Arquivos:

Seridó

ADESE lança site para ajudar produtores de queijos do Seridó a aumentarem as vendas

Foto: Divulgação

A Agência de Desenvolvimento Sustentável do Seridó – ADESE, com o apoio do Sebrae do Rio Grande do Norte, está lançando nesta quarta-feira (15) o site https://queijosdoserido.com.br/ para divulgar as atividades dos produtores de queijos regionais do Seridó.

Existem atualmente pouco mais de 300 produtores de queijo de coalho e de manteiga distribuídos pelos 25 municípios do Seridó norte-rio-grandense. Muitos deles produzem outros derivados do leite, como a manteiga do sertão, muito apreciada e utilizada na culinária regional por consumidores do Nordeste brasileiro.

A iniciativa é uma alternativa visando minimizar os efeitos da pandemia provocada pelo novo coronavírus (Covid-19) na cadeia produtiva do leite, que está praticamente estagnada por falta de locais para a comercialização desses produtos, devido ao fechamento do comércio local e isolamento social das famílias.

Segundo o presidente da Cooperativa Mista dos Agricultores Familiares do Seridó – COAFS, Joseilson Medeiros, a crise do coronavírus tem afetado diretamente a comercialização de queijos e, consequentemente, a produção de leite na região do Seridó, que sofreu uma queda vertiginosa.

Seridó

No Seridó, PRF apreende ônibus escolar que levava adolescentes para fazer título de eleitor

Ônibus escolar parados pela PRF – Foto: Reprodução

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) reteve um ônibus escolar que transportava adolescentes para fazer o título de eleitor em Caicó, na região Seridó potiguar. De acordo com a corporação, o caso será remetido ao Ministério Público Federal por suspeita de desvio de finalidade. O caso aconteceu durante a operação “Volta às Aulas”, que ocorreu nacionalmente entre a segunda-feira (9) e a terça-feira (10) para fiscalizar os transportes escolares.

O veículo pertence ao município de Ouro Branco, na mesma região de Caicó, e estava com 35 adolescentes. Em nota, o município informou que os estudantes são atendidos pelo Núcleo de Apoio ao Adolescente, que tem, entre outros objetivos, conscientizar e mobilizar os jovens sobre a importância do documento eleitoral, dentro do programa do Selo Unicef, do qual a cidade faz parte.

Para realizar a ação, o ônibus teria sido solicitado à Secretaria Municipal de Educação. Ainda durante a operação, segundo a PRF, foram fiscalizados 37 veículos de transporte escolar, nas regiões seridó e metropolitana de Natal. Do total fiscalizado, 27 foram retidos e recolhidos ao pátio, por irregularidades diversas. Entre os veículos retidos, 21 eram ônibus do programa “Caminhos da Escola” e outros seis da iniciativa privada.

Seridó

Reconduzido a presidência da AMSO, Sally Araújo, reúne prefeitos e abre oficialmente trabalhos de 2020

Presidente da AMSO Sally Araújo em reunião com os associados – Foto: Divulgação

O presidente da Associação dos Municípios da Microrregião do Seridó Oriental-AMSO, José Sally de Araújo, reuniu na tarde desta sexta-feira (14) os prefeitos consorciados. A Assembleia Geral Ordinária foi à primeira de 2020 e marca a abertura dos trabalhos.

Na pauta, assuntos diversos como o Marco Regulatório do Terceiro Setor e suas repercussões para a pactuação com os municípios na saúde e o planejamento para o exercício de 2020. Além de Sally, que é prefeito de Cruzeta, os prefeitos Hudson Dantas (Santana do Seridó), Isaías Cabral (Acari), Sueleide Araújo (Tenente Laurentino), Iracema Pereira (São Vicente), a secretária executiva Albanita Macedo e os representantes dos outros municípios, estiveram presentes.

Sally lembrou que a AMSO continuará o Programa de Capacitação, onde servidores dos municípios associados tem a oportunidade de receberem formação em sua área de atuação. Contou que foi reconduzido para a presidência da entidade e que ao lado do prefeito de Acari, Isaías Cabral, que assume a vice-presidência, darão sequencia ao trabalho.

“Os projetos são os melhores possíveis para este ano, já tratamos de licitação, novos equipamentos que estão chegando. A associação hoje dispõe de dinheiro em caixa para realizar investimentos e as contrapartidas das obras e projetos que estamos conseguindo trazer com recursos próprios no atendimento aos prefeitos e municípios”.

