construção de uma Pista de Atletismo e R$ 1 milhão de reais para o Custeio (MAC) de Média e Alta Complexidade em Saúde.

“Tanto o esporte será contemplado esse ano quanto a saúde, que é uma área extremamente importante para a população. Ao longo dos últimos quatro anos a Deputada Natália já destinou recursos para Currais Novos que se aproximam a R$ 5 milhões de reais”, comentou o Prefeito Odon Jr.

Currais Novos sedia encontro “SUAS pelo RN” com a participação de municípios do Seridó

Foto: Divulgação

O município de Currais Novos está sediando nesta terça-feira (28) o “Encontro de Diálogos da Proteção Social Especial – SUAS pelo RN” com a participação das equipes de proteção social dos municípios do Seridó. O encontro é realizado com técnicos da Secretaria Estadual do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (SETHAS) e acontece no auditório da AMSO-TR e da Câmara Municipal de Currais Novos.

Este encontro tem como público alvo os coordenadores, técnicas/os dos Centros de Referência Especializado da Assistência Social (CREAS) e técnicas/os de Referência da Proteção Social Especial. De acordo com a SETHAS, o objetivo será discutir as estratégias de planejamento no trabalho protetivo da política de assistência social, considerando os desafios a serem enfrentadas pela Gestão Municipal. “Currais Novos é a anfitriã deste encontro especial e importante para nossa região, e nossas equipes dos CRAS e CREAS irão ser capacitadas para realizar um trabalho excelente neste ano de 2023”, comentou a Secretária Municipal da SEMTHAS, Zefinha Moura.

Sisu 2023: resultado com lista de aprovados é divulgado

Os resultados do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do 1º semestre de 2023 foram divulgados nesta terça-feira (28), no site https://sisualuno.mec.gov.br/.

O programa usa as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2022 para selecionar alunos que estudarão em universidades públicas.

Rara em humanos, ‘doença da vaca louca’ é transmitida por carne contaminada

Foto: FREEPIK/ ALEKSANDARLITTLEWOLF

Na última semana, a exportação de carnes brasileiras à China foi suspensa devido a confirmação da infecção de um animal com encefalopatia espongiforme bovina, conhecida como a “doença da vaca louca”. O acordo comercial entre os países segue um protocolo sanitário previamente estabelecido. Embora seja considerada rara a infecção em humanos, ela pode ocorrer caso haja o consumo de carne contaminada.

A “doença da vaca louca” faz parte das encefalopatias espongiformes transmissíveis, que se tratam de doenças neurodegenerativas fatais, podendo acometer animais e humanos tendo como característica principal o acúmulo anormal de proteínas no cérebro, destruindo células nervosas.

O médico veterinário Guilherme Moura,  gerente de serviços técnicos da Vetoquinol Saúde Animal, explica que a doença é provocada nos animais por um príon, uma partícula proteica infecciosa. A doença pode ser desenvolvida de duas maneiras: a primeira ocorre por meio da ingestão entre os animais de carcaças infectadas.

Para evitar tal contágio, a legislação brasileira proíbe a utilização de ingredientes de origem animal na alimentação bovina. Já a segunda maneira se dá pela mutação atípica e espontânea de uma proteína normal, sendo o meio de ocorrência mais comum.

De acordo com o infectologista José Branco Filho, diretor executivo do IBSP (Instituto Brasileiro para Segurança do Paciente), a vaca louca, ou vDCJ (variante da doença de Creutzfeldt-Jakob), a doença é rara entre humanos mas, quando ocorre, costuma afetar pessoas jovens, apresentando rápida deterioração cerebral. Ele destaca que a doença ocorre a partir do consumo de carne infectada, em especial carnes provenientes do sistema nervoso, como cérebro e medula espinhal.

Branco destaca que não há tratamento para a doença, podendo adotar apenas medidas de cuidado paliativo para os sintomas, prestando suporte ao paciente. A vDCJ é uma doença mortal, com evolução para óbito dentro de um ano, na maioria dos casos.

Moura finaliza, alegando que não há a necessidade de medo ao consumir carne bovina, lembrando-se, sempre, de se atentar à aquisição de produtos com selo de inspeção sanitária, como o emitido pelo S.I.F. (Serviço de Inspeção Federal), assim como não ingerir carnes de origem desconhecida ou de áreas infectadas.

R7

Imposto de Renda 2023: Receita Federal espera receber até 406.615 declarações no RN

Foto: Marcelo Casal/Agência Brasil

A Secretaria da Receita Federal informou nesta segunda-feira (27) que espera receber de 406.615 declarações neste ano no Rio Grande do Norte.

Em todo o país são esperadas de 38,5 milhões a 39,5 milhões de declarações, relativas aos dados gerados em 2022.

