Arquivos:

Automóveis » Economia

Vendas de veículos seminovos caem 50% no 1º semestre

As vendas de veículos seminovos, que têm até 3 anos de uso, fecharam o 1º semestre com queda de 50,9% em comparação com o mesmo período de 2017, mantendo o cenário visto no começo do ano.

O volume total de vendas de veículos usados praticamente se manteve, com leve alta de 1,1%, também na comparação com o ano anterior. O que tem acontecido é que os carros mais velhos passaram a ser mais negociados.

Segundo a federação dos revendedores de usados, a Fenauto, os campeões de venda no 1º semestre foram os com 4 a 8 anos rodados (“usados jovens”), somando 2,73 milhões de unidades de janeiro a junho, volume 32% maior que o de 1 ano atrás.

O segundo maior montante foi o dos usados com 13 anos ou mais (“velhinhos”), com 1,49 milhão de unidades negociadas, 29% a mais.

Em terceiro ficaram os seminovos , com 1,37 milhão de vendas, superando apenas os usados de 9 a 12 anos (“maduros”), com 1,2 milhão de unidades negociadas, uma alta de 72% nas vendas, a maior entre os usados.

Ao todo, a venda de veículos usados somou 6,8 milhões de unidades, de acordo com a Fenauto.

Fonte: Auto Esporte

Energia » Política

Câmara aprova isenção do pagamento da conta de luz para famílias de baixa renda

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta terça-feira (10) a isenção do pagamento da conta de luz para famílias de baixa renda.

Segundo o Ministério de Minas e Energia, 8,9 millhões de famílias devem ser beneficiadas.

A medida foi aprovada durante a votação do projeto que viabiliza a privatização de seis distribuidoras de energia controladas pela Eletrobras.

O texto-base da proposta já havia sido aprovado na semana passada, mas os deputados ainda precisavam analisar os destaques (possíveis mudanças ao texto original) para concluir a votação.

Durante a análise dos destaques, os deputados modificaram as regras da chamada Tarifa Social. Pela proposta, serão beneficiadas com a isenção do pagamento da conta de luz as famílias:

  • com renda mensal menor ou igual a meio salário mínimo;
  • e que consumirem até 70 kwh/mês.

O texto define, ainda, que o pagamento caberá à Conta de Desenvolvimento Energético (CDE). As famílias beneficiadas com a medida deverão estar incluídas do Cadastro Único dos programas sociais do governo.

Durante a sessão, os partidos de oposição defenderam que o consumo fosse de até 80 kwh/mês, mas a base governista defendeu 50 kwh/mês. Diante disso, houve um acordo e os parlamentares chegaram ao consumo de 70 kwh/mês.

Atualmente, os descontos para famílias de baixa renda são calculados com base no consumo, que vai de 30 kwh/mês a 220 kwh/mês. O desconto varia de 10% a 65%.

Pela lei atualmente em vigor, somente indígenas e quilombolas cujas famílias são consideradas de baixa renda têm direito ao desconto de 100% na conta de luz.

Com a conclusão da votação do projeto, nesta terça, o texto seguirá para votação no Senado e, em seguida, para sanção presidencial.

Fonte: G1

Combustível » Economia » Rio Grande do Norte

RN e mais 12 sobem impostos sobre gasolina para compensar perdas com diesel

O governo do Rio Grande do Norte e mais 12 decidiram compensar a arrecadação do ICMS sobre o diesel elevando o valor de tributos cobrados sobre a gasolina.

Na prática, em muitas das unidades, sequer houve perda, pois a compensação sobre a gasolina foi maior que a perda sobre o diesel.

Os indícios de aumentos já haviam sido divulgados em primeira mão pelo BlogdoBG ao longo dos dias que antecederam a revolta dos caminhoneiros. Mas àquela altura, tanto o RN como os demais estados alegavam se tratar de um procedimento de praxe.

