30 de Outubro de 2014 - 08:00h
Assalto » Bancos » Policial

Caixas do Banco do Brasil e do Bradesco de Campo Redondo foram explodidos e roubados nesta madrugada de quina-feira(30)


1546231_722414297845670_6502260059785742055_n

10410542_722414504512316_6926886727359584002_n

Dois caixas eletrônicos foram explodidos na madrugada desta quinta-feira, 30, no município de Campo Redondo, 135 km de Natal.

Segundo informações de populares, por volta de 03h00min, vários homens fortemente armados explodiram os caixas eletrônicos do Banco do Brasil e do Bradesco, que ficam em agências próximas, realizaram o roubo e fugiram em dois veículos. De acordo com populares, a agência que abrigava o caixa do Bradesco (Av. Senador João Câmara) e do Banco do Brasil (Rua Cel Severino Bezerra – Rua do Vapor) ficaram completamente destruídos com a ação criminosa da quadrilha.

George Araújo (Via Facebook)
29 de Outubro de 2014 - 15:01h
Justiça

PENSÃO ALIMENTÍCIA: Polícia Civil deflagra em cidade do RN operação Fome Zero; entre presos está dono de supermercado local

A delegacia de Pedro Velho deflagrou na manhã desta quarta-feira (29) a operação denominada “FOME ZERO”, onde foram cumpridos mandados de prisão por inadimplência no pagamento de pensão alimentícia.

A operação tem o objetivo, além da quitação do débito, de conscientização por parte da população para que não deixem de pagar em dia a pensão. Segundo a Polícia, dentre os presos, o proprietário do maior supermercado da cidade.

BG
29 de Outubro de 2014 - 14:56h
Humor

SHOW DE TIRULLIPA: Venda de ingresso no cartão já disponível pelo site Napechincha

O humorista atraiu multidão por onde passa.

O humorista atraiu multidão por onde passa.

Devido aos inúmeros pedidos de clientes para vender os ingressos do show de Tirullipa, no cartão, a equipe disponibilizou hoje e amanhã a venda da senha INTEIRA, através do site Napechincha.com.

Os preços são os seguintes:

ARQUIBANCADA: R$ 20,00
CADEIRAS: R$ 30,00
ÁREA VIP: R$ 40,00 (apenas 100 cadeiras disponíveis)

Os ingressos para o estudante, arquibancada e cadeiras, com desconto de 50%, estão a venda na Rede Mais Venâncio, IT Store e Ótica Diniz.

O evento acontece nesta quinta-feira (30) no Palácio dos Esportes (Aero Clube).

Tirullipa é considerado um dos melhores humoristas da atualidade. Atualmente, o comediante tem contrato assinado com o Domingão do Faustão, onde se apresenta todos os domingos.

29 de Outubro de 2014 - 00:24h
Política

Câmara derruba decreto presidencial sobre conselhos

Depois de muitas horas de discussão e obstrução do PT, PCdoB e do PSOL, o plenário da Câmara rejeitou o decreto presidencial que criou a Política Nacional de Participação Social. A rejeição se deu com a aprovação do Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 1491/14, apresentado pela oposição, anulando o decreto presidencial. O PDC tem agora que ser apreciado pelo Senado Federal.

Foram quase três horas de obstrução dos petistas, que estavam acompanhados do PCdoB e do PSOL, na tentativa de impedir a derrubada do decreto presidencial. Esses partidos utilizaram dispositivos regimentais, como a apresentação de requerimentos para tentar impedir a votação do PDC da oposição. De acordo com o líder do governo, deputado Henrique Fontana (PT-RS), o decreto presidencial apenas fortalece um conjunto de conselhos.

Os partidos de oposição tiveram o apoio de partidos aliados do governo como o PMDB, o PSD e outros da base governista para aprovar o PDC que anula o decreto presidencial. A oposição critica o decreto presidencial com o argumento de que ele invade as prerrogativas do Congresso Nacional e também pode contribuir para o aparelhamento do Estado, uma vez que toda a participação deverá ser coordenada pela Secretaria-Geral da Presidência da República.

Autor do PDC que anula o decreto, o líder do DEM, deputado Mendonça Filho (PE), disse que o decreto presidencial tem viés autoritário. “É uma forma autocrática, autoritária, passando por cima do Parlamento, do Congresso Nacional, de estabelecer mecanismos de ouvir a sociedade”.

