Arquivos:

Rio Grande do Norte

Médicos agendam novo protesto em frente à Assembleia para terça-feira

Foto: José Aldenir / Agora Imagens

O Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte (Sinmed/RN) agendou para às 9h da próxima terça-feira, 16, uma manifestação em frente à Assembleia Legislativa contra o pacote de medidas de ajuste fiscal que deverá começar a ser votado nesta data pelos deputados estaduais em convocação extraordinária.

De acordo com a categoria, o pacote proposto pelo Governo do Estado “ameaça o serviço público e corta direitos dos trabalhadores”. Entre as medidas criticadas pelos médicos, está o aumento da alíquota de contribuição previdenciária. Pela proposta do governo, a taxa subirá dos atuais 11% para 14%.

O protesto também será contra os atrasos salariais. O governo ainda não pagou o salário de dezembro e décimo terceiro e sequer anunciou quando efetuará os depósitos. Os médicos repudiam também a possibilidade de os inativos e pensionistas ficarem de fora dos próximos calendários.

“Será um dia muito importante. Lembrem-se que estamos em greve. Então é para manter apenas o atendimento mínimo das emergências e todos se juntarem a essa grande manifestação”, convoca Geraldo Ferreira, presidente do Sinmed/RN. A categoria está em greve desde novembro.

Agora RN
Rio Grande do Norte » Violência

CALAMIDADE: Mortes na Grande Natal superam índice do país mais violento do mundo, como a Síria

Em junho de 2017 Ponta Negra virou ‘cemitério’ em protesto por número de homicídios no RN (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

A crise de segurança, que levou 2.800 militares das Forças Armadas e da Força Nacional de Segurança Pública ao Rio Grande do Norte, agravou a criminalidade no Estado no final de 2017. No entanto, não é de hoje que a violência se tornou rotina na Grande Natal, alcançando níveis ainda mais altos após o aquartelamento de PMs.

No ano passado, as 12 cidades que compõem a região metropolitana de Natal atingiram índices de assassinatos que superam taxas de homicídios no país mais violento do mundo e até mesmo em zona de guerra, como a Síria.

A cidade de Extremoz, conhecida por belas praias como Genipabu, registrou a maior a taxa de homicídios no RN em 2017: 233 por 100 mil habitantes. No triste ranking da violência, Ceará-Mirim surge logo em seguida, com taxa de 196 assassinatos.

Os dados são do Obvio (Observatório da Violência Letal Intencional), ligado à Ufersa (Universidade Federal Rural do Semi Árido), que computa os crimes a partir de fontes oficiais.

A situação na região metropolitana elevou a taxa de homicídios em todo o Estado.

O Rio Grande do Norte encerrou 2017 com 2.408 homicídios –67 por cada 100 mil habitantes. Desde os anos 70 até 2016, é a segunda maior taxa já vista em um Estado, perdendo apenas para Alagoas, em 2011, quando houve índice de 71 por 100 mil.

UOL
Rio Grande do Norte

SEGURANÇA: Polícia de volta às ruas

O governador Robinson Faria recebeu, na tarde desta terça-feira (9), representantes dos policiais civis, militares e Corpo de Bombeiros para debater a paralisação da classe, iniciada no último dia 19 de dezembro de 2017. Também participaram da reunião representantes do Ministério Público, Assembleia Legislativa e secretários de Estado.

“Quero estar cada vez mais próximo das polícias, quero elas governando comigo, me ajudando a fazer um governo melhor para a Segurança Pública do Rio Grande do Norte, para ajudar a população. Para isso, fiz um apelo à classe para que possamos, juntos, devolver a tranquilidade à população com a suspensão do movimento”, disse o chefe do Executivo estadual.

Robinson ainda acrescentou que a crise econômica foi fator preponderante para o atraso nos vencimentos dos servidores, mas que a situação deve ser resolvida em breve. “Os salários não foram quitados em dia por não ter condições de pagar, mesmo tendo passado meses entre idas e vindas de Brasília tentando levantar recursos. Por vários motivos não conseguimos, e isso não quer dizer que desistimos. A luta persiste”, afirmou.

A secretária de Segurança Pública, Sheila Freitas reafirmou o espírito de união e a iniciativa do governo em chamar as associações. “O governo teve a iniciativa de conversar, de discutir toda a problemática da Segurança, que não é de agora, são de muitos anos. Resolvemos chamar todos para conversar e expor que estamos em dificuldades sim, mas que unidos podemos debater alternativas e por fim nessa paralisação”.

O presidente a Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais Militares e Bombeiros Militares do RN (ASSPMBMRN), Eliabe Marques, explicou que aguarda aprovação do Termo de Ajustamento de Gestão (TAG) para encerrar a paralisação. “Vamos nos reunir com a anuência do governador, concordando com todos os termos que foram debatidos em reunião anterior, para redigir esse TAG e submetê-lo em assembleia da categoria e a retornar as atividades”.

