Arquivos:

Mossoró

Mossoró tem 1º caso confirmado de coronavírus e RN soma 9 casos

Testes do novo coronavírus – Foto: Divulgação

A cidade de Mossoró, segundo maior do Estado, tem o primeiro caso confirmado de coronavírus. A informação foi divulgada na noite deste sábado (21) em boletim da Secretaria Estadual de Saúde Pública. Outros dois casos foram confirmados nesse boletim. Ao todo, o RN soma 9 casos confirmados.

O caso confirmado de Mossoró é de um paciente com 55 anos, do sexo masculino, com histórico de contato com caso suspeito de Covid-19. Ele passa bem e está seguindo as recomendações de isolamento preconizadas no seu município de residência.

O outro caso é de um paciente de Parnamirim com 28 anos, do sexo feminino, e histórico de contato com caso confirmado de Covid-19 residente na cidade de Natal. Ela passa bem e está seguindo as recomendações de isolamento.

O terceiro caso é de um paciente de Natal, de 41 anos, do sexo feminino, com histórico de contato com caso confirmado de pessoa residente na cidade de Recife. Ela também passa bem e está seguindo as recomendações de isolamento.

Bolsonaro Presidente » Mossoró

Bolsonaro cancela agenda em Mossoró: Evento com presença de ministros continua mantido

O presidente Jair Bolsonaro não estará mais presente em Mossoró nesta quinta-feira(12). Ainda não se tem informação de sua ausência, confirmada pelo próprio, em live na semana passada.

Por enquanto o evento do governo federal, com a presença de ministros, permanece mantido. Os organizadores deverão se manifestar nos próximos minutos.

Blog do BG
Mossoró

Polícia usa trator e derruba boca de fumo com 20 anos de tráfico em Mossoró

MURO DA CASA APÓS A DERRUBADA | FOTO: DIVULGAÇÃO

Nesta segunda-feira, 25, uma operação das polícias Civil e Militar demoliu uma casa que, de acordo com as autoridades, era usada há 20 anos para o tráfico de drogas em Mossoró. A ‘boca de fumo’, nome dado ao local onde se comercializa entorpecentes, ficava na Rua Anatália de Melo Alves, no Bairro Paredões.

A demolição do imóvel foi necessária porque a casa contava com uma forte estrutura de segurança. Peças metálicas dificultaram a entrada dos policiais que buscavam o traficante do local e, por isso, um trator foi usado para demolir a ‘boca’.

O traficante procurado conseguiu fugir. Os policiais encontraram drogas e objetos usados no tráfico, como uma balança de precisão.

Portal no Ar
Morte » Mossoró

MOSSORÓ: Mulher morre ao sofrer choque enquanto limpava computador

Uma mulher identificada como Bruna Rayane Souza Rebouças, 30 anos de idade, morreu vítima vítima de uma descarga elétrica no início da noite desta quarta feira 19 de setembro de 2019, na rua Juvenal Lamartine no bairro Bom Jardim em Mossoró no Rio Grande do Norte.

De acordo com as primeiras informações, Bruna Rayane que residia no Alto de São Manoel, se encontrava em um computador quando levou o choque.

Uma ambulância ALFA com suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192),foi acionada e constatou o óbito.

A Polícia Militar isola o local aguardando a chegada da equipe do Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP).

AQUI AGORA RN
Mossoró

Condenado por estuprar criança de 9 anos é morto a tiros em Mossoró, RN

Crime aconteceu na Avenida Antônio Filgueira, no início da manhã desta quinta-feira (29) — Foto: Hugo Andrade/Inter TV Costa Branca

Um condenado da Justiça pelo crime de estupro de vulnerável – cuja vítima foi uma menina de 9 anos, fato ocorrido em dezembro de 2014 – foi morto a tiros no início da manhã desta quinta-feira (29) em Mossoró, cidade da região Oeste potiguar. Adailton Melo Antunes foi surpreendido pelos assassinos na Avenida Antônio Filgueira, próximo à Favela do Velho, no bairro Dom Jaime Câmara.

