Arquivos:

Lei Seca » Notícias » Rio Grande do Norte

Equipe da Lei Seca realiza operações na capital e interior

A equipe da Lei Seca do Detran/RN realiza constantemente operações em todo o Estado. Nas últimas ações esteve presente nas cidades de Caicó, Parnamirim e também na capital, na Avenida Ayrton Senna.

Em Caicó, iniciou na noite de sexta-feira (10) uma Blitz itinerante que ocorreu durante o final de semana e teve como resultado vinte e duas autuações administrativas por alcoolemia e um veículo removido.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, o condutor que for flagrado dirigindo sob efeito do álcool está cometendo infração de natureza gravíssima, terá a sua CNH recolhida e o veículo retido, além de pagar a multa no valor de R$ 2.934,70 e após julgamento poderá ter o direito de dirigir suspenso por até doze meses.

Agora RN
Lei Seca » Policial

FISCALIZAÇÃO: Operação Lei Seca autua quarenta motoristas em blitz realizada em Natal

Blitz foi realizada na zona sul de Natal.

Blitz foi realizada na zona sul de Natal.

Nova blitz realizada pela Operação Lei Seca do Detran/RN flagrou 40 condutores dirigindo veículo automotor sob influência de álcool. A fiscalização foi realizada na madrugada desta quarta-feira (28), na Avenida Ayrton Senna, zona Sul de Natal. Durante as quatro horas de fiscalização efetivada na via, dezenas de motoristas foram abordados pelos policiais e passaram pelo teste do bafômetro.

A ação ainda resultou na prisão de quatro condutores que foram enquadrados por desrespeitar a legislação no tocante ao crime de trânsito, que é quando o motorista é flagrado no exame de alcoolemia com 0,34 ou mais miligramas de álcool por litro de ar expelido. Nesse caso, o motorista comete uma infração gravíssima e é punido com retenção da CNH, multa no valor de R$2.934,70, suspenção do direito de dirigir por 12 meses e responderá penalmente pelo crime, que pode resultar em punição de seis meses a três anos de prisão.

Os policiais registraram a apreensão de três veículos por estarem transitando em desacordo com a legislação de trânsito. Os mesmos foram removidos ao pátio de veículos apreendidos do Detran/RN e só deverão ser liberados após sanadas as pendências registradas pela equipe de fiscalização da Operação Lei Seca. Outros sete motoristas foram notificados por infrações diversas.

O coordenador da Operação Lei Seca do RN, capitão Isaac Paiva, avaliou como alto o número de condutores que insistem em transgredir as determinações da Lei Seca. “Mesmo numa terça-feira com a noite oscilando entre chuva e tempo aberto foram pegos muitos infratores. É preciso mais conscientização dos motoristas”, comentou.

Agora RN
Lei Seca

REAJUSTE: Confira as multas que ficarão mais caras em novembro

reajuste

A partir do primeiro dia de novembro, algumas infrações de trânsito vão pesar mais no bolso do motorista que cometer as irregularidades.

O condutor que for parado dirigindo embriagado ou que se recusar a fazer o teste do bafômetro pagará uma multa no valor de R$ 2.934, 70 – um aumento de 53% sobre os atuais R$1.915,40. Dirigir manuseando ou falando ao celular, passará de transgressão média – cujo valor atual é de R$ 85, 12 – para gravíssima, o que acarretará uma multa de R$293,47. Estacionar em vagas reservadas às pessoas com deficiência ou idosos também terá um preço mais alto. A infração passa a ser considerada gravíssima e terá o valor reajustado de R$127,69 para R$293,47

Os valores das multas também sofrerão aumento por categoria. Confira a lista com os novos valores.

A partir de 01/11/2016

Leve  R$ 88,38

Média  R$ 130,16

Grave  R$ 195,23

Gravíssima R$ 293,47

O Globo
Lei Seca » Notícias » Policial

Motorista larga carro no meio da rua e foge a pé da Lei Seca na Grande Natal

Carro foi largado no meio da rua, atrapalhando o trânsito e bloqueando a saída de outros dois automóveis (Foto: Divulgação/PM)

Carro foi largado no meio da rua, atrapalhando o trânsito e bloqueando a saída de outros dois automóveis (Foto: Divulgação/PM)

Três pessoas foram presas por embriaguez ao volante e 47 carteiras de habilitação ficaram retidas durante uma blitz da Operação Lei Seca realizada na madrugada deste sábado (11) na Av. Maria Lacerda Montenegro, no bairro de Nova Parnamirim, em Parnamirim, cidade da Grande Natal. Um motorista, para fugir da fiscalização, largou o carro no meio da rua e fugiu a pé. O carro foi apreendido.