O documento só deve ficar pronto na manhã desta quarta-feira (10) e segue para ser apresentado em caráter formal aos policiais, em nova assembleia, com previsão para 10h. O documento contem 18 reivindicações da categoria. “O caminho é pelo encerramento da paralisação. A assembleia já deliberou isso e estamos aguardando o TAG para fazer a leitura junto aos demais companheiros, mas já voltamos ao trabalho amanhã dentro das condições possíveis”, afirmou.

O TAG que esta sendo elaborado é basicamente norteado por três pautas. “A questão salarial, que estava pendente e o governador já assegurou para o próximo dia 12, e o décimo segue em estudo, com as entidades em conjunto com a gente acompanhando essas ações. Outro ponto diz respeito às condições de trabalho, e nisso ficou definido que o Estado vai usar recursos federais. Encerra com a questão da anistia das punições por conta da paralisação. O Estado assume o compromisso de fazer a conciliação para retirar as punições”, detalhou o secretário de Gestão de Projetos, Vagner Araújo.

Em assembleia, mais cedo, os policiais civis já tinham aprovado o fim da paralisação. A categoria estava em mobilização desde o dia 20 de dezembro. Com isso, a regularização do atendimento à sociedade nas delegacias e demais serviços já foi normalizado. “Demos o voto de confiança no governo de que o pagamento será efetuado na próxima sexta-feira (12)”, contou o Sindicato dos Policiais Civis do Rio Grande do Norte (Sinpol/RN), Nilton Arruda.

Economia » Política » Rio Grande do Norte

MAIS UM POUCO: Governo do RN adia novamente conclusão da folha de novembro

Robson Faria

O governo do Rio Grande do Norte adiou novamente a conclusão da folha de novembro para a quarta-feira (10). No sábado (6), o Executivo determinou o pagamento de todos os servidores do Estado, ativos e aposentados. O pagamento foi concluído nesta segunda (8). Para a quarta, restam os pensionistas.

De acordo com nota divulgada pelo governo do RN, foi creditada nesta segunda-feira uma parcela de R$ 4 mil para os pensionistas que recebem acima desse valor. Nesta terça (9), o Executivo vai enviar as ordens bancárias para a conclusão do pagamento, que ocorrerá na quarta.

Mais cedo, o governador Robinson Faria declarou que pretende pagar a folha de dezembro entre os dias 11 e 12 deste mês. O 13º salário permanece sem data para ser pago.

Informções, G1RN
Oportunidade » Rio Grande do Norte » Saúde

OPORTUNIDADE: Secretaria de Saúde do Rio Grande do Norte abre concurso com 370 vagas

Edital já foi publicado e informa que salários podem chegar a R$ 3,7 mil; inscrições podem ser feitas – exclusivamente – pelo site da Comperve, entre 15 de janeiro e 15 de fevereiro

A Secretaria de Saúde Pública do Rio Grande do Norte abriu concurso para 370 profissionais dos níveis médio e superior. O edital já foi publicado e informa que os salários podem chegar a R$ 3,7 mil. As inscrições podem ser feitas – exclusivamente – pelo site da Comperve, entre 15 de janeiro e 15 de fevereiro.

As vagas disponibilizadas são de técnico de enfermagem (155 vagas), enfermeiro (60 vagas), além de administrador, psicólogo, contador, psicólogo, assistente social, dentre outras especialidades. As inscrições custam R$ 80 para cargos de nível médio e R$ 100 para nível superior.
Confira as vagas:

Nível Médio:
Assistente técnico em saúde (14 vagas);
Técnico de biodiagnóstico (6);
Técnico em enfermagem (155);
Técnico em radiologia (1).

Nível superior:
Assistente social (1);
Enfermeiro (60);
Engenheiro biomédico (2);
Engenheiro de segurança do trabalho (1);
Farmacêutico (1);
Farmacêutico bioquímico (1);
Fisioterapeuta (3);
Fonoaudiólogo (1);
Nutricionista (1);
Psicólogo (1);
Tas/administrador (9);
Tas/contador (3);
Terapeuta ocupacional (1);
Médico anestesista (8);
Médico cardiologista (1);
Médico cirurgião geral (16);
Médico cirurgião pediátrico (8);
Médico cirurgião torácico (2);
Médico cirurgião vascular (2);
Médico clínico geral (15);
Médico endoscopista (1);
Médico gastroenterologista (1);
Médico ginecologista e obstetra (!5);
Médico hematologista (1);
Médico infectologista (1);
Médico intensivista (8);
Médico do trabalho (1);
Médico nefrologista (5);
Médico neonatologista (8);
Médico neuroencefalografista (1);
Médico neurocirurgião (5);
Médico neurologista pediátrico (1);
Médico neurologista (1);
Médico ortopedista (8);
Médico patologista (5);
Médico pediatra (8);
Médico pediatra intensivista (8);
Médico pneumologista (1);
Médico psiquiatra (5);
Médico psiquiatra infantil (5);
Médico ultrassonografista (1);
Médico urologista (1).

Agora RN
Rio Grande do Norte » Trânsito

ALIVIANDO: Feriadão de Ano Novo foi menos violento nas rodovias federais do RN; confira balanço

Trânsito congestionado na tarde desta segunda, na RN-013 – que liga Mossoró a Tibau. (Foto: Jean Souza)

A Polícia Rodoviária Federal encerrou a meia-noite desta segunda-feira (01), a Operação Ano Novo. De 29/12/17 à 01/01/18 foram registrados nas rodovias federais do Rio Grande do Norte um total de 18 acidentes, 26 feridos e uma morte.