O ICMS dos combustíveis é cobrado sobre um preço de referência chamado de PMPF (preço médio ponderado final), que é definido pelas secretarias estaduais de Fazenda a cada 15 dias, de acordo com pesquisa nos postos.

Sobre esse preço incidem alíquotas que variam por produto e por estado.

Desde o fim da paralisação dos caminhoneiros, 17 estados reduziram o PMPF do diesel, acompanhando a queda de preço provocada pelas subvenções concedidas pelo governo federal para encerrar a paralisação.

No início do mês, o RN e outros estados decidiram elevar o PMPF da gasolina, embora a Agência Nacional de Petróleo tenha detectado queda média de 1,62% no preço do combustível.

Os seguintes estados apelaram à manobra: Alagoas, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro (que reduziu a alíquota), Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Rio Grande do Sul, Sergipe e São Paulo. O levantamento foi da Folha de S.Paulo.

O impacto é no bolso de quem vai abastecer e leva ainda em conta outro aspecto, o PMPF cobrando sobre a gasolina é bem maior do que aquele cobrado pelo diesel.

No Rio Grande do Norte, o governo decidiu baixar o PMPF do diesel em 4,31%, mas subiu o da gasolina em 6,77%.

O exemplo mais gritante foi no Rio Grande do Sul, onde o ganho com a gasolina, pelos novos valores adotados pelo Estado, seria de R$ 32,3 milhões, e a perda com o diesel, de apenas R$ 294 mil por mês. O governo gaúcho foi um dos que menos reduziram o preço de referência para a arrecadação de ICMS sobre o combustível, em apenas R$ 0,01.

Fonte: Blog do BG

Esporte » Futebol » Internacional

Justiça dos EUA abre brecha para Fifa e Conmebol reivindiquem dinheiro desviado por José Maria Marín

A Justiça norte-americana abriu uma brecha e deu até o dia 6 de agosto para que a Fifa, Conmebol ou qualquer outra entidade esportiva apresente requerimentos de quanto querem que o ex-presidente da CBF, José Maria Marin, pague como restituição do dinheiro que desviou do futebol.

Em tese, a CBF também pode reivindicar dinheiro, uma vez que o cartola foi condenado por atos que realizou enquanto era presidente da entidade. Mas, por enquanto, a entidade nacional não se pronunciou.

No final de 2017, ele foi condenado por corrupção em Nova York. Mas aguarda numa prisão para saber quantos anos terá de permanecer detido. Sua sentença, segundo a Justiça americana, será anunciada no dia 17 de agosto.

Os advogados da Fifa já acusaram Marco Polo Del Nero, Marin e Ricardo Teixeira de “corrupção” e de terem prejudicado a “reputação” da entidade máxima do futebol. Apenas pelos danos causados pelos dirigentes brasileiros, a Fifa solicitou à Justiça norte-americana que seja reembolsada em US$ 5,3 milhões (cerca de R$ 20,4 milhões) pelos três dirigentes brasileiros.

Del Nero e Teixeira foram membros do Comitê Executivo da Fifa por anos e, segundo a entidade, teriam absorvido US$ 1,67 milhão (R$ 6,45 milhões) e US$ 3,5 milhões (R$ 13,5 milhões) respectivamente dos cofres da Fifa em gastos de viagem, hotéis e salários, sem contar o impacto sobre a reputação. Já Marin consumiu US$ 114 mil (R$ 440 mil).

Segundo a Fifa, os três cartolas brasileiros ocuparam “posições de confiança na Fifa e em organizações nacionais”. “Ao longo dos anos, eles abusaram de suas posições para se enriquecerem, enquanto causavam danos significativos para a Fifa”, indicou o documento oficial enviado para a Justiça americana.

“Os danos foram amplas perdas financeiras (incluindo salários e dinheiro desviados ao seus bolso, assim como dano para a reputação, relações comerciais e à propriedade intelectual da Fifa”, indicaram os advogados. “Suas ações afetaram profundamente a marca Fifa e sua habilidade de usar os recursos para fortalecer o futebol”, indicaram.