As informações foram repassadas ao G1 pelo capitão Isaac Paiva, subcoordenador da Lei Seca no estado. Segundo o oficial, a barreira de fiscalização foi montada nas imediações de uma casa de eventos, onde acontecia um show. “Teve um veículo que o condutor abandonou no meio da rua bloqueando uma faixa e impedindo dois carros de saírem do canto onde estavam estacionados. Abandonou e se evadiu quando percebeu a blitz. Como tinha muitos veículos no congestionamento, e muitos pedestres transitando, ele acabou se misturando com o povo e não o pegamos”, ressaltou Isaac.

Ainda de acordo com o capitão, o carro abandonado foi guinchado. O dono do veículo já foi identificado e deve comparecer ao pátio do Detran para resgatar o automóvel.

Lei Seca

Blitz da ‘Lei Seca’ prende 11 condutores na zona Norte de Natal

Foto: Cedida

Foto: Cedida

Motoristas que trafegavam pela avenida João Medeiros Filho, na zona Norte de Natal, na madrugada desta sexta-feira (27) foram surpreendidos por mais uma blitz da Lei Seca. E o resultado chamou atenção: 11 presos e 43 autuados.

Um dos fatos que chamou atenção foi o de um condutor de uma carreta que transporta combustível. Mesmo dirigindo o veículo, o homem apresentou níveis de álcool no sangue acima do permitido em lei e foi preso. Dois taxistas também foram presos e outro responderá administrativamente por ter se recusado a soprar o bafômetro.

A legislação da Lei Seca considera crime de trânsito quando o motorista é flagrado dirigindo com mais de 0,34 miligrama de álcool por litro de ar expelido. A pena é de detenção de 6 meses a 3 anos, multa e suspensão temporária da carteira de motorista.

Já quem se nega a sobrar o bafômetro tem a carteira de habilitação apreendida e é multado em R$ 1.915,40.

Agora RN
Lei Seca » Policial

Sete são presos e 74 CNHs retidas em operação da Lei Seca em Natal

Sete pessoas foram presas em blitz da Lei Seca na madrugada desta quinta-feira (26) (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Sete pessoas foram presas em blitz da Lei Seca na madrugada desta quinta-feira (26) (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Sete pessoas foram presas na madrugada desta quinta-feira (26) durante mais uma Operação Lei Seca realizada em Natal. De acordo com o capitão Styvenson Valentim, seis pessoas foram detidas por embriaguez ao volante e uma por conduzir uma motocicleta sob influência de maconha. Ao todo, 74 carteiras de habilitação foram retidas e 12 veículos apreendidos.

A operação teve dois pontos de fiscalização: um na Av. Hermes da Fonseca, no bairro de Petrópolis, na Zona Leste da cidade, e outro após a rotatória da Rota do Sol, trecho que dá acesso à Cidade Verde, na Zona Sul.

Além das sete pessoas presas, um jovem de 22 anos foi conduzido à delegacia para prestar esclarecimentos. “Ele entregou o carro da mãe dele à uma pessoa não habilitada. A moça, inclusive, estava bêbada”, informou o capitão.

G1 RN
Lei Seca

Carro que deveria estar apreendido é pego pela Lei Seca em Natal, diz PM

Segundo a PM, esta foi a segunda vez que o Palio foi apreendido durante uma blitz da Lei Seca realizada em Natal (Foto: Divulgação/PM)

Segundo a PM, esta foi a segunda vez que o Palio foi apreendido durante uma blitz da Lei Seca realizada em Natal (Foto: Divulgação/PM)

Dez pessoas foram presas e 62 carteiras de habilitação ficaram retidas durante uma blitz da Operação Lei Seca realizada na madrugada deste sábado (14) na Av. Engenheiro Roberto Freire, uma das mais movimentadas da Zona Sul de Natal. Além disso, sete veículos foram apreendidos e rebocados ao pátio do Departamento Estadual de Trânsito. Dentre eles, segundo o capitão Styvenson Valentim, há um Palio que não poderia estar circulando, ou seja, que deveria estar no Detran desde o dia 1º de abril, quando foi apreendido por não estar devidamente licenciado.

