Greve

Governo promete reduzir ‘distorções salariais’ e militares encerram greve

FOTO: CEDIDA

A proposta do Governo do Estado para reestruturação das carreiras da Polícia Militar (PM-RN) e do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte (CBM-RN) foi acatada pelos representantes dos militares. O acerto encerra a paralisação iniciada nesta segunda-feira (17).

O Governo acertou junto às associações de praças e oficiais que apresentará até setembro o projeto de lei que reestrutura as carreiras e reduz as distorções salariais entre os militares estaduais e a Polícia Civil. O envio do documento para a Assembleia Legislativa foi firmado durante reunião entre a equipe do Governo, chefiada pelo vice-governador Antenor Roberto, e os representantes das associações de policiais e bombeiros militares.

A ação atende uma demanda apresentada pelos servidores da segurança pública. “A proposta foi construída com todas as mãos, somando o Governo e as associações. Apresentamos a proposta possível, que inclui o envio do projeto de reestruturação em setembro e os aumentos sejam efetivados a partir de março de 2020”, explicou o secretário de Estado da Segurança Pública e da Defesa Civil, Francisco Araújo.

O projeto de lei será formulado por um grupo de trabalho composto por membros do Governo e representantes da seccional potiguar da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-RN) e da Associação dos Advogados do RN. A negociação ainda incluiu a implantação, a partir de julho, das promoções represadas do ano passado.

O Governo ainda garantiu aos policiais e bombeiros que os recursos extras, a serem recebidos até o fim do ano, serão destinados ao pagamento dos salários dos agentes de segurança pública que estão atraso. A medida segue a política da gestão estadual de pagar os salários integrais dos agentes de segurança pública – ativos, inativos e pensionistas -, dentro do mês trabalhado e na primeira data determinada pela área econômica.

A reunião contou com a presença dos comandantes da PM-RN, coronel Alarico Azevedo, e do CBM-RN, coronel Monteiro Júnior, além do secretário-chefe do Gabinete Civil, Raimundo Alves, e a secretária Virgínia Ferreira (Administração). Os deputados estaduais Kelps Lima e Coronel Azevedo também participaram do encontro.

As entidades representativas da tropa foram representadas pelo capitão PM Robson Teixeira, presidente da Associação dos Oficiais Militares Estaduais do Rio Grande do Norte (ASSOFME); o subtenente Eliabe Marques, presidente da Associação dos Subtententes e Sargentos Policiais Militares e Bombeiros Militares do RN (ASSPMBM-RN), o cabo PM Roberto Campos, presidente da Associação de Cabos e Soldados da PM-RN (ACS); e soldado Rodrigo Marimbondo, presidente da Associação de Bombeiros Militares do RN (ABM-RN).

Greve

Durante esta segunda-feira, durante a greve, Natal contou com apenas seis viaturas da Polícia Militar nas ruas. Em dias normais, a capital potiguar tem cerca de 80 veículos policiais em circulação.

Portal no Ar
Governo do Estado

Fátima reafirma fortalecimento da Caern e meta de levar água e saneamento a todo o RN

Ao proferir nesta segunda-feira, 17, a palestra magna do 30º Congresso Brasileiro de Saneamento e Engenharia Ambiental – Cbesa, a governadora Fátima Bezerra enfatizou que é de fundamental importância garantir à população o direito a água de qualidade e ao saneamento. Ela lembrou que o fornecimento de água limpa e o tratamento de esgotos têm reflexos positivos na saúde pública.

“A Organização Mundial da Saúde – OMS comprova que cada R$ 1,00 investido em saneamento representa economia de mais de R$ 4,00 na saúde pública”, argumentou a governadora do Rio Grande do Norte. O congresso prossegue até o dia 19, no Centro de Convenções de Natal.

A governadora defendeu a ampliação dos investimentos pelo poder público e parcerias com o setor privado. “A agenda do RN não é a da privatização da água, mas a agenda do fortalecimento da empresa pública estadual, a Caern, que pode e deve dar lucro. Mas é importante também fazermos parcerias com o setor privado com a finalidade de levar a todo o estado água boa e em quantidade e saneamento para prevenir doenças e melhorar a saúde do nosso povo”.