Condenado a 8 anos de prisão, Adailton estava atualmente no regime semiaberto. Ele era monitorado por tornozeleira eletrônica desde março do ano passado.

Segundo a Polícia Militar, o condenado foi surpreendido na calçada de uma casa. Quando percebeu a aproximação dos assassinos,ele ainda tentou escapar pulando o muro de uma residência, mas foi seguido e morto nos fundos da casa.

G1 RN
Mossoró

Dono de academia é assassinado a tiros em Mossoró, RN

Pedro Francisco de Oliveira Neto, de 32 anos, estava saindo de casa, de carro, quando foi baleado — Foto: Marcelino Neto/O Câmera

O dono de uma academia de ginástica foi morto a tiros no final da madrugada desta quarta-feira (28) na cidade de Mossoró, na região Oeste potiguar. Pedro Francisco de Oliveira Neto, de 32 anos, estava saindo de casa, de carro, quando foi baleado. O assassino fugiu.

Segundo a Polícia Militar, o crime aconteceu por volta das 5h30, na Rua Júlia Borges, no bairro Aeroporto 2. O assassino estaria do lado de fora, encostado no muro, só esperando Pedro sair. Assim que o portão foi aberto e o carro deixou a garagem, os tiros foram disparados.

De acordo com o delegado de plantão, Teixeira Júnior, o crime tem características de execução, mas ainda não se sabe a motivação do assassinato.

Pedro Francisco de Oliveira Neto era dono de uma academia de ginástica em Mossoró — Foto: Arquivo Pessoal

G1 RN
Mossoró

Corpo sem cabeça e com as mãos amarradas é encontrado dentro de matagal em Mossoró, RN

Terreno onde o corpo foi encontrado fica no conjunto Nova Vida, no final da Rua Professor Anderson de Araújo — Foto: Hugo Andrade/Inter TV Costa Branca

O corpo de um homem – sem a cabeça, com várias marcas de tiros e com as mãos amarradas nas costas – foi encontrado na manhã desta terça-feira (27) em meio a um matagal no bairro Dom Jaime Câmara, em Mossoró, cidade da região Oeste potiguar.

O terreno fica no conjunto Nova Vida, no final da Rua Professor Anderson de Araújo. Policiais militares e equipe do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) procuram pela cabeça da vítima, que ainda não foi identificada.

Moradores da vizinhança disseram ter ouvido tiros por volta das 21h desta segunda (26) e chamaram a PM. Uma viatura foi ao local, mas não encontrou nada suspeito. Ainda não é possível afirmar se os disparos têm relação com o corpo encontrado.

G1 RN
Mossoró

Corpos são encontrados dentro de galeria de esgoto em Mossoró

Corpos foram achados em vala em Mossoró, na região Oeste potiguar — Foto: Ivanúcia Lopes/Inter TV Costa Branca

Dois corpos, aparentemente de duas mulheres, foram achados em uma galeria de esgoto durante a tarde desta segunda-feira (17), em Mossoró, na região Oeste potiguar. O caso aconteceu no bairro Paredões.

Uma equipe do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) foi ao local para dar início à perícia e recolher os corpos. Bombeiros também foram deslocados para ajudar no resgate dos corpos.

O caso vai ser investigado inicialmente pela Delegacia de Homicídios de Proteção à Pessoa (DHPP).

G1 RN
Morte » Mossoró » Policial

RN: Acusados de matar agente penitenciário em Mossoró, vão a júri popular

Henry Charles era lotado no presídio federal de Mossoró — Foto: Divulgação / PM

O juiz federal Orlan Donato Rocha, titular da 8ª Vara Federal em Mossoró, determinou que os cinco réus acusados do assassinato do agente federal penitenciário Henry Charles Gama e Silva, em abril de 2017, em Mossoró, vão a júri popular. O magistrado acolheu a denúncia do Ministério Público Federal de que o crime teve características de execução e está relacionado ao exercício da função da vítima.