É obrigado a declarar IR em 2023:

– quem recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2022. O valor é o mesmo da declaração do IR do ano passado;

– contribuintes que receberam rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma tenha sido superior a R$ 40 mil no ano passado;

– quem obteve, em qualquer mês de 2022, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas cuja soma foi superior a R$ 40.000,00 (quarenta mil reais), ou com apuração de ganhos líquidos sujeitas à incidência do imposto;

– quem teve isenção de imposto sobre o ganho de capital na venda de imóveis residenciais, seguido de aquisição de outro imóvel residencial no prazo de 180 dias;

– quem teve, em 2022, receita bruta em valor superior a R$ 142.798,50 em atividade rural;

– quem tinha, até 31 de dezembro de 2022, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil;

– quem passou para a condição de residente no Brasil em qualquer mês e se encontrava nessa condição até 31 de dezembro de 2022.

Prazo de entrega
O prazo de entrega da declaração anual de ajuste das pessoas físicas vai de 15 de março até 31 de maio. O programa gerador será disponibilizado somente no início do prazo.

De acordo com o supervisor nacional do Imposto de Renda da Receita Federal, José Carlos da Fonseca, o prazo estendido neste ano, de 15 de março até 31 de maio, será mantido nos próximos anos. Até então, o prazo começava no começo de março e ia até o final de abril.

A rapidez na entrega da declaração é importante para quem busca receber as restituições do IR mais rápido, mas também o formato escolhido e a forma de recebimento.

Geralmente, os primeiros lotes são compostos por contribuintes com preferência no recebimento dos valores. São eles:

– idosos acima de 80 anos;

– idosos entre entre 60 e 79 anos;

– contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Em 2023, entretanto, quem apresentar a declaração pré-preenchida, ou receber as restituições via PIX, terá prioridade no recebimento das restituições.

g1

Sisu divulga resultado da primeira chamada nesta terça-feira

Foto: Reprodução

O resultado da primeira chamada do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2023 será divulgado, nesta terça-feira (28), no site oficial do processo seletivo. Para acessá-lo, é necessário fazer o login da conta Gov.br, o sistema de serviços digitais do governo federal.

A matrícula ou o registro acadêmico deverá ser feito pelo candidato entre os dias 2 e 8 de março, na instituição para a qual foi selecionado. Caberá à instituição indicar, via edital, dias, horários e locais para o atendimento aos candidatos.

O Sisu é o programa do Ministério da Educação (MEC) para acesso de estudantes a cursos de graduação em universidades públicas do país, sejam elas federais, estaduais ou municipais.

As vagas são abertas semestralmente por meio de um sistema informatizado que executa a seleção dos estudantes com base na nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Lista de espera
O processo seletivo do Sisu é feito por uma única chamada, mas é possível disputar uma vaga por meio da lista de espera. O prazo para manifestar interesse na lista de espera vai de 28 de fevereiro a 8 de março.

Nessa fase, o candidato deverá indicar apenas um dos dois cursos escolhidos anteriormente. A manifestação de interesse na lista de espera assegura ao estudante apenas a expectativa de direito à vaga ofertada no âmbito do Sisu, sendo que a matrícula ou o registro acadêmico estão condicionados à existência de vaga e ao atendimento de todos os requisitos legais e regulamentares.

O estudante selecionado em uma de suas opções de vaga não poderá participar da lista de espera, independentemente de ter realizado sua matrícula na instituição para a qual foi selecionado.

A publicação das vagas remanescentes para a lista de espera será feita pelas próprias instituições de ensino.

Nesta edição do Sisu, são ofertadas 226.399 vagas em 128 instituições públicas, sendo 63 universidades federais. Para participar, o candidato deve ter feito a edição de 2022 do Enem e ter obtido nota acima de zero na prova de redação.

Portal da Tropical

Homens solteiros têm duas vezes mais chances de morrer por insuficiência cardíaca do que os casados, diz estudo

Foto: Unsplash

Pesquisadores da Universidade do Colorado, nos Estados Unidos, realizaram um estudo em que mostra que um casamento feliz é uma das chaves para uma vida mais longa e saudável. Segundo eles, os homens solteiros têm duas vezes maiores chances de morrer por insuficiência cardíaca dentro de cinco anos após o diagnóstico do que os casados.

A descoberta se baseou em uma análise com mais de 6.800 adultos americanos com 45 anos ou mais. Isso permitiu aos especialistas ver quanto tempo os pacientes de diferentes grupos sobreviveram, em média. Os resultados aumentaram as evidências que destacam os benefícios de um casamento, incluindo a redução no risco de ter demência e diabetes tipo 2.