“Esse dinheiro não foi desviado apenas da Fifa, mas dos jogadores, técnicos e torcedores pelo mundo. Esse dinheiro era para ter sido usado para construir campos, não mansões e piscinas”, atacou a Fifa. “Era para comprar uniformes, não joias e carros e não dar um estilo de vida abusivo aos dirigentes”, insistiu.

Em um recurso apresentado ao Ministério Público dos EUA, a Fifa estima que precisa receber pelo menos US$ 28 milhões (R$ 108 milhões) do dinheiro já coletado pela Justiça americana dos cartolas. Além disso, a Fifa estima que teria direito a US$ 10 milhões (R$ 38 milhões) pelo esquema de compra de votos para as Copas de 1998 e 2010, além de custos de advogados – cerca de US$ 10 milhões por mês.

A Conmebol também quer a restituição de dinheiro, depois de constatar o desvio de mais de US$ 130 milhões (R$ 502 milhões) por parte dos dirigentes ao longo de 20 anos.

Fonte: Blog do BG

Copa do Mundo 2018 » Esporte » Futebol

Com gol de Umtiti, França bate a Bélgica e avança à final

A França está na final da Copa do Mundo pela terceira vez em sua história. Dona de um título (1998) e um vice (2006), a seleção francesa bateu a Bélgica por 1 a 0 nesta terça-feira, em São Petersburgo, e agora espera o vencedor de Croácia e Inglaterra, que se enfrentam nesta quarta, em Moscou. A final será no domingo, às 12h de Brasília, no estádio de Lujniki, em Moscou. A decisão do terceiro lugar será no sábado, às 11h, em São Petersburgo. Umtiti fez o gol da classificação francesa, lembrando outro defensor, Thuram, responsável pelos dois gols da França na semifinal de 1998, contra a Croácia. Umtiti foi eleito o melhor em campo na votação da Fifa.

Fonte: Globoesporte.com

Natal » Temporal

Chuvas desde a madrugada provocam alagamentos em Natal

A terça-feira (10) começou com chuva e alagamentos em Natal. Chove desde a madrugada e os reflexos aparecem quando o dia amanhece. Na Avenida Moema Tinôco, uma das mais movimentadas e de acesso a diversos bairros da Zona Norte da capital, vários pontos de alagamentos foram registrados. Próximo ao cemitério o acesso estava complicado. De acordo com os moradores do local, esses alagamentos são recorrentes, mesmo com as obras de duplicação.

Em outro ponto da Avenida a pista foi tomada por areia e os veículos passaram a usar apenas uma das faixas da via. Além disso, a falta de abrigo nas paradas de ônibus causou transtornos aos passageiros do transporte público.

Com a chuva o trânsito também ficou complicado na Avenida Felizardo Moura, na Zona Oeste de Natal, a principal via de acesso entre a Zona Norte e a Avenida Bernardo Vieira para quem transita pela Ponte de Igapó.

De acordo o secretário municipal de Segurança Pública e Defesa Social, João Paulo Mendes Sales, responsável pela Defesa Civil de Natal, não foi registrada nenhuma ocorrência grave registrada em função das chuvas na capital até às o início da manhã desta terça.

Fonte: OP9

Internacional

Doze meninos e o técnico de futebol são retirados de caverna após três dias de resgate na Tailândia

Após três dias de resgate, 12 meninos e o seu técnico de futebol foram retirados, da caverna Tham Luang, no norte da Tailândia, e passam bem. A operação desta terça-feira (10) foi a mais desafiadora, porque chovia e o número de resgatados foi superior ao das missões anteriores.

Oito crianças – em dois grupos de quatro pessoas – já tinham sido resgatadas desde o começo das operações, no domingo (8).