Os governistas argumentam que o dispositivo visa a ampliar o diálogo do Poder Executivo com os movimentos sociais. O decreto presidencial foi publicado no fim de maio e, desde então, os partidos de oposição tentam anular o decreto, com o argumento, entre outros, de que ele invade as prerrogativas do Legislativo. Desde a publicação do documento, a oposição vem insistindo na sua rejeição.

Agência Brasil
29 de Outubro de 2014 - 00:16h
Currais Novos » Policial

INSEGURANÇA: Terça-feira de muito trabalho para Polícia de Currais Novos

A violência vem crescendo assustadoramente em Currais Novos. Assaltos, tentativas de assassinato, assassinatos e arrombamentos são constantes, mesmo com o incansável empenho da Polícia que as vezes desmorona com a falta de estrutura oferecida pelo governo.

Pois bem, os bandidos parecem não se intimidar mais, a prova disso foram os acontecimentos registrados no dia de hoje (28) na ex-pacata Princesa do Seridó.

O primeiro crime aconteceu pela manhã quando um individuo conhecido como Naldinho Cigano efetuou vários disparos de arma de fogo contra a residência de uma cigana, que estava dentro da residência com uma criança de 01 ano de idade. A tarde, por volta das 14h, os irmãos da cigana vieram da cidade de Bom Jesus para Currais Novos e efetuaram vários disparos contra a residência de Naldinho Cigano, fugiram em seguida pela BR 226, sentido Florânia.

A PM foi acionada e com a ajuda dos policiais de Florânia conseguiu prender os suspeitos. Com eles, a PM encontrou 02 revólveres calibre 38, 08 munições deflagradas e 13 intactas. Os presos admitiram ter efetuado os disparos, mas alegam que queriam apenas assustar o Naldinho Cigano. Ambos foram autuados por porte ilegal de arma de fogo e disparos em via pública.

Já por volta das 19h o Posto Toscano, localizado na BR 226 – saída para Natal, foi assaltado por dois homens em uma moto. Os assaltantes levaram uma pequena quantia em dinheiro e fugiram sentido açude Dourado. Na fuga os bandidos fizeram mais duas vítimas, uma mulher e um senhor de idade.

Após perseguição da Polícia, os assaltantes bateram com a moto numa cerca de arame farpado e fugiram a pé, entrando na mata. A moto apreendida, uma Shineray 50 cilindradas, tinha sido roubada semana passada em Currais Novos e estava sendo usada pra realizar assaltos. A motocicleta foi entregue a verdadeira dona.

28 de Outubro de 2014 - 23:44h
Sem categoria

Hulk ataca jornalista que chamou Nordeste de ‘retrógrado’ e ‘bovino’

Hulk afirmou que Mainardi mostra "ignorância" e "arrogância" ao criticar o Nordeste.

Hulk afirmou que Mainardi mostra “ignorância” e “arrogância” ao criticar o Nordeste.

O atacante Hulk, que é paraibano, decidiu entrar em defesa do Nordeste após a polêmica do resultado das eleições presidenciais, realizadas no último domingo. Ele se revoltou com comentário feito pelo jornalista Diogo Mainardi, da GloboNews, que descreveu a região como “retrógrada” e “bovina” por concentrar votos na candidata Dilma Rousseff, do PT, e não em Aécio Neves, do PSDB – Dilma foi reeleita com 51,64% dos votos.

“Morando tanto tempo fora do Brasil, o jornalista Diogo Mainardi não demonstra conhecimento pela importância do Nordeste ao país e principalmente respeito com a população nordestina”, reclamou Hulk, em sua conta no Instagram, antes de citar nomes importantes da cultura brasileira, como o escritor Gracialiano Ramos, o cineasta Gláuber Rocha, o cantor Gilberto Gil e o ator José Wilker, todos nordestinos.

28 de Outubro de 2014 - 23:33h
Rio Grande do Norte

Governo Robinson Faria vai receber ajuda do Governo Dilma, diz Fátima

A senadora eleita Fátima Bezerra (PT) afirmou que, como representante do Estado no Senado, irá interceder junto ao governo federal para articular parcerias com o governo Robinson Faria (PSD). Prometendo ser uma senadora incansável na defesa do Estado em Brasília, a petista pretende ainda ampliar a atuação do campo exclusivo da Educação, para atuar também nas áreas de Segurança e Saúde.

28 de Outubro de 2014 - 23:26h
Justiça

DE VOLTA PRA CASA: Dirceu é autorizado a cumprir o restante da pena em casa

A decisão coube ao ministro do STF, Luís Roberto Barroso.