Coube ao advogado João Eudes Ferreira Filho, a explanação sobre o Marco Regulatório do Terceiro Setor. “O objetivo do Marco Regulatório do terceiro setor é fazer a regulamentação legal da relação dos Municípios, Estado e da União com o Terceiro Setor. As pactuações na área da saúde precisam, por lei, ter um estudo técnico e financeiro. Assim os profissionais passam a ter metas diárias nos procedimentos. Então aquele cumprimento de carga horária passa a ser também qualificado com um alcance de produção. Na prática um paciente que chega a unidade de saúde, encontrará um profissional em busca de cumprir suas metas e fazendo um acolhimento melhor, diferente do que a gente encontra em muitas cidades. Com o terceiro setor esta pactuação gera uma diminuição de custos, conseguindo fazer economia com relação à contratação direta”, contou.

Outro projeto apresentado foi o Sistema de Antecipação Salarial para os colaboradores dos municípios. “Essa idéia é uma proposta das empresas de cartão de crédito que visa apresentar um cartão de crédito consignado mensal para os servidores. Os servidores podem dispor de até 40% do seu salário neste cartão para gastar com o uso do cartão de crédito todo mês. Ao final do mês isso será retido do seu salário consignado”. A ideia foi apresentada aos prefeitos que encaminhará para as procuradorias jurídicas e caso deseje poderá aplicar diante da realidade de cada município.

Seridó

Sally encaminha telegrama para Rogério Marinho em nome dos prefeitos associados à AMSO

Sally de Araújo é prefeito de Cruzeta e presidente da Associação dos Municípios da Microrregião do Seridó Oriental-AMSO – Foto: Divulgação.

O presidente da Associação dos Municípios da Microrregião do Seridó Oriental-AMSO, José Sally de Araújo, encaminhou na manhã desta sexta-feira (7) uma telegrama para o potiguar Rogério Marinho, que assumiu o cargo de Ministro de Estado do Desenvolvimento Regional. A partir da junção de duas pastas, os antigos ministérios das Cidades e da Integração Regional, o novo Ministério foi criado pelo presidente Bolsonaro.

De acordo com José Sally de Araújo, quem ganha com a nomeação é o Rio Grande do Norte que contará, agora na função de ministro, com um dos braços fortes no Governo. “Rogério Marinho é um homem capacitado e tem mostrado isso nas funções que já assumiu no Governo do presidente Jair Bolsonaro, como também em sua vida pública. A função é estratégica para o Nordeste na missão de promover o desenvolvimento regional. Em nome da AMSO e de todos os prefeitos que compõe esta associação, desejamos sucesso ao Ministro Rogério Marinho”.

Rogério Marinho nasceu em Natal no ano de 1963, é economista e foi deputado federal. O Ministro de Estado do Desenvolvimento Regional é o presidente de honra do PSDB.

Seridó

Geoparque Seridó entra na lista de candidatos a Geoparques da Unesco

Foto: Divulgação/UFRN

O Geoparque Seridó entrou na lista de candidatos a Geoparques Mundiais da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) em 2020. Foram selecionados 20 geoparques em 16 países, além da ampliação de três já existentes. A lista pode ser conferida neste link.

O Geoparque Seridó, além de ser um projeto de extensão da UFRN, é uma área de 2800 quilômetros quadrados que inclui os municípios de Cerro Corá, Lagoa Nova, Currais Novos, Acari, Carnaúba dos Dantas e Parelhas, localizados no Seridó potiguar. A área foi investigada pelo professor Marcos Nascimento, responsável pelo projeto, e sua equipe, que reúne professores, alunos e moradores destes municípios, com o intuito de identificar um patrimônio único no mundo.

Nos trabalhos de campo, notou-se que o patrimônio do Geoparque tem milhões e até bilhões de anos. Há formações rochosas com dois bilhões de anos e paisagens com relevos de mais de 20 milhões de anos. Além dessas descobertas, o grupo também realizou palestras nas localidades, explicando à população a funcionalidade de um geoparque e a importância que tem esse território seridoense. Afinal, isso é extensão: levar o conhecimento desenvolvido na universidade para a comunidade, quebrando o argumento que a universidade fica apenas em si mesma.

Marcos conta que, após a descoberta, os gestores públicos enxergaram o projeto como uma forma de promover, e também desenvolver, o território de uma forma sustentável. Atualmente, está sendo criado o Consórcio Público Intermunicipal Geoparque Seridó, uma ligação entre os municípios, a UFRN e o Governo do Estado. O RN acabou se unindo a fim de levar o projeto para frente e conseguir o destaque mundial.