“Este Palio não deveria estar nas ruas, deveria estar apreendido no pátio do Detran. O motorista que estava com este carro foi parado no dia 1º de abril numa blitz que fizemos aqui mesmo na Av. Roberto Freire. Ou seja, ele é reincidente. Na primeira vez, o condutor se recusou a fazer o teste do bafômetro e foi autuado. Na blitz de hoje, ele fez o teste e o resultado acusou ingestão de bebida alcoólica, mas a infração foi somente administrativa. O pior é que o veículo continua com o licenciamento atrasado e ele, o motorista, novamente flagrado sem habilitação. A documentação que ele apresenta e que anda com ele é um recibo de compra e venda”, afirmou Styvenson, coordenador da Operação Lei Seca no RN.

Ainda de acordo com o capitão, ao se tornar reincidente na Lei Seca – mesmo que as duas autuações tenham sido administrativas para o caso de embriaguez ao volante – o motorista vai pagar a multa de R$ 1.915,40 em dobro desta vez, o que dá R$ R$ 3.830,80.

Kelvin Jansei Silva de Sousa, o jovem que dirigia o Palio, foi levado à Delegacia de Plantão da Zona Sul para dar explicações sobre como conseguiu a liberação do veículo junto ao Detran. Ele disse que pagou a documentação atrasada em um posto do Pague Fácil que fica dentro do próprio Detran, mas não apresentou nenhum recibo ou documento que comprovasse o pagamento. Como só foi autuado administrativamente, Kelvin acabou liberado. As multas, tanto pelo fato de não ser habilitado, do licenciamento atrasado e as penalidades previstas pela Lei Seca serão cobradas do proprietário do veículo. Juntas, as multas passam dos R$ 4 mil.

Também em contato com o G1, o capitão Isaac Paiva, subcoordenador da Operação lei Seca, acrescentou que o Palio, além do licenciamento vencido, possui uma comunicação de venda junto ao Detran, e que por este motivo “só poderia ser retirado após a transferência para o novo proprietário” e que “deveria ter pago tudo que estava em atraso pra retirar”. Contudo, “misteriosamente nem foi pago e nem foi transferido e mesmo assim ele conseguiu retirar o veículo de dentro do Detran”, ressaltou o oficial.

Imagem mostra que no site do Detran existe um comunicado de venda do veículo, o que impediria que o carro fosse retirado sem estar totalmente legalizado (Foto: Divulgação/PM)

Imagem mostra que no site do Detran existe um comunicado de venda do veículo, o que impediria que o carro fosse retirado sem estar totalmente legalizado (Foto: Divulgação/PM)

O Detran informou que só poderá se pronunciar sobre a situação do referido Palio na segunda-feira (16), quando tiver acesso aos autos de infração do veículo.

Blitz foi realizada nesta madrugada na Av. Engenheiro Roberto Freire, uma das mais movimentadas da Zona Sul de Natal (Foto: Divulgação/PM)

Blitz foi realizada nesta madrugada na Av. Engenheiro Roberto Freire, uma das mais movimentadas da Zona Sul de Natal (Foto: Divulgação/PM)

G1 RN
Lei Seca » Notícias » Policial

Ex-secretário de Administração do RN tem CNH retida em blitz da Lei Seca

CNH de Marcelo Marcony Leal de Lima foi retida pelos policiais (Foto: Divulgação/PM)

CNH de Marcelo Marcony Leal de Lima foi retida pelos policiais (Foto: Divulgação/PM)

O ex-secretário de Administração e dos Recursos Humanos (Searh) do Rio Grande do Norte, Marcelo Marcony Leal de Lima, que teve sua exoneração publicada na edição desta quinta-feira (12), se recusou a fazer o teste do bafômetro ao ser parado em uma blitz da Operação Lei Seca realizada durante a madrugada na Zona Sul de Natale teve a carteira de habilitação retida.

De acordo com o capitão Isaac Paiva, subcoordenador da operação Lei Seca no estado, Marcelo Marcony se apresentou como secretário de Estado. “Ele parou alguns metros antes da blitz e se identificou como secretário. O policial que fez a abordagem pediu a habilitação, mas ele relutou um pouco até que entregou, assim como a chave do veículo. Ele se recusou a fazer o teste de bafômetro e disse que ligaria para alguém na tentativa de possivelmente liberá-lo. Mas não ligou. Então ele chamou um motorista para levar seu veículo”, relatou.

Ainda segundo o capitão, o ex-secretário tem até cinco dias úteis para ir ao Detran reaver o documento. “Ele não tem nenhum privilégio. Teve a habilitação retida, vai passar pelo procedimento administrativo e vai ter suspenso o direito de dirigir por 12 meses”, afirmou. O valor da multa para quem é flagrado dirigindo sob influência de bebida alcoólica ou se recusa a fazer o teste de bafômetro é a mesma: R$ 1.915,40.