Como exemplo de empresa pública eficiente e lucrativa, a governadora do RN citou a Cagepa – Companhia de Águas e Esgotos da Paraíba, que hoje trabalha com eficiência e aporta ao Orçamento Geral do Estado R$ 120 milhões/ano. “Vamos intensificar o diálogo, inclusive em relação à proposta do marco legal do saneamento que tramita no Congresso, e firmar parcerias. Quanto mais diálogo, melhor”, reforçou.

O secretário nacional de saneamento ambiental, Jhônatas Assunção informou que “a nossa meta é que até 2033 consigamos atingir a universalização do saneamento básico no país”. Para isso será necessário investimentos de R$500 bilhões nos próximos anos e articulação entre estados e municípios para levar água e esgotamento sanitário a todos.

Promovido pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (ABES), o congresso é o maior evento da área no país, reúne profissionais, estudantes e especialistas das áreas pública e privada, governo e universidades, e tem como tema “Saneamento Ambiental: como tratar igual, os desiguais”.

A presidente da Abes no RN, Geny Formiga, diretora de empreendimentos da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern), disse que além das questões técnicas o evento trata de questões sociais “que impactam diretamente na qualidade de vida e do meio ambiente. Reunimos o que há de melhor no conhecimento técnico e político no setor, de forma democrática e participativa, trazendo contribuições para as políticas de saneamento”, declarou.

O presidente nacional da Abes, Roberval Tavares, registrou que “as ações e desafios no setor para os próximos anos devem ser prioridade do Estado”.

Durante o congresso também se realiza a Fitabes – Feira Internacional de Tecnologias de Saneamento Ambiental, que apresenta tecnologias de saneamento ambiental utilizado na América Latina, presença das principais empresas do setor expondo novidades em tecnologias, produtos, serviços e equipamentos, além de estandes de companhias de todo o país.

Mossoró

Corpos são encontrados dentro de galeria de esgoto em Mossoró

Corpos foram achados em vala em Mossoró, na região Oeste potiguar — Foto: Ivanúcia Lopes/Inter TV Costa Branca

Dois corpos, aparentemente de duas mulheres, foram achados em uma galeria de esgoto durante a tarde desta segunda-feira (17), em Mossoró, na região Oeste potiguar. O caso aconteceu no bairro Paredões.

Uma equipe do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) foi ao local para dar início à perícia e recolher os corpos. Bombeiros também foram deslocados para ajudar no resgate dos corpos.

O caso vai ser investigado inicialmente pela Delegacia de Homicídios de Proteção à Pessoa (DHPP).

G1 RN
Diversos

Chega a 31 o número de animais infectados com raiva no Rio Grande do Norte, diz Sesap

Maior parte dos animais infectados é de morcegos — Foto: Adapec/Divulgação

Até o dia 11 de junho deste ano, foram confirmados 31 animais com raiva no Rio Grande do Norte. Os dados são da Subcoordenadoria de Vigilância Ambiental (Suvam) da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) e foram divulgados nesta segunda-feira (17).

De acordo com a Sesap, são 29 morcegos, um boi e uma raposa. Os casos foram registrados em 13 municípios, sendo que os de maior ocorrência foram Parnamirim (6), Santo Antônio (5), Caicó (4), Mossoró (4) e Macaíba (3).

“Os morcegos identificados com raiva no RN são sobretudo de áreas urbanas. Fato que aumenta ainda mais a nossa preocupação em decorrência da densidade populacional nas cidades. Das espécies identificadas predomina o Molossus molossus, morcego que tem o hábito de se alimentar de insetos. Segundo a literatura, esses animais estão muito bem adaptados ao meio urbano”, explicou Alene Castro, veterinária da equipe do Programa de Controle da Raiva da Sesap.

G1 RN
CNH

Uso de simulador para obtenção de CNH será facultativo

Novas regras também preveem redução de 25 para 20 no número de horas-aula práticas de auto-escola

Resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) publicada no Diário Oficial da União de hoje (17) torna facultativo o uso de simulador de direção veicular no processo de formação de condutores, para a obtenção da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

As novas regras preveem, ainda, redução de 25 para 20, no número de horas-aula (h/aula) práticas nas autoescolas, para a categoria B da CNH. No caso da categoria A, serão necessárias pelo menos 15 h/aula. Em ambos casos, pelo menos 1h/aula terá de ser feita no período noturno. Para condutores de ciclomotores, a carga horária mínima será de 5h/aula.