A decisão coube ao ministro do STF, Luís Roberto Barroso.

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Luís Roberto Barroso acatou hoje (28) o pedido feito pela defesa do ex-ministro José Dirceu e autorizou-o a cumprir em casa o restante da pena do mensalão.

Dirceu foi condenado a 7 anos e 11 meses de prisão.

A liberação acontece porque José Dirceu conseguiu antecipar o cumprimento de um sexto da pena – condição necessária para o pedido de progressão de regime de prisão.

Ele foi preso em 15 de novembro passado. Como o ex-ministro trabalhou, estudou e leu livros desde que foi preso, ele pôde abater 142 dias da sua pena.

Atualmente, Dirceu está preso no regime semiaberto.

Do blog: No Brasil é assim, o crime compensa!

28 de Outubro de 2014 - 23:17h
Justiça

‘Não fugi, eu salvei minha vida’, diz Pizzolato após ser solto na Itália

Justiça italiana negou pedido de extradição do ex-diretor do Banco do Brasil.

Justiça italiana negou pedido de extradição do ex-diretor do Banco do Brasil.

Solto nesta nesta terça-feira (28) pela Justiça da Itália, o ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil Henrique Pizzolato, condenado no processo do mensalão, afirmou, ao sair da cadeia, que sua condenação foi injusta. Questionado se tinha valido a pena ter fugido do Brasil, ele respondeu: “Eu não fugi, eu salvei minha vida. Você não acha que salvar a vida não vale a pena?”, afirmou, em entrevista a jornalistas.

“Fiz meu trabalho no banco, o banco não encontrou nenhum erro no meu trabalho. O banco sempre disse que não sumiu um centavo. Não é um banco pequeno, é o maior banco da América Latina, é um banco que tem um enorme sistema de controle”, disse.
Mais cedo, a Corte de Apelação de Bolonha negou o pedido de extradição do governo brasileiro. Preso desde fevereiro, Pizzolato foi libertado ainda nesta terça, por ordem da mesma decisão que negou a extradição.

Condenado no Brasil a 12 anos e 7 meses de prisão por corrupção passiva, peculato e lavagem de dinheiro, Pizzolato fugiu para a Itália em setembro do ano passado, mas foi preso em Maranello em fevereiro deste ano. Desde então, ficou preso em Modena aguardando o julgamento da extradição. Com a decisão desta terça, poderá responder ao processo em liberdade.

G1
28 de Outubro de 2014 - 23:09h
Corrupção » Justiça

Diretor de Abastecimento da Petrobras depõe nesta quarta na CPMI da estatal

A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito da Petrobras ouve nesta quarta-feira (29) o diretor de Abastecimento da estatal, José Carlos Cosenza. O executivo assumiu o posto deixado por Paulo Roberto Costa, preso pela Polícia Federal na Operação Lava Jato.

Cosenza deveria ter falado à comissão na última quarta-feira (22), mas encaminhou atestado médico no dia do depoimento alegando razões de saúde para não comparecer. A legitimidade do documento está sendo investigada pela CPMI já que o atestado não apresentou a Classificação Internacional de Doenças (CID), que revela o problema de saúde do paciente.

A expectativa dos autores do requerimento de convocação do executivo é de que ele esclareça revelações de Paulo Roberto Costa feitas pela imprensa. De acordo com elas,  José Carlos Cosenza estaria ligado a crimes praticados pelo doleiro Alberto Youssef – preso por crimes contra o sistema financeiro, lavagem de dinheiro e participação em organização criminosa.

Um dos deputados que assinam o requerimento de convocação do diretor, Carlos Sampaio (PSDB-SP), destaca que apesar da demissão de vários executivos da Diretoria de Abastecimento da Petrobras, Cosenza, “por indicação do PMDB, não caiu”.

O depoimento de Cosenza foi confirmado depois que o presidente da CPI mista da Petrobras, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), cancelou a participação do doleiro Alberto Youssef na sessão de amanhã.

Vital considerou contra-producente “fazer uma mobilização enorme de transporte para ele ficar calado”. Youssef foi convocado no último dia 21, mas sua defesa alegou que ele se manteria calado, para não quebrar o acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal e a Justiça Federal, e ainda pediu o cancelamento da audiência por conta das condições de saúde do doleiro, que segue internado em Curitiba, por um problema cardiovascular.

Agência Brasil
28 de Outubro de 2014 - 19:02h
Eleições 2014 » Justiça

MPF ingressa com nova representação contra sujeira dos “santinhos” eleitorais

Santinhos espalgados na calçada da Escola Cap. Mor Galvão, em C. Novos.