De acordo com o jornal “The Guardian”, prosseguem os trabalhos para a retirada de um médico e três fuzileiros navais que entraram na cavidade subterrânea para dar assistência ao grupo.

Houve uma certa demora em transferir os meninos da entrada da caverna para o helicóptero, mas três ambulâncias já deixaram o local, de acordo com a BBC.

O primeiro-ministro tailandês, Prayut Chan-o-chau, afirmou que os meninos receberam ansiolíticos antes de serem levados à superfície, segundo o “The Guardian”. Nos últimos dias, resgatados foram vistos chegar à superfície em macas.

As oito primeiras crianças trazidas para a superfície estão internadas no hospital da província de Chiang Rai, que fica a cerca de 70 km da caverna, mas passam bem. Elas estão em quarentena para evitar alguma infecção já que a saúde do grupo ficou fragilizada por um longo período de jejum forçado.

Fonte: G1

Concurso » Concurso Público » UFRN

UFRN abre concurso para preencher 69 vagas de níveis médio, técnico e superior

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) abriu concurso público para preencher 69 vagas de níveis médio, médio/técnico e superior. Os salários variam entre R$ 1.945,07 até R$ 4.180,66. (Clique aqui e aqui e confira os editais)

As inscrições começam no dia 23 de julho e seguem até o dia 20 de agosto no site do Núcleo Permanente de Concursos (Comperve). As taxas de inscrição são R$ 50 (nível médio), R$ 60 (médio/técnico) ou R$ 80 (superior).

As provas serão aplicadas no dia 30 de setembro deste ano.

Fonte: Tribuna do Norte

Imposto de Renda

Imposto de Renda 2018: Receita libera consulta ao segundo lote de restituição nesta segunda-feira

Para quem está na expectativa de um dinheiro extra neste início do segundo semestre, a Receita Federal vai liberar nesta segunda-feira, às 9 horas, a consulta ao segundo lote de restituições do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) de 2018 (ano-base 2017). Nesta etapa, serão contemplados 3.360.917 contribuintes, com a liberação total de R$ 5 bilhões. O dinheiro estará disponível para saques nos bancos no dia 16.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita Federal na internet ou ligar para o Receitafone 146. É preciso informar o CPF e a data de nascimento.

Antes de fazer sacar os recursos, especialistas em finanças pessoais sugerem que as pessoas façam um planejamento para o melhor uso dos recursos. A prioridade para quem tem dívidas deve ser acertar essas contas. Só depois é possível decidir se aproveita o dinheiro extra para fazer uma reserva de emergência ou usa para consumir.

A novidade, agora, será a inclusão de professores entre os beneficiários com prioridade de recebimento. Esse direito foi assegurado no fim de 2017. Cerca de um terço dos recursos – uma quantia de R$ 1,62 bilhão – será paga aos contribuintes com prioridade de recebimento — pessoas a partir de 60 anos ou que tenham doenças graves. O lote incluirá 3.358 idosos acima de 80 anos, 49.796 pessoas entre 60 e 79 anos e 7.159 cidadãos com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave, além de 1.120.771 professores.

A prioridade de pagamento para os docentes foi garantida em 26 de outubro de 2017, por meio de uma lei sancionada pelo presidente Michel Temer. Os profissionais de ensino cuja maior fonte de renda seja o Magistério passaram a ter restituição prioritária a partir deste ano, logo após o primeiro pagamento feito aos idosos.

Atualmente, segundo informações do Sindicato dos Professores do Município do Rio de Janeiro e Região (Sinpro-Rio), somente a rede privada de ensino da capital tem 30 mil professores. De acordo com a Secretaria municipal de Educação, a rede pública tem 39.450 docentes ativos. Já a rede estadual informou que tem 65.288 servidores ativos no Magistério (neste caso, incluindo não docentes).