Uso de simuladores de direção veicular em autoescolas passa a ser facultativo – Divulgação/Ministério das Cidades
As medidas começam a valer no prazo de 90 dias contados a partir de hoje – data em que a matéria foi publicada no Diário Oficial

Em abril, durante reunião do Contran que definiu as novas regras, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, disse que as mudanças ajudarão a desburocratizar etapas do processo de formação do condutor. “As decisões foram fruto de muita reflexão e estão sendo tomadas com toda responsabilidade”.

Na oportunidade, ele argumentou que o simulador não teria eficácia comprovada. “Ninguém conseguiu demonstrar que isso tem importância para formação do condutor. Nos países ao redor do mundo, ele não é obrigatório, em países com excelentes níveis de segurança no trânsito também não há essa obrigatoriedade. Então, não há prejuízo para a formação do condutor”, disse.

De acordo com o ministro, a medida visa reduzir a burocracia na retirada da habilitação. Ele disse que a decisão vai estimar uma redução de até 15% no valor cobrado nos centros de formação de condutores.

EBC
Governo do Estado » Rio Grande do Norte » Seca

Governo do RN investe R$ 2,4 milhões contra seca no Seridó

FOTO: JOÃO VITAL/GOVERNO DO RN

“Na nossa vida, sempre contamos somente com Deus e com a sorte. Não tínhamos qualquer expectativa de como seriam os tempos de enfrentamento de seca. Hoje, depois da chegada do Projeto Piloto de Combate à Desertificação, sabemos que temos suporte forrageiro com a palma que foi plantada. Áreas que antes eram degradadas estão sendo reflorestadas com plantas nativas, a vegetação vem sendo recuperada com cercas vivas, e o bem mais precioso que é a água, chegou à nossa terra. Essa água que bebemos, que fazemos a comida que nos alimenta diariamente e que damos aos nossos animais. Agora estamos prontos para combater qualquer escassez semelhante às que já passamos”. Esse é o depoimento de José Frankney, presidente da Associação Rural de Boqueirãozinho e Galo Branco, no município de Equador, sobre os benefícios deste Projeto Piloto.

Ele é um dos mais de 200 beneficiários das ações promovidas pelo Governo do RN, com recursos do acordo de empréstimo com o Banco Mundial, para a redução e mitigação dos efeitos da degradação em uma grande frente de combate à aridez da região Seridó. Nestas execuções, estão sendo investidos R$ 2,4 milhões, transferindo recursos não reembolsáveis para nove associações dos municípios de Carnaúba dos Dantas, Parelhas e Equador, núcleo da desertificação.

Em sua propriedade, Frankney recebeu a implantação de sistema agroflorestal, o reflorestamento de áreas degradadas, a perfuração de poço e a instalação de cercas vivas de cactáceas. Essas são apenas algumas das iniciativas que formam o Piloto de Combate à Desertificação do Seridó. De acordo com as necessidades e peculiaridades dos locais a serem beneficiados, as ações ainda podem vir por meio de barragens subterrâneas, biodigestores, obras de contenção de solos, sistemas de reuso de águas (cinzas e negras), manejo agroflorestal, cisternas de placas e viveiro de mudas.

“Com estas resoluções que estão diretamente ligadas à promoção e incremento da cobertura vegetal, por meio da adoção de práticas de manejo sustentável da Caatinga, com técnicas de conservação do solo e implantação de sistemas agroflorestais, além daquelas voltadas à segurança hídrica e alimentar, estamos criando referências e experiências agrícolas a serem aplicadas não apenas nessas comunidades, mas nas demais regiões do Semiárido norte-rio-grandense”, disse o disse o secretário de Gestão de Projetos e Metas, Fernando Mineiro – que também é autor do Plano e da Lei de Combate e Prevenção à Desertificação no RN –, comemorando os bons resultados deste projeto, que marcam esta segunda-feira (17), quando é celebrado o Dia Mundial de Combate à Desertificação e à Seca.