Santinhos espalgados na calçada da Escola Cap. Mor Galvão, em C. Novos.

O Ministério Público Federal, a partir da Procuradoria Eleitoral Auxiliar, ajuizou no domingo, 26, uma nova representação eleitoral por descumprimento à legislação que impede candidatos e suas coligações de distribuírem material impresso de campanha, no dia da votação. São alvos da nova representação as coligações “União Pela Mudança” e “Liderados pelo Povo”, os partidos que as compõem e seus respectivos candidatos ao governo: Henrique Alves e Robinson Faria.

A prática conhecida como “voo da madrugada”, que consiste no derramamento de “santinhos” na noite do sábado para o domingo das eleições nas proximidades dos locais de votação, voltou a ser registrada, mesmo após a assessoria das coligações receberem, na sexta-feira (24), uma recomendação alertando especificamente quanto à irregularidade.

Já no primeiro turno, mais de 30 candidatos foram alvo de representação semelhante e, agora neste segundo turno, novamente “santinhos” foram encontrados em calçadas de colégios e espalhados, em grande número, nas ruas próximas às seções eleitorais. A irregularidade pode afetar a igualdade do pleito, como também prejudica a limpeza pública e a estética urbana.

A legislação define como crime a divulgação, no dia da eleição, de qualquer espécie de propaganda de partidos políticos ou de seus candidatos (Art. 39, III, da Lei 9.504/97). Além disso, a atitude também pode ser caracterizada como “boca de urna”, uma vez que, embora não entregues nas mãos do eleitor, os “santinhos” são espalhados para que fiquem à disposição.

MPF - RN
28 de Outubro de 2014 - 14:45h
Policial

CASAL FORA DA LEI: Suzane von Richthofen se casa com sequestradora na prisão

A nova parceira é ex de Elize Matsunaga, condenada por esquartejar o marido.

A nova parceira é ex de Elize Matsunaga, condenada por esquartejar o marido.

Suzane von Richthofen, condenada a 39 anos e 6 meses de prisão pelo assassinato dos pais em 2002, mudou de vida dentro do presídio de Tremembé. Após se tornar evangélica e abrir mão de lutar pela herança, ela se casou com Sandra Regina Gomes, condenada a 27 anos de prisão pelo sequestro de uma empresária de São Paulo.

Recentemente, ela trocou a ala das evangélicas da penitenciária feminina – onde residia até então – para ocupar a cela especial das presas casadas com a nova parceira. O novo casal trabalhava na fábrica de roupas da prisão junto com a ex de Sandra, Elize Matsunaga, presa pela morte e esquartejamento do marido Marcos Kitano Matsunaga em junho de 2012. O relacionamento teria terminado em função de Suzane.

No presídio, as detentas podem assinar um documento de reconhecimento de relacionamento afetivo, que funciona como uma certidão de casamento e permite que casais vivam juntos. Caso um casal se separe, é necessário seis meses para que a presa possa voltar a utilizar a cela especial. A atual parceira de Suzane teve que cumprir a quarentena após se separar de Matsunaga.

O relacionamento é apontado como um dos motivos para Suzane ter negado a progressão para o regime semiaberto. Em agosto, a juíza da Vara de Execuções Penais de Taubaté, Sueli Zeraik de Oliveira Armani, havia concedido o direito à Suzane, que declarou que preferia permanecer no presídio.

28 de Outubro de 2014 - 11:52h
Acidente

TRAGÉDIA: 11 mortos e 30 feridos em acidente com ônibus escolar em SP

Além das 11 vítimas fatais, pelo menos 30 pessoas ficaram feridas.

Além das 11 vítimas fatais, pelo menos 30 pessoas ficaram feridas.

Um grave acidente entre um caminhão e um ônibus de estudantes deixou 11 mortos e 30 feridos por volta das 23h de segunda-feira (27), em Ibitinga, a aproximadamente de 360 quilômetros de São Paulo. O acidente foi na altura do quilômetro 370 da Rodovia Leônidas Pacheco Ferreira (SP-304). O impacto da batida foi tão forte que a lateral do ônibus foi arrancada e alguns dos passageiros – entre eles pelo menos seis adolescentes, de 15 a 17 anos – foram arremessados para fora do veículo. As vítimas morreram na hora. Vários passageiros ficaram presos nas ferragens.