Henry Charles Gama e Silva foi assassinado no dia 12 de abril de 2017, quando estava em um bar no bairro Boa Vista, na cidade de Mossoró, região Oeste do RN. Quatro bandidos chegaram em um carro e atiraram contra ele.

A análise do juiz aponta que a materialidade do crime de homicídio ficou comprovada após o laudo do exame necroscópico. “Considerando, dessa maneira, o fatos apresentados, as alegações defensivas dos réus e as provas angariadas na investigação, observa-se que existem indícios suficientes de envolvimento dos réus no homicídio do agente Henry Charles Gama e Silva, capazes de levá-los ao julgamento em plenário pelo Tribunal do Júri”, escreveu o juiz Orlan Donato Rocha.

Na decisão, o magistrado manteve a prisão preventiva de três acusados, além da prisão domiciliar de outras duas acusadas do assassinato.

Henry Chaves era agente penitenciário do Presídio Federal de Mossoró. Em fevereiro do ano passado, a Polícia Federal prendeu dois suspeitos de terem realizado o assassinato, que teria acontecido a mando de uma facção criminosa.

Plano para matar agentes

Em julho de 2017 foi deflagrada a Operação Força e União, que, segundo a PF, visava desarticular um movimento organizado dentro de presídios federais com o objetivo de matar agentes penitenciários federais. Cerca de 30 policiais federais cumpriram oito mandados de busca e apreensão no Rio de Janeiro, em São Paulo, além de mandados de condução coercitiva no Rio de Janeiro e mandados de prisão preventiva em Mossoró e São Paulo.

À época, os investigadores apontaram que a facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) assassinou dois agentes penitenciários federais em menos de um ano: Alex Belarmino Almeida Silva, em setembro de 2016, na cidade de Cascavel (PR), e Henry Charles Gama Filho, em abril de 2017, em Mossoró (RN).

No decorrer da investigação do homicídio de Alex Belarmino, foi descoberto que a facção tinha planos de executar dois agentes públicos por unidade prisional. Já em relação a Henry, as investigações indicaram que sua morte havia sido planejada em 2016 na cidade de São Paulo, e que teve início através de integrantes do PCC envolvidos na coleta de dados, preparo da ação e com participação de pessoas próximas da vítima.

G1 RN
Assassinato » Mossoró » Policial

Pai e criança de dois anos são assassinados a tiros no interior do RN

Autores do crime quebraram o portão de entrada da residência

Um homem de 26 anos e o filho de dois foram assassinados a tiros na madrugada desta segunda-feira, 11, em uma residência na Rua São José, bairro Boa Vista, em Mossoró, Oeste potiguar.

De acordo com a Polícia Militar, o crime ocorreu por volta das 2h, quando os autores do crime quebraram o portão de entrada da residência, que fica no primeiro andar do imóvel, e arrombaram a porta da casa.

A polícia informou que apenas o homem, identificado como João Alexandre Teixeira de Melo, era o alvo dos assassinos, porém, a esposa da vítima surgiu com o filho de dois anos no colo, e se colocou entre o marido e os assassinos. Os criminosos dispararam, acertando o pescoço da criança e a virilha da mãe. João Alexandre também foi atingido por vários tiros e morreu na hora.

A mulher e a criança foram socorridas pelos vizinhos e levadas à UPA do bairro Belo Horizonte, onde a criança faleceu. A mãe foi transferida para o Hospital Regional Tarcísio Maia, onde segue internada. A polícia investiga a motivação da execução por meio da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Mossoró.

Agora RN

Últimos Eventos

21/09/2019
São Vicente/RN
03/03/19
Master Leite
06/05/18
Parque Dinissauros - Povoado Sto Antonio (Cobra)
Março 2017
Aero Clube

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!