Os cientistas afirmaram que a interação social e o isolamento desempenham um papel importante no humor e na saúde de modo geral, mas que o principal motivo para esse aumento é porque os solteiros são menos propensos a ter alguém monitorando a sua saúde. Visto que nas mulheres não houve ligação entre o estado civil e o risco de morte por insuficiência cardíaca, assim como os homens viúvos, divorciados ou separados, também não tiveram.

“Como médicos, precisamos pensar em nossos pacientes não apenas em termos de fatores de risco médicos, mas também no contexto de suas vidas. Na medida que nossa população está envelhecendo e vivendo mais, é imperativo determinar a melhor forma de apoiar a população durante o processo de envelhecimento, e isso pode não ser tão fácil quanto tomar uma pílula”, diz Katarina Leyba, médica residente da Universidade do Colorado e principal autora do estudo.

A médica ainda afirma que é preciso adotar uma “abordagem personalizada e holística” para apoiar os pacientes, especialmente em casos de insuficiência cardíaca. A pesquisa será apresentada na Sessão Científica Anual do American College of Cardiology juntamente com o Congresso Mundial de Cardiologia em 4 de março.

Insuficiência cardíaca

Ao contrário de um ataque cardíaco, que ocorre quando o suprimento de sangue para o coração é subitamente bloqueado, a insuficiência cardíaca é uma condição crônica na qual o coração não consegue mais bombear sangue com eficácia porque o músculo ficou enfraquecido.

Entre os principais sintomas estão a falta de ar após a atividade ou em repouso, sentir-se cansado a maior parte do tempo e achar o exercício exaustivo, tontura, ou desmaio, além de tornozelos e pernas inchadas. Algumas pessoas também apresentam outros sintomas, como tosse persistente e batimento cardíaco acelerado.

Nos Estados Unidos, aproximadamente 6,2 milhões de adultos sofrem com a doença, de acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC). No Brasil, a condição também é considerada comum com mais de 2 milhões de casos por ano.

Tratamento

O tratamento para insuficiência cardíaca geralmente visa controlar os sintomas pelo maior tempo possível e retardar a progressão da doença e normalmente é para a vida toda.

Entre os mais comuns estão a mudança no estilo de vida, incluindo uma dieta saudável, exercícios regulares, parar de fumar e parar de consumir bebidas alcoólicas. Medicamentos também podem ajudar, entretanto, muitos pacientes precisam tomar de dois a três diferentes juntos o que pode causar problemas nos rins e fígado.

Dispositivos implantados no peito para controle de batimentos cardíacos também podem ser uma opção de tratamento se tiver o acompanhamento de um médico especialista, além da cirurgia, dependendo da gravidade da insuficiência.

O Globo

Gastos de brasileiros em viagens internacionais sobem 80,5% em janeiro

Foto: Reprodução/Rede Social

Os gastos de brasileiros no exterior ficaram em US$ 1,246 bilhão em janeiro deste ano, informou o BC (Banco Central). O resultado é 80,5% superior ao registrado no mesmo período de 2022, quando os brasileiros gastaram US$ 690 milhões.

As receitas de estrangeiros no Brasil totalizaram US$ 604 milhões no 1º mês de 2023, com aumento de 43,3% na comparação com janeiro do ano anterior.

Segundo o BC, tanto os gastos de brasileiros no exterior, quanto as receitas de estrangeiros no Brasil estão em “trajetória de retorno a patamares anteriores à pandemia” de covid-19.

Com o aumento de gastos no exterior, o saldo negativo da conta de viagens internacionais subiu de US$ 269 milhões, em janeiro de 2022, para US$ 642 milhões, no mês passado.

Poder360

Irã quer ‘matar Trump’ para vingar morte de general, diz comandante militar

Foto: Joe Raedle/Getty Images/AFP

Um comandante militar iraniano repetiu na sexta-feira que o país deseja vingar a morte do general Qasem Soleimani em uma operação dos Estados Unidos em 2020, com a expectativa de “poder matar” o ex-presidente americano Donald Trump.

“Esperamos poder matar Trump, [o ex-secretário de Estado americano Mike] Pompeo e [o ex-diretor do Comando Central do Exército dos Estados Unidos no Oriente médio, Kenneth] McKenzie, assim como os comandantes militares que deram a ordem para o assassinato de Soleimani”, declarou o general Amirali Hajizadeh, que comanda a Força Aeroespacial da Guarda Revolucionária, o exército ideológico do Irã. “Já temos a capacidade de atingir navios americanos a uma distância de 2 mil quilômetros com mísseis.”

O presidente iraniano, Ebrahim Raisi, prometeu em janeiro “vingar” o “assassinato” de Soleimani.

Os programas balísticos da República Islâmica preocupam o Ocidente, que acusa o país de querer aumentar o alcance de seus mísseis e de desestabilizar o Oriente Médio e Israel, inimigo de Teerã.

O Globo

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
© 2021 Direitos Reservados - Jean Souza