Na manhã desta desta terça-feira (28) os bombeiros localizaram a 11ª vítima. O corpo – totalmente carbonizado – foi encontrado nos destroços da carreta, que transportava óleo vegetal e pegou fogo após a colisão. O motorista do caminhão sofreu ferimentos leves. Já o motorista do ônibus ficou gravemente ferido.

O incêndio no local da batida só foi contido duas horas depois, por equipes do Corpo de Bombeiros.

Os estudantes tinham saído de São Paulo, onde participaram de uma excursão, e seguiam para Borborema. A colisão foi a aproximadamente 30 quilômetros do destino final, em um trecho da rodovia que está em obras.

27 de Outubro de 2014 - 19:45h
Eleições 2014

Denúncias de preconceito nas redes sociais cresceram 342% no 2º turno

As denúncias de preconceito nas redes sociais cresceram 342,03% no 2º turno das eleições em relação ao 1º turno, segundo balanço da ONG Safernet Brasil obtido pelo G1 nesta segunda-feira (27). 305 novas páginas criadas para supostamente promover o ódio e a discriminação, tendo os nordestinos como alvo preferido, foram denunciadas no domingo (26), contra 69 do dia 5 de outubro, data do 1º turno.

De acordo com a Safernet, a publicação de mensagens preconceituosas deve crescer nesta semana. Mas dados da própria organização sugerem que o número de denúncias também tende a aumentar. Entre 5 e 25 de outubro, a data que registrou mais reclamações foi a segunda-feira (6), dia seguinte ao 1º turno, com 258 novas páginas denunciadas.

No 2º turno, o número de denúncias representou um aumento de 662,5% em relação ao ano passado, quando foram denunciadas 40 novas páginas por discriminação e ódio. No total, a Safernet recebeu 421 reclamações no domingo (26) – 116 delas foram de páginas repetidas.

G1
27 de Outubro de 2014 - 19:42h
Policial

Não há previsão de alta para Youssef, diz cardiologista

A PF acredita que os boatos de envenenamento teriam saído do hospital.

A PF acredita que os boatos de envenenamento teriam saído do hospital.

O doleiro Alberto Youssef, internado desde o último sábado (25) com problemas de pressão, ainda permanece sob a escolta de dois policiais federais em um quarto da UTI coronariana do Hospital Santa Cruz, em Curitiba (PR), onde mantém, segundo boletim médico divulgado pouco antes do meio-dia desta segunda-feira (27), um “quadro clínico estável”. O cardiologista Rubens Zenobio Darwish, porém, ressalta que não há previsão de alta, contrariando expectativa anterior de que sua passagem pelo hospital se reduziria a 48 horas. Os recentes problemas médicos devem reforçar o pedido feito pela defesa do doleiro na última semana, que encaminhou um documento à CPI Mista da Petrobras, para que Youssef fosse dispensado de sua convocação. Com Youssef internado, ainda deverá ser definida a estratégia da defesa, que a princípio, caso ele fosse obrigado a ir a Brasília, previa o silêncio do cliente, pois como ele negocia um acordo de delação premiada o processo deveria ser totalmente sigiloso.

27 de Outubro de 2014 - 19:30h
Eleições 2014

Aécio liderou disputa até às 19h32 com quase 90% das urnas apuradas

Durante a apuração, o presidente do TSE, ministro Dias Toffoli, determinou que os envolvidos ficassem isolados e não passassem as informações a ninguém.

Durante a apuração, o presidente do TSE, ministro Dias Toffoli, determinou que os envolvidos ficassem isolados e não passassem as informações a ninguém.

As eleições de 2014 foram as mais acirradas desde 1989, mas grande maioria dos brasileiros não passou por tanta tensão quanto 30 deles. Por causa dos quatro fusos do país, gerados graças ao horário de verão – com diferença de três horas entre Brasília e o Acre –, o resultado parcial da apuração só foi divulgado às 20h da capital do país, quando cerca de 95% das urnas já estavam apuradas. Até este horário, apenas os 30 técnicos de informática do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que checavam a regularidade da totalização da eleição em todo o Brasil, acompanharam o momento em que o candidato Aécio Neves (PSDB), que até então ganhava a disputa, foi passado por Dilma Rousseff (PT). O tucano começou a apuração na frente até que, às 19h32, a petista consegui 50,05% do total apurado e não deixou mais a liderança. Para que a informação não vazasse, o presidente do TSE, ministro Dias Toffoli, determinou que os envolvidos ficassem isolados e não passassem as informações a ninguém.

Carregar mais artigos

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais