Arquivos:

Investigação » Paraíba

PARAÍBA: Saguis são achados mortos e Saúde investiga se há febre amarela

Saguis mortos na PB

A descoberta de 11 saguis mortos em uma zona de mata entre os municípios de João Pessoa, Marcação, Pedras de Fogo e Bananeiras fez a Saúde estadual colher material genético dos animais para realização de testes que podem ou não comprovar infecção por febre amarela.

Os corpos dos animais foram encontrados entre janeiro e o início deste mês. Além da possível infecção por febre amarela, uma hipótese mais considerável é de que a população tenha matado os animais.

“É importante falar que o macaco não é transmissor da febre amarela. Ele se transmite através da picada do mosquito. O macaco é um grande aliado nosso na saúde pública. Ele é um grande indicador da gente em termos de saúde pública. A Paraíba, até agora, não tem registro da doença nem em animais nem no homem”, afirmou o chefe de Zoonoses da Paraíba, Assis Azevedo.

Portal Correio
Paraíba

Homem morre ao cair de 3º andar de estacionamento de shopping em João Pessoa

O veículo ficou pendurado

Um motorista de um caminhão de carga leve morreu depois de cair do 3º andar do edifício garagem do Manaíra Shopping, em João Pessoa, na tarde de ontem (28). Segundo o próprio shopping informou, “o veículo ficou pendurado pela carroceria e o condutor assustado, pulou e caiu”.

O homem chegou a ser atendido pela equipe médica do próprio shopping e, logo em seguida, por uma equipe do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU). A equipe do SAMU prestou atendimento, fez massagem cardíaca, mas o motorista não sobreviveu. De acordo com a equipe que foi ao local, o homem morreu ainda no estacionamento.

Segundo a assessoria do shopping, “as causas do acidente ainda serão investigadas e o estabelecimento está dando total apoio para perícia, mas, o mais provável é que ele tenha ligado o carro com marcha que arrancou e quebrou a mureta”.

G1/PB
Paraíba » Rio Grande do Norte

TRISTE REALIDADE: Em vídeo, jornalista mostra alarmante diferença entre o RN e PB

Uma das estradas que liga o RN ao estado da Paraíba

Numa iniciativa inédita, o jornalista Wanderley Filho foi até a Paraíba, estado vizinho do Rio Grande do Norte, e mostrou que as diferenças entre os dois estados são gigantes.

PB possui a 4º melhor malha viária do Brasil. As cidades do interior têm escolas e unidades de saúde novinhas em folha, e a polícia está bem equipada, com salários em dia e carros novos. Veja o vídeo:

Paraíba » Policial

Na Paraíba, advogada é presa ao entregar celulares a detento de penitenciária do interior

Uma advogada foi presa no final da tarde desta terça-feira (4) acusada de repassar celulares para um presidiário, na cidade de Cajazeiras, no sertão paraibano.

A mulher foi levada para Delegacia de Polícia Civil da cidade após ser flagrada com os produtos ilícitos. A foto divulgada pela unidade prisional mostra celulares, carregadores e chips novos.

De acordo com a direção do presídio, a advogada não passa por revista íntima, mas foi pega quando entregava cinco celulares e os outros produtos ao detento.

Paraíba » Saúde

‘Cãoterapia’ ajuda a tratar crianças em hospital de Campina Grande

As crianças do Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande estão recebendo ajuda no tratamento com uma terapia assistida por animais. O projeto intitulado “Cãoterapia” permite que animais treinados passem um tempo junto aos pacientes na unidade.

Durante as visitas, além dos afagos e das brincadeiras tradicionais, os animais estimulam a socialização das crianças, que se tornam mais receptivas ao ambiente hospitalar. Para participar das atividades, os cães também devem estar vacinados e vermifugados para prevenir a transmissão de doenças.

Os cachorros recebem ainda tratamento e cuidados específicos, precisam ter perfil dócil, carinhoso e de reconhecida afeição por pessoas. A terapia resulta em benefícios físicos e mentais nos pacientes.

G1/PB
Abastecimento » Chuvas » Paraíba

Na Paraíba, açude sangra e deixa mais de 25 famílias isoladas

Cerca de vinte e cinco famílias do assentamento Patativa do Assaré, em Santa Gertrudes, distrito de Patos-PB, estão isoladas depois que o principal açude da região – Jacu, começou a transbordar. Os assentados da reforma agrária estão impossibilitados de se deslocarem para a cidade.

O Açude Jacu recebe água do Rio Panati, e sangra por cima, impossibilitando a locomoção dos moradores do assentamento na parte leste do Patativa do Assaré.

Abastecimento » Paraíba

Em dois dias, volume de açude da Paraíba aumenta 10 vezes

Em menos de dois dias de chuvas, o açude Manoel Marcionilo, localizado no município de Taperoá, no Cariri paraibano, recebeu mais de 5 milhões de metros cúbicos de água. Com a forte chuva que escorreu pelo Rio Taperoá, o volume do açude aumentou 10 vezes e saiu de uma situação de colapso, passando de 3,2% para 37,5% da capacidade total. Segundo prefeitura de Taperoá, a água já é suficiente para abastecer a população, sem racionamentos, pelo menos até o fim deste ano.