Ações propostas pelo projeto estão contribuindo absolutamente para o enfrentamento das mudanças climáticas, resultando no aquecimento global e efeito estufa, tão comentados e que trazem preocupações para com o planeta.

PLANO E LEI DE COMBATE E PREVENÇÃO À DESERTIFICAÇÃO NO RN

O Rio Grande do Norte possui dois instrumentos que devem servir de norte para a implementação da política pública de Combate à Desertificação e Mitigação dos efeitos da seca. São eles, o Plano e a Lei de Combate à Desertificação do RN, nos quais o então deputado estadual, Fernando Mineiro, foi ponto focal na construção e autor, respectivamente.

O Plano Estadual foi construído para elencar desde a dimensão – pontuando os espaços afetados – e os fatores responsáveis pela desertificação, até a estratégia de ação de combate ao problema que afeta grande parte do Rio Grande do Norte – uma vez que dos 167 municípios do Estado, 157 fazem parte da região do Semiárido.

Já a Lei 10.154 / 2017 foi o resultado da força do Plano e dos debates constantes junto às comunidades atingidas. O dispositivo institui a Política Estadual de Combate à Desertificação, de maneira a encontrar mecanismos e estudos que visam a contenção do processo de desertificação, bem como recuperar áreas que já se encontram sofrendo essas consequências.

Em 13 artigos, a lei trata desde o fomento às ações de conscientização sobre os riscos do problema, até a divisão de responsabilidades para a fiscalização e realização de iniciativas de combate ao processo.

“A questão do combate à desertificação e aos efeitos da estiagem no Estado tem recebido um olhar especial do Governo da professora Fátima Bezerra, que vem se empenhando para implementar tais instrumentos”, finalizou Mineiro.

Portal no Ar
Assalto

RN: Homem rende motoristas e rouba R$ 1 mil de cinco ônibus em terminal

Um homem armado invadiu o terminal de ônibus no loteamento Jardim Progresso, na zona Norte de Natal, rendeu motoristas e roubou cerca de R$ 1 mil de cinco ônibus que estavam no local. O crime foi registrado no sábado (15).

Segundo a polícia, ele agiu sozinho e saiu andando após cometer o crime. Além do dinheiro dos veículos, o criminosos roubou pertences das pessoas.

Na delegacia, as vítimas contaram que ainda foram levadas para a parte de trás do terminal de ônibus. A polícia fez buscas, mas o suspeito não foi localizado.

Portal no Ar
Bolsonaro Presidente

Após declarações de Bolsonaro, Joaquim Levy pede demissão

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Joaquim Levy, entregou seu pedido de desligamento do cargo ao ministro da Economia, Paulo Guedes, conforme informou em nota distribuída à imprensa na manhã do último domingo (16). Levy foi alvo de críticas do presidente Jair Bolsonaro no sábado (15), em função da nomeação do advogado Marcos Barbosa Pinto para o cargo de diretor de Mercado de Capitais do banco de fomento.

“Levy nomeou Marcos Pinto para função no BNDES. Já estou por aqui com o Levy”, disse o presidente neste sábado 15. “Falei para ele: Levy, demite esse cara na segunda ou eu demito você sem passar pelo Guedes (ministro da Economia)”, afirmou no sábado o presidente. “Levy está com a cabeça a prêmio há algum tempo”, continuou o presidente. Barbosa Pinto trabalhou como assessor do BNDES durante o governo PT, de 2005 a 2007, o que irritou Bolsonaro. No entanto, o próprio Levy foi ministro da Fazenda de Dilma Rousseff. Em nota, Levy declarou que sua expectativa é que o ministro da Economia aceite sua demissão. No comunicado, ele deseja a Guedes “sucesso nas reformas”.

