Notícias

Energia vinda dos ventos ganha espaço

Empresas que atuam no setor de petróleo e gás e prestam serviços para a Petrobras no Rio Grande do Norte vão apostar a partir de agora na cadeia da energia eólica. O desaquecimento da produção petrolífera e a desaceleração dos investimentos da estatal no estado são apontados como as principais razões para a expansão da atuação dos negócios.

 

De início, seis empresas que atuavam na área de construção, montagem, manutenção e transporte de sondas e outros equipamentos, se juntarão, e formarão uma Sociedade de Propósito Específico, a SPE Torres Eólicas, para produzir torres para parques eólicos. Os nomes das empresas não foram revelados.

Postado por: Jean Souza

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!