Paraíba » Policial

Carro roubado no carnaval de Nova Palemira é recuperado após tentativa de assalto em Cuité

O carro, que era vermelho, teve sua cor alterada pelos bandidos

Na madrugada de ontem (13), bandidos fortemente armados, em um veículo roubado, tentaram assaltar um popular na BR-104, próximo a Cuité-PB. Segundo informações da Polícia Militar, a vítima ao avistar o grupo na estrada, acelerou o veículo e conseguiu escapar. O carro foi alvejado por vários disparos.

Depois do fracasso na tentativa de assalto, o grupo saiu em perseguição a vítima e, em seguida, perdeu o controle do veículo, quase capotando o carro, que ficou às margens da BR, entre o asfalto e a ribanceira.

Após o ocorrido, os bandidos abandonaram o carro e evadiram-se do local.  No interior do carro foram encontradas várias munições calibre 12.

O veículo HB 20 foi tomado por assalto no dia 28 de fevereiro (último dia de carnaval), entre as cidades de Nova Palmeira e Picuí, no Seridó paraibano, depois de meliantes sequestrarem o proprietário (relembre o caso).

NoticiandoPB
Paraíba

CRISE: Desempregado e passando dificuldades financeiras, Ninão deixa sua terra natal

‘Ninão’ no Programa Silvio Santos

Joelison Fernandes da Silva, conhecido por Ninão, vive na cidade Assunção, no Cariri paraibano. Tem 32 anos; 2,36 metros de altura e pesa 200 quilos. Ele é o homem mais alto do Brasil e o segundo mais alto do mundo.

Ninão, trabalha como garoto-propaganda para as empresas, mas, nesses tempos de crise, não tem conseguido participar de nenhuma campanha publicitária. “Só tenho feito bicos e mais nada, e estou precisando ganhar dinheiro para encomendar minhas roupas, meus sapatos, minhas sandálias, e ajudar minha família. Preciso urgentemente ganhar algum dinheiro”, disse ele.

Nesses tempos de crise econômica os trabalhos como garoto-propaganda têm escasseados, contratos foram cancelados, e ele tem sentido o peso das dificuldades e viajou recentemente com a esposa para João Pessoa à procura de um emprego para ele ou para ela ou para os dois. “Até agora não conseguimos nada”, comentou o gigante nacional.

“Eu pretendia sempre morar em minha terra natal, mas infelizmente por questões financeiras, fui obrigado a me ausentar da mesma, sempre imaginei que pudesse ter um apoio por parte dos governantes de minha cidade, foi até prometido algum tipo de ajuda nas eleições passadas, mas infelizmente ficou só na promessa mesmo”, pontuou Ninão.

Ninão chama a atenção aonde chega, atraindo todos os olhares e quem quiser contratá-lo para serviços de publicidade é só ligar para o telefone 9 9896-5901.

Folha Patoense
Abastecimento » Paraíba

Água da transposição chega a Paraíba

Por volta das 19h desta quarta-feira (8), a água da transposição do Rio São Francisco chegou ao território de Monteiro, no Cariri da Paraíba, a 305 km de João Pessoa. A água já passou pelo túnel que separa Monteiro de Sertânia (PE) e está na última estação de controle antes de ser jogada no canal que corta a Zona Urbana da cidade.

A estação de controle só deve liberar água para esse canal na próxima sexta-feira (10), na presença do presidente da república Michel Temer, da bancada federal paraibana, do governador Ricardo Coutinho e de várias lideranças políticas do país.

A estação funciona como uma comporta antes do próximo manancial onde a água da transposição será despejada. Ela interrompe esse fluxo quando houver, por exemplo, um período de chuvas forte capaz de encher esses mananciais sem a necessidade de se utilizar a água do São Francisco. Da mesma forma, a estação libera água modulando a quantidade, dependendo do período de estiagem.

O diretor do DNOCS na Paraíba, Alberto Gomes, confirmou a chegada da água da transposição em território paraibano e disse que agora o cronograma será seguido sem qualquer anormalidade. Segundo ele, para cortar toda a área urbana pelo canal da cidade de Monteiro, a água deve levar em torno de 12 a 15 horas e, para chegar ao açude de Poções, primeiro grande manancial da Paraíba a receber a transposição, esse percurso deve ser feito entre cinco e sete dias, contados a partir da liberação da estação de controle na sexta-feixa.

Após deixar o açude de Poções, a água seguirá para o reservatório de Camalaú. Segundo a previsão dos engenheiros que atuam na obra, a água deve chegar ao açude Epitácio Pessoa (Boqueirão), que abastece Campina Grande e mais 18 municípios da região do Piemonte da Borborema, entre 30 e 45 dias.

Portal Correio

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!