Leia a íntegra da nota de Joaquim Levy:

“Solicitei ao ministro da Economia Paulo Guedes meu desligamento do BNDES. Minha expectativa é que ele aceda.Agradeço ao ministro o convite para servir ao País e desejo sucesso nas reformas. Agradeço também, por oportuno, a lealdade, dedicação e determinação da minha diretoria. E, especialmente, agradeço aos inúmeros funcionários do BNDES, que têm colaborado com energia e seriedade para transformar o banco, possibilitando que ele responda plenamente aos novos desafios do financiamento do desenvolvimento, atendendo às muitas necessidades da nossa população e confirmando sua vocação e longa tradição de excelência e responsabilidade”.

OP9
Imposto de Renda

Receita paga hoje as restituições do 1º lote do Imposto de Renda

FOTO: MARCELLO CASAL JR/AGÊNCIA BRASIL

A Receita Federal começa a pagar hoje (17) as restituições do Imposto de Renda Pessoa Física 2019. Serão depositados R$ 5,1 bilhões nas contas de 2.573.186 contribuintes. Neste lote, receberão a restituição os 245.552 contribuintes idosos acima de 80 anos, 2.174.038 contribuintes entre 60 e 79 anos e 153.596 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave.

Ao todo, serão desembolsados R$ 4,99 bilhões, do lote deste ano, a 2.551.099 contribuintes. A Receita também pagará R$ 109,6 milhões a 20.087 mil contribuintes que fizeram a declaração entre 2008 e 2018, mas estavam na malha fina.

As restituições terão correção de 1,54%, para o lote de 2019, a 109,82% para o lote de 2008. Em todos os casos, os índices têm como base a taxa Selic (juros básicos da economia) acumulada entre a data de entrega da declaração até este mês.

O dinheiro será depositado nas contas informadas na declaração. O contribuinte que não receber a restituição deverá ir a qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para os telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para ter acesso ao pagamento.

A restituição ficará disponível durante um ano. Se o resgate não for feito no prazo, a solicitação deverá ser feita por meio do formulário eletrônico – pedido de pagamento de restituição, ou diretamente no e-CAC , no serviço extrato de processamento, na página da Receita na internet. Para quem não sabe usar os serviços no e-CAC, a Receita produziu um vídeo com instruções.

EBC
Rio Grande do Norte » Salário

79% dos servidores do Governo do RN recebem hoje (17)

O Governo do RN anunciou que vai pagar hoje (17), os salários de junho de 79,54% dos servidores. No total, serão cerca de R$ 217 milhões depositados para o funcionalismo. Os outros 20,46% receberão, de acordo com a nota do Estado, no próximo dia 28.

Os R$ 217 milhões injetados na economia potiguar nesta segunda correspondem ao salário de quem recebe até R$ 4 mil (valor bruto) e 30% do salário dos servidores que ganham acima desse valor. Além do pagamento integral à categoria da Segurança Pública.

No próximo 28 de junho recebem o salário integral os servidores das pastas com recursos próprios e da Educação. Além dos 70% restantes de quem ganha acima de R$ 4 mil, concluindo a folha de R$ 438 milhões do mês de junho. Também nesta data será pago a segunda parcela do décimo terceiro de 2017 aos 15% ou 1.257 inativos e pensionistas restantes que ganham acima de R$ 12 mil (valor líquido).

Política em Foco
Segurança

Governo não tem condições de atender reajuste de 60,42% pedido pela PM e Bombeiros

Policiais cobram recuperação de 60,42% dos vencimentos ao longo dos últimos cinco anos

A ameaça de greve de policiais militares e bombeiros, prevista para esta segunda-feira, 17, prejudicará toda a sociedade, avaliam especialistas. O Governo do Estado não tem condições de atender a esta demanda do ponto de vista financeiro, mas já sinalizou com outras melhorias para a categoria.

“Que o reajuste é necessário, não há dúvidas, mas não pode ser retroativo há anos de descaso com a categoria, que ganha menos que um Policial Civil, por exemplo. Um ganho real precisa ser discutido para se corrigir as distorções, mas de forma planejada e a médio prazo”, dizem especialistas consultados pelo jornal.

Pensando nisso, a partir de um compromisso técnico e político, em reunião com as associações na última sexta-feira, 14, o Governo se propôs a criar um grupo de trabalho para reordenar as carreiras da segurança pública, diminuindo as distorções e sanando todo um histórico de não valorização profissional com um plano de equiparação salarial.