Agora, reconhecido como aspirante, no dia 17 de março, o Programa Internacional de Geociências e Geoparques da UNESCO dará conhecimento à União Internacional de Ciências da Terra, ao Conselho do Programa Internacional de Geociências e ao público em geral das novas aplicações para 2020. Após a visita técnica da Unesco, para conferir o local, o Seridó pode ser reconhecido como geoparque mundial em setembro deste ano.

Seridó

CAICÓ: Prefeito acusa ex-funcionário de tentar atropelá-lo

O PREFEITO BATATA | FOTO: DIVULGAÇÃO

O prefeito de Caicó, Robson Araújo, O Batata, disse nesta terça-feira que uma pessoa tentou atropelá-lo por duas vezes com um carro. Afirmando conhecer o agressor, que seria um ex-servidor da Prefeitura Municipal, o gestor comunicou que vai denunciar o fato ao Ministério Público.

Batata não deu detalhes sobre o motorista que tentou atropelá-lo enquanto caminhava na BR-427. O gestor informou que, ao reconhecer o homem, mandou uma mensagem para ele no WhatsApp. Texto que foi correspondido com um pedido de desculpas.

Apesar do susto, Batata informou que seguirá caminhando todos os dias.

Portal no Ar
incêndio » Seridó

Bombeiros combatem incêndio florestal no Seridó Potiguar

FOTO: DIVULGAÇÃO/CORPO DE BOMBEIROS DO RN

O Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte (CBM-RN) combate um incêndio florestal na região Seridó Potiguar. Os focos começaram no início da tarde desse domingo (29), entre Cruzeta e Caicó.

Segundo a corporação, vários focos de incêndio foram apagados, mas alguns ainda persistem e estão sendo monitorados pelo Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil.

Ainda de acordo com o CBM-RN, não há registro de vítimas nem de danos em edificações.

Nos últimos dias, os bombeiros já combateram incêndios em Patu e em Alexandria, ambos na região Oeste do RN.

Portal no Ar
Seridó

Piloto de Combate à Desertificação no Seridó Potiguar é reconhecido pela respeitada FGV

Projeto pretende continuar funcionando

O Piloto de Combate à Desertificação no Seridó, realizado pelo Governo do Estado via Governo Cidadão com recursos do Banco Mundial, começa a receber reconhecimento nacional. O projeto foi um dos 12 selecionados na chamada final do Bota na Mesa, criado pelo Centro de Estudos em Sustentabilidade da Fundação Getúlio Vargas (GVces). Em setembro a FGV realiza uma cerimônia para apresentar os selecionados, promover a troca de experiências entre eles e dar visibilidade às ações.

“O reconhecimento das ações do piloto nos coloca um duplo desafio: tornar as iniciativas permanentes nos três municípios contemplados, Parelhas, Equador e Carnaúba dos Dantas, e expandi-las a outros que também sentem os efeitos do processo de desertificação. E isso só será possível se houver uma intervenção articulada e conjunta dos órgãos do Estado, agindo de forma intersetorial”, destaca o secretário de Gestão de Projetos e Metas e coordenador do Governo Cidadão, Fernando Mineiro. Para a gerente executiva Ana Guedes, que inscreveu o projeto na disputa, a seleção demonstra o reconhecimento de um trabalho árduo.

Sobre o Piloto

O Piloto de Combate à Desertificação beneficia 203 agricultores familiares de nove associações comunitárias nos municípios de Parelhas, Equador e Carnaúba dos Dantas. Com investimentos de R$ 2,4 milhões (incluindo a contrapartida das associações), o projeto utiliza tecnologias e aprendizagens de convivência sustentável com o solo desertificado e a escassez de chuvas, com o objetivo de proporcionar segurança alimentar e hídrica, preservando e/ou recuperando o ecossistema da caatinga, degradado pelo mau uso e pela falta de políticas continuadas de conservação. O Piloto combina biodigestores, barragens subterrâneas, reuso de águas servidas, plantio de cactáceas, sistema agroflorestal com poço de abastecimento, quintais produtivos e técnicas de contenção de solo.

