Agricultura » Rio Grande do Norte

Energia e agricultura do RN podem receber investimentos da China

Reunião contou com a presença do presidente da CCIBC, Charles Tang, e do diretor executivo da Câmara, Halisson Medeiros

Energia solar e eólica, termoelétricas de pequeno e médio porte com aproveitamento do lixo, fabricação de componentes para a produção de energia e unidades para atendimento do serviço público de saúde em contêineres modernos e equipados são negócios propostos pela Câmara de Comércio e Indústria Brasil-China (CCIBC) ao Rio Grande do Norte. A Câmara representa empresas e promove feiras de negócios nos dois países.

O presidente da CCIBC, Charles Tang, e o diretor executivo da Câmara, Halisson Medeiros, foram recebidos nesta terça-feira (18) pela governadora Fátima Bezerra, vice-governador Antenor Roberto e pelos secretários Jaime Calado (Sedec), Gustavo Coelho (Infraestrutura), pelo coordenador de Desenvolvimento energético da Sedec, Hugo Fonseca, secretário adjunto de Planejamento e Finanças, Pedro Lima, e Álvaro Luiz, coordenador de fiscalização da Secretaria de Estado da Tributação.

Fátima disse que a administração pública tem o desafio de promover o desenvolvimento atraindo investimentos que gerem empregos para a população e que aumentem as receitas do Estado, permitindo assim, melhorar os serviços essenciais como saúde, educação e segurança.

A governadora sugeriu que Charles Tang organizasse uma visita de empresários e investidores chineses ao Rio Grande do Norte para possam conhecer de perto as oportunidades também nas áreas mineral, petróleo e gás, petroquímica e no turismo. “Temos trabalhado muito por uma aproximação com a China, um grande país que tem recursos financeiros e tecnologia, além de um forte mercado consumidor”, afirmou Fátima.

Municípios

A chefe do Executivo estadual orientou o secretário Jaime Calado a articular junto à Federação dos Municípios do Estado (Femurn), entendimentos para orientar opções de investimentos à Câmara de Comércio Brasil-China.

“O desenvolvimento deve chegar a todas as regiões do Estado. E temos muito potencial nos municípios. Inclusive o novo Programa de Estímulo ao Desenvolvimento Industrial (Proedi), lançado no ano passado por nossa administração, contempla incentivos mais vantajosos para quem se instalar nas cidades do interior. Queremos que os empregos, a renda, os negócios, a melhoria da qualidade de vida cheguem também à população do interior nas cidades e no campo”, afirmou, citando a agricultura familiar como opção de negócios para equipamentos chineses de mecanização para pequenas propriedades.

A reunião com a CCIBC ainda contou com a presença dos empresários Márcio Dantas e Dadá Costa e representante do senador Jean Paul Prates.

Agora RN

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!