Ainda na reunião, que ocorreu no Gabinete Civil do Estado, houve um compromisso de pagar as promoções que estão represadas há anos.

“O Estado, apesar da atual situação de calamidade financeira, tem honrado seus compromissos de pagamento de salários dos ativos e inativos, assim como as diárias operacionais da polícia civil e militar. Entretanto, vale ressaltar, não tem recursos para cobrir um reajuste do porte de 60,42% (quando as demais categorias têm pautado os reajustes com base em índices como o INPC – 2,44% ou IGP-M FGV – 3,56%). Este reajuste não seria suportado por um Estado com finanças ainda tão frágeis”, comenta uma fonte do governo.

O Governo tem mantido a promessa dos salários em dia, mas não dá um passo maior que a perna, e isso – se desagrada alguns – mostra também que há maturidade na decisão, pois o estado precisa ser gerido a médio e longo prazo, ponderou a fonte ouvida pelo jornal.

Agora RN
Educação

SISU: Termina prazo de matrícula e de adesão à lista de espera

Hoje (17) é o último dia para que os estudantes selecionados na chamada regular do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) façam a matrícula nas instituições de ensino superior públicas nas quais foram aprovados. Aqueles que não foram selecionados têm também até esta segunda-feira para aderir à lista de espera do programa.

Cabe aos estudantes verificar os horários e locais de atendimento definidos por cada instituição em edital próprio.

O resultado da chamada única do Sisu foi divulgado no último dia 10 e está disponível no site do programa.

Os estudantes selecionados podem pleitear auxílio para pagar transporte, moradia e outras despesas nas próprias instituições de ensino superior, de acordo com determinados critérios, como renda familiar. Os programas de assistência estudantil são implementados diretamente pelas instituições.

Lista de espera

As vagas que não forem preenchidas serão ofertadas para os estudantes em lista de espera.

Quem não foi selecionado em nenhuma das duas opções de curso. feitas na hora da inscrição, na chamada única, e quiser integrar a lista tem até hoje para fazer a adesão, no site do Sisu.

O candidato deve acessar o sistema e, em seu boletim, clicar no botão que corresponde à confirmação de interesse em participar da lista de espera do Sisu.

O estudante poderá manifestar interesse para a primeira ou segunda opção de curso. Ao finalizar a manifestação, o sistema emitirá uma mensagem de confirmação.

Esses estudantes serão convocados a partir do dia 19. A convocação para a matrícula será feita pelas próprias instituições de ensino.

Nessa etapa caberá aos próprios candidatos acompanhar a convocação na instituição na qual estiverem pleiteando uma vaga.

Sisu 2019

Nesta edição, o Sisu oferece 59.028 vagas em 76 instituições públicas de ensino em todo o país.

A seleção é feita com base no desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2018.

Para participar é preciso ter obtido nota acima de zero na redação. Ao todo, 640.205 estudantes se inscreveram no programa, de acordo com balanço divulgado pelo MEC.

EBC
Economia

Paulo Guedes busca alguém do setor bancário para o BNDES

O ministro Paulo Guedes (Economia) procura um perfil de mercado para a vaga de Joaquim Levy, que pediu demissão do BNDES na manhã deste domingo (16), informa Mariana Carneiro.

A ideia é trazer alguém que conheça a operação de um banco de investimentos, a exemplo de Pedro Guimarães, que preside a Caixa é considerado bem-sucedido na função.

Guimarães acionou rapidamente a venda de ações da Petrobras em poder do banco estatal, como havia orientado Guedes. Há uma semana, ele anunciou que a Caixa devolverá R$ 20 bilhões neste ano ao Tesouro, cumprindo outra ordem do ministro, de “despedalar” o banco.

Já Levy resistia em empregar mudanças no BNDES. Não se comprometeu com a devolução dos R$ 126 bilhões solicitados por Guedes e não deu corda ao discurso de abrir a “caixa-preta”, que Bolsonaro prometeu na campanha. Em que pese as críticas, as investigações da Lava Jato não detectaram, até o momento, envolvimento de funcionários do banco.

