Policial

Mentor de estupro coletivo no Piauí é condenado a 100 anos de prisão

Adão José de Sousa, de 43 anos, participou e comandou a violência contra quatro adolescentes em maio de 2015

Três vítimas foram ouvidas. A quarta jovem estuprada, Danielly Rodrigues Feitosa, 17 anos, morreu 10 dias após o crime.

A condenação foi lida pelo juiz Leonardo Brasileiro por volta das 4h desta quarta, após os jurados se reunirem por cerca de duas horas. Formado por cinco mulheres e dois homens, o júri entendeu que Adão de Sousa participou do estupro e comandou os quatro adolescentes que o acompanharam no crime.

A demora ocorreu pela quantidade de crimes imputados ao réu: porte ilegal de arma, estupro qualificado, homicídio qualificado, tentativa de homicídio, corrupção de menores e associação criminosa. Silva nega a participação no crime e diz que não estava na cidade na ocasião.

 

Crime

O crime ocorreu no dia 27 de maio de 2015, quando quatro amigas foram tirar fotos no Morro do Garroto, um dos pontos turísticos do município, e acabaram agredidas, estupradas e arremessadas do alto de um penhasco por Silva e quatro adolescentes.

Os menores infratores foram condenados a cumprir medida socioeducativa por envolvimento nos crimes. Um deles foi assassinado pelos comparsas dentro de um alojamento no Centro Educacional Masculino (CEM), em Teresina (PI).


Últimos Eventos

03/03/19
Master Leite
06/05/18
Parque Dinissauros - Povoado Sto Antonio (Cobra)
Março 2017
Aero Clube
08/07/2017
Parque Exposições - Fotos: Mazilton Galvão

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!