Durante esse período foram fiscalizados 651 veículos e 665 pessoas. 429 motoristas foram submetidos ao teste de bafômetro, dos quais 14 foram autuados por dirigir sob efeito de bebida alcoólica. Outros 395 condutores foram multados por cometerem infrações diversas, sendo 81 multas só por ultrapassagens indevidas.

Outros 504 veículos tiveram suas imagens captadas pelos radares portáteis, por transitarem com excesso de velocidade. Oito pessoas foram presas por crimes diversos, das quais três pela prática de assaltos. Quatro veículos foram recuperados durante o feriado.

Na Operação Ano Novo do ano passado (2016/2017), foi contabilizados nas BRs do RN, um total de 25 acidentes que resultou em 23 pessoas feridas e seis pessoas mortas. Comparando-se com o mesmo período deste ano, verifica-se uma redução significativa no número de acidentes e principalmente no número de mortes.

Portanto, o feriadão de ano novo(2017/2018) foi bem menos violento nas rodovias federais do nosso Estado. Essa redução se deve, principalmente, a uma fiscalização mais intensiva e mais rigorosa por parte da PRF.

Insegurança » Rio Grande do Norte

Sesed e PM vão cumprir decisão que decreta prisão de policiais que colaboram com paralisação no RN

Em entrevista coletiva nesta segunda-feira (1), a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Rio Grande do Norte (Sesed) e o Comando Geral da PM informaram que a partir desta terça-feira (2) irão cumprir a decisão judicial decretada pelo desembargador Cláudio Santos, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN), que determina a prisão de policiais que incitem e defendam a paralisação no estado, que foi iniciada no dia 19 de dezembro.

A secretária da Sesed, Sheila Freitas, entende que é crucial o fim da paralisação dos policiais civis e militares. Como justificativa, ela cita as duas ordens judiciais que determinam a volta imediata dos servidores aos postos de trabalho. A primeira foi decretada pela desembargadora Judite Nunes no dia 24 de dezembro, que considerou o movimento ilegal e, a mais recente, estabelecida pelo desembargador Cláudio Santos, neste domingo (31), que determina punições para os servidores que colaborarem com a paralisação.

Informações, G1RN
Rio Grande do Norte » Violência

‘RIO GRANDE DA MORTE’: RN registrou 2,4 mil mortes violentas em 2017; recorde histórico

O Rio Grande do Norte registrou 2.405 homicídios no ano de 2017. De acordo com o Observatório da Violência Letal Intencional (OBVIO) – instituto que contabiliza os crimes contra a vida no estado – nunca se matou tanto em toda a história do estado. No geral, o total de assassinatos é 20,5% maior que a quantidade registrada em todo o ano de 2016.

Ainda de acordo com o instituto, o número de homicídios no RN havia diminuído em 2015, quando o estado registrou 1.670 assassinatos, ante 1.772 em 2014. Porém, desde 2016 o número vem crescendo e atingiu a marca histórica de 2 mil mortos em menos de um ano em outubro de 2017.

Informações, G1RN
Rio Grande do Norte » Segurança

Desembargadora determina retorno imediato das funções das polícias Civil e Militar e Bombeiros no RN

A desembargadora Judite Nunes acatou pedido da Procuradoria-Geral do Estado e considerou ilegal o movimento que vem sendo realizado pelas polícias Civil e Militar e Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Norte. Na decisão, ela determinou que os policiais retomem imediatamente suas funções. Em caso de descumprimento, as associações e sindicatos que representam as categorias podem ser penalizadas. As multas são diárias e vão de R$ 2 mil a R$ 30 mil.

Insegurança » Rio Grande do Norte

INSEGURANÇA: Ainda sem PM nas ruas, Natal tem nova madrugada de arrombamentos e saques em lojas

Ainda sem policiamento nas ruas de Natal, pelo menos mais três lojas foram arrombadas e saqueadas na madrugada desta sexta-feira (22) nos bairros de Cidade Alta e Tirol, ambosa na Zona Leste da cidade. E, mais uma vez, ninguém foi preso.

Entre os estabelecimentos saqueados, está uma loja de departamentos e duas de vestuários. Os crimes se repetem pela segunda noite consecutiva. Na quinta-feira (21), pelo menos cinco estabelecimentos também foram alvo de criminosos.

Desde a terça-feira (19), a maior parte do efetivo da Polícia Militar do Rio Grande do Norte não tem saído às ruas para trabalhar. Trata-se de um protesto que os PMs estão fazendo por causa dos atrasos salariais que vêm acontecendo há meses no estado.

G1RN

Últimos Eventos

08/07/2017
Parque Exposições - Fotos: Mazilton Galvão
08/07/2017
Parque Exposições - Fotos: Mazilton Galvão
07/07/2017
Parque Exposições - Fotos: Mazilton Galvão
14 e 16 abril
Lagoa Nova/RN

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!