No BNDES, auxiliares de Levy dizem que o agora ex-presidente era muito cuidadoso em assinar documentos e demorava a tomar decisões.

No governo, a visão é que seis meses foi tempo suficiente para avaliar o trabalho do executivo no BNDES e a conclusão é que não funcionou.

Guedes ainda não fechou um nome e fará conversas nas próximas horas para fazer uma indicação até, no máximo, esta segunda (17). Executivos do mercado já estariam sendo sondados.

Toda a equipe do ministro veio do setor privado e é lá onde Guedes tem mais contatos, por isso, a busca ocorre no mercado. O nome de Solange Vieira, que é funcionária de carreira do BNDES e hoje comanda o redesenho do setor de seguros, na Susep, também está em avaliação.

Apesar das palavras de Bolsonaro, que levaram à demissão de Levy, Guedes ainda tem autonomia para indicar o presidente do BNDES.

Painel/Folha de S.Paulo
Francisco do PT

Francisco do PT cumpre agenda no Seridó, ao lado da governadora Fátima Bezerra

O sábado (15) foi de agenda no Seridó, para o deputado Francisco do PT, ao lado de Fátima Bezerra. A primeira atividade foi em Carnaúba dos Dantas, onde a governadora entregou cheques do programa Microcrédito do Empreendedor.

O evento aconteceu na Escola Estadual Caetano Dantas, onde mais de 50 microempreendedores foram beneficiados com cheques que, somados, chegam a um investimento total de 206 mil reais.

“Esse tipo de programa tem uma importância gigante, porque além de ajudar os microempreendedores em seus pequenos negócios, ainda contribui com a economia local, num momento tão difícil de nossa economia”, destacou o deputado Francisco.

Após o evento em Carnaúba, o deputado e a governadora seguiram para Caicó, onde participaram da 1ª Feira Regional de Negócios, Ciência, Tecnologia e Inovação (Feneciti). Na Feira, que aconteceu na Ilha de Santana, a agenda também foi acompanhada pelo vice-governador Antenor Roberto, pelos secretários de Estado, Jaime Calado (Desenvolvimento Econômico) e Fernando Mineiro (Gestão de Projetos), além da senadora Zenaide Maia.

O evento promovido pelo Governo do Estado, contou com 100 stands e teve o objetivo de mostrar o que o Rio Grande do Norte tem produzido de melhor nos setores de tecnologia e inovação.
“Este evento é mais uma prova do compromisso do Governo do Estado com quem faz acontecer no RN”, ressaltou Francisco do PT.

A agenda do parlamentar, ao lado da governadora foi encerrada em Currais Novos, onde, ao lado do prefeito Odon Jr, participaram de mais um edição do Forronovos, a tradicional festa junina da cidade.

Economia

Governo do RN paga 79,5% do funcionalismo nesta segunda-feira

Os outros 20,46% também receberão dentro do mês trabalhado, no próximo dia 28 de junho

O Governo do Estado inicia o pagamento de junho com o depósito de pouco mais de R$ 217 milhões na conta de 79,54% do funcionalismo estadual nesta segunda-feira, 17. Os outros 20,46% também receberão dentro do mês trabalhado, no próximo dia 28 de junho.

Os R$ 217 milhões injetados na economia potiguar nesta segunda correspondem ao salário de quem recebe até R$ 4 mil (valor bruto) e 30% do salário dos servidores que ganham acima desse valor, além do pagamento integral à categoria da Segurança Pública.

No próximo 28 de junho recebem o salário integral os servidores das pastas com recursos próprios e da Educação, além dos 70% restantes de quem ganha acima de R$ 4 mil, concluindo a folha de R$ 438 milhões do mês de junho.

Também nesta data será pago a segunda parcela do décimo terceiro de 2017 aos 15% ou 1.257 inativos e pensionistas restantes que ganham acima de R$ 12 mil (valor líquido).

Agora RN

Carregar mais artigos

Últimos Eventos

03/03/19
Master Leite
06/05/18
Parque Dinissauros - Povoado Sto Antonio (Cobra)
Março 2017
Aero Clube
08/07/2017
Parque Exposições - Fotos: Mazilton Galvão

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!