Fonte: Blog do BG/O Globo

Energia Eólica » Rio Grande do Norte

Eólicas investirão R$ 2 bilhões até 2021 no RN

O maior produtor de energia eólica no Brasil na atualidade poderá bater mais um recorde até 2021. O Rio Grande do Norte deverá atingir a marca dos 5 gigawatts (GW) de capacidade instalada com a entrada em operação dos 16 parques eólicos em construção e de outros 13 empreendimentos contratados nos mais recentes leilões da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e que deverão ser construídos no período. Cerca de R$ 1,8 bilhão está envolvido na fase inicial de investimentos dos parques eólicos para os próximos três anos, além das linhas de transmissão, de acordo com o Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (Cerne). Hoje, o estado conta com 135 parques eólicos instalados com capacidade de geração posta de 3.678,9 megawatts (MW) – correspondente a 84,76% dessa matriz energética localmente.

Existem, porém, muitos desafios a serem superados para que o estado rompa os números atuais e chegue aos 5 GW num intervalo mais curto de tempo que seu concorrente mais próximo, a Bahia. A falta de linhas de transmissão para escoamento da energia produzida e de um porto que consiga dar vazão à logística envolvida na instalação dos parques eólicos no estado são pontos cruciais apontados pelo presidente do Cerne, Jean Paul Prates. Além disso, a Bahia está conseguindo expandir o número de empreendimentos em construção numa velocidade superior à potiguar e poderá ultrapassar a marca prevista pelo RN antes de 2021. Hoje, a Bahia é o segundo maior produtor de energia eólica do país, com 100 parques instalados e capacidade de geração de 2.594,5 MW e outros 2.425,75 MW de potência em construção.

“Há uma competição, um exercício de comparação saudável entre os estados brasileiros nesse quesito. O que interessa, porém, é que o setor cresça como um todo. Existem desafios comuns aos estados doRN, PB e CE, por exemplo, que são as linhas de transmissão. O momento atual é de consolidação do setor da energia eólica brasileira. O RN é pioneiro . Por termos sido líderes desde os primeiros leilões, lá em 2008, as dificuldades são sempre vistas aqui inicialmente”, aponta Jean Paul Prates.

Com os 135 parques eólicos em operação comercial, o RN encerrou o ano de 2017 com 1.455,3 MW médio de energia entregues ao Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). O número representa crescimento de 20,7% em relação ao ano de 2016. Especialistas do Cerne afirmam que “apenas um terço do potencial eólico foi explorado até o momento no estado, que até 2003 encontrava-se na estaca zero no tocante à produção energética.” Com um potencial estimado em 10 GW, o incremento na produção eólica local depende da operacionalização dos empreendimentos em construção e, acima disso, do aprimoramento dos mecanismos técnicos, gerenciais e comerciais no setor.  “Temos um potencial ainda maior.

Aprimorar negócios, o ambiente operacional e atrair mais empresas precisam estar entre as metas dos empresários; e do governo estadual para que consigamos ampliar a produção. O RN é um dos ambientes mais atrativos do mundo para a energia eólica, mas precisamos vencer os desafios das linhas e transmissão e do porto”, ressalta Jean Paul Prates. Ele informa, ainda, que o único estado com potencial de ultrapassar o RN é a BA em decorrência da vastidão de terras disponíveis.

Desde 2010, o RN é autossuficiente na geração de energia eólica. Hoje, a produção corresponde ao dobro do que é consumido internamente (média de 800 megawatts). “Era um estado que saiu do zero, praticamente, e em poucos anos atingiu a condição de exportador regional de energia e referência no setor de energia renovável tendo já passado um bom período como referência no setor de petróleo e gás, também”, relembra o presidente do Cerne.

Fonte: Tribuna do Norte

 

Últimos Eventos

21/09/2019
São Vicente/RN
03/03/19
Master Leite
06/05/18
Parque Dinissauros - Povoado Sto Antonio (Cobra)
Março 2017
Aero Clube

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!