A blitz terminou com 6 pessoas presas e 25 CNHs recolhidas. A operação teve quatro pontos de fiscalização: na Av. Engenheiro Roberto Freire, na Rota do Sol (via que dá acesso às praias do litoral Sul da Grande Natal), nas proximidades do estádio Frasqueirão (também na Rota do Sol) e na rua Manoel Augusto Bezerra de Araújo, mais conhecida como Rua do Salsa.

G1 RN
Lei Seca » Notícias

Carro de auto escola é apreendido durante blitz da Lei Seca em Natal

Carro de auto escola e um Corolla com a mala cheia de cervejas estão entre os 16 veículos apreendidos durante a operação (Foto: Divulgação/PM)

Carro de auto escola e um Corolla com a mala cheia de cervejas estão entre os 16 veículos apreendidos durante a operação (Foto: Divulgação/PM)

Sete motoristas foram presos na madrugada deste domingo (1º) ao serem flagrados dirigindo sob efeito de álcool e 96 carteiras de habilitação recolhidas durante mais uma Operação Lei Seca realizada em Natal. Ao todo, 16 veículos também foram apreendidos, entre eles um Celta que pertence a uma auto escola e um Corolla com a mala carregada de cervejas. Também foi rebocado para o pátio do Detran um Peugeot, cujo carro acabou com os dois pneus dianteiros furados ao subir no canteiro numa tentativa de escapar da fiscalização

Segundo o capitão Styvenson Valentim, barreiras de fiscalização foram montadas em pontos estratégicos de Cidade Verde e Ponta Negra, ambos na Zona Sul da cidade. “O motorista da auto escola soprou o bafômetro e o teste acusou um índice abaixo de 0,34 miligrama de álcool por litro de ar expelido, o que caracteriza infração administrativa. Neste caso ele não vai preso, mas é multado em R$ 1.915,40”, explicou o comandante.

Já no caso do Corolla, que possui placas de São José de Mipibu, um casal estava no veículo. Styvenson disse que os dois sopraram o bafômetro e os testes também apontaram infração administrativa. Como não quiseram chamar ninguém para ir até a barreira pegar o carro, o automóvel foi levado para o Detran. “A surpresa veio quando abrimos a mala do carro para inspecionar o veículo. Dentro, encontramos vários isopores repletos de latas e garrafas de cerveja. Ou seja, os dois já haviam bebido e, possivelmente, ainda beberiam mais. Daí pra frente, só Deus sabe isso iria terminar”, acrescentou.

“E ainda teve o motorista de um Peugeot, que tentou fugir da blitz. Para escapar, ele inventou de subir com o carro no meio-fio, mas o carro estava rápido demais e ele acabou com os dois pneus da frente estourados”, lembrou. O capitão afirmou que o motorista foi autuado por direção perigosa, vai responder administrativamente e pagar multa pela ingestão de álcool – teste que deu abaixo do índice que é considerado crime – e o carro dele também foi levado para o pátio do Detran.”

Lei Seca

As regras da Lei Seca consideram ato criminal quando o motorista é flagrado dirigindo com índice de álcool no sangue superior ao permitido pelo Código Brasileiro de Trânsito: 0,34 miligrama de álcool por litro de ar expelido ou 6 decigramas por litro de sangue.

Nesse caso, a pena é de detenção de 6 meses a 3 anos, multa e suspensão temporária da carteira de motorista ou proibição permanente de obter a habilitação.

Condutores autuados por esse tipo de infração pagam R$ 1.915,40 de multa,  perdem 7 pontos na carteira e têm a CNH apreendida. O valor é dobrado caso o motorista tenha cometido a mesma infração nos 12 meses anteriores.

Se o bafômetro registrar um índice igual ou superior a 0,05 miligrama de álcool por litro de ar, mas abaixo do 0,34 permitido pelo Código de Trânsito, o condutor é punido apenas com multa.

No exame de sangue, o motorista será multado por qualquer concentração de álcool, e pode ser preso se tiver mais de 6 decigramas de álcool por litro de sangue.

G1 RN

Últimos Eventos

06/05/18
Parque Dinissauros - Povoado Sto Antonio (Cobra)
Março 2017
Aero Clube
08/07/2017
Parque Exposições - Fotos: Mazilton Galvão
08/07/2017
Parque Exposições - Fotos: Mazilton Galvão

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!