CBH - Piancó Piranhas Açu
Economia » Seridó

Queijeiro do Seridó vai disputar competição na França

FOTO: JOÃO VITAL/GOVERNO CIDADÃO

O legítimo queijo do Seridó do Rio Grande do Norte embarca nos próximos dias rumo à 4ª edição da Mondial Du Fromage – Et Des Produits Laitiers em Tours, na França, uma competição internacional de queijo. O queijeiro Lucenildo Firmino, de Tenente Laurentino, e a pesquisadora Adriana Lucena representarão o RN na competição que envolve 38 países. Nessa quinta-feira (23) eles se encontraram com a governadora Fátima Bezerra e o secretário Fernando Mineiro para agradecer o incentivo.

O Governo do Estado, por meio do projeto Governo Cidadão, está patrocinando a ida do queijeiro, enquanto Adriana está viajando com apoio do Sebrae. Convidada pela organização do evento para participar, Adriana escolheu o queijo de Firmino para representar o estado na competição, depois das premiações nacionais conquistadas por ele em 2017 e 2018 no Prêmio Queijo Brasil. A competição acontece entre 2 e 4 de junho próximos.

“É um orgulho muito grande poder levar o queijo do Seridó para a França, para que pessoas de todo o mundo conheçam. É um grande reconhecimento para nós produtores”, celebra Lucenildo, mais conhecido como Galego. Ele também é um dos beneficiados pelo Edital de Leite e Derivados lançado pelo Governo do Estado, com recursos do acordo de empréstimo com o Banco Mundial, e nos próximos meses terá sua queijeira construída e equipada, prontinha para obter a tão sonhada certificação.

A governadora Fátima Bezerra registrou o orgulho de o Rio Grande do Norte ter um pequeno produtor levando seu queijo para um evento deste porte. “É uma honra saber que o Governo do Estado incentiva e apoia produtores como você e contribui de alguma maneira para desenvolver sua atividade. Parabéns por mostrar ao mundo inteiro o queijo do Seridó”, disse.

O secretário de Gestão de Projetos Fernando Mineiro foi um dos maiores defensores da ida do queijeiro até a França. “Incentivar o pequeno produtor, mostrar novos caminhos, abrir mercado são ações prioritárias para o governo quando se trata da agricultura familiar. Temos trabalhado para fortalecer nossos produtores e a participação em um evento como esse, depois de várias premiações nacionais, é um reconhecimento e também é fundamental”, acrescenta.

Saiba mais

O evento de alcance mundial é um marco na história do produtor, que coloca na rua 160 quilos de queijo de coalho diariamente. O item é produzido de maneira artesanal, na zona rural de Tenente Laurentino Cruz, com ajuda da esposa e de dois funcionários. Mas esse número vai mais do que dobrar quando a queijeira de Galego estiver construída e certificada.

O equipamento terá capacidade para processar até dois mil litros de leite, podendo ser em dois circuitos em turnos diferentes, totalizando quatro mil litros diários. O que na produção de Galego significa em torno de 360 quilos de queijo de coalho, além de uma pequena parcela de queijo de manteiga e manteiga de garrafa. Um dos maiores sonhos do produtor é ampliar mercado e conseguir eliminar a figura do atravessador de seu negócio.

Quando a nova queijeira estiver pronta, ele quer ampliar a produção e gerar mais empregos. “Hoje onde trabalho não é um lugar bonito de se ver, o ponto não é meu. Com esse projeto, abriu-se uma baita de uma porta, uma coisa que não sei nem explicar o que significa. Vou receber uma queijeira pronta, toda bonitinha, que eu só vou entrar pra fabricar meu queijo. É um sonho realizado”, comemora.

A queijeira Serra de Santana vai receber R$ 365 mil em investimentos, entre obras e equipamentos. No total, os recursos aplicados nas 39 queijeiras somam R$ 23 milhões e são oriundos do Edital de Apoio à Cadeia Produtiva do Leite e Derivados da Agricultura Familiar, lançado com intuito de dar apoio financeiro e técnico às organizações que produzem leite e derivados no Seridó.

O objetivo é a regularização sanitária das queijeiras por meio da adequação da infraestrutura, aquisição de maquinário e equipamento necessário, melhoria na logística do transporte, comercialização e capacitação dos funcionários da comunidade. A regularização é importante para que as cooperativas recebam o selo das instituições sanitárias vigentes: Serviço de Inspeção Municipal; Instituto de Defesa e Inspeção Sanitária (IDIARN); Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

Portal no Ar

Últimos Eventos

21/09/2019
São Vicente/RN
03/03/19
Master Leite
06/05/18
Parque Dinissauros - Povoado Sto Antonio (Cobra)
Março 2017
Aero Clube

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!