Arquivos:

Educação » Enem

ENEM: Candidatos têm até hoje para pagar a taxa de inscrição do Enem

Hoje (24) é o último dia para que os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) paguem a taxa de inscrição. Somente após o pagamento, a inscrição é confirmada. O pagamento pode ser feito em qualquer agência bancária, casa lotérica ou agência dos Correios. Os candidatos devem estar atentos aos horários estabelecidos pelas instituições onde farão o pagamento.

Devem pagar a taxa aqueles que não se enquadraram nos critérios de isenção e que, na hora da inscrição tiveram um Guia de Recolhimento da União (GRU) gerado. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) alerta que não confirmará inscrições cujo pagamento tenha sido feito por meio de GRU gerada fora do Sistema de Inscrição, assim como não aceitará inscrições em valores diferentes de R$ 82.

Agência Brasil
Brasil » Enem

Candidatos têm até hoje para se inscrever no Enem

Hoje (19) é o último dia de inscrição para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os interessados têm até as 23h59, no horário de Brasília, para se inscrever pela internet, no site do Enem. Aqueles que já fizeram a inscrição têm até o fim do prazo para fazer alguma alteração no cadastro, como por exemplo, a cidade em que desejam fazer as provas.

Até a noite de ontem (18), segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), 5,62 milhões haviam concluído a inscrição. A expectativa é que os inscritos cheguem a 7 milhões. As provas serão aplicadas em dois domingos consecutivos, nos dias 5 e 12 de novembro.

Agência Brasil
Educação » Enem » Notícias » Paraíba

BOM EXEMPLO: Com nota máxima no Enem, preso é aprovado em Letras na UEPB

Foto: Antônio Ronaldo/Correio da Paraíba

“Meu sonho é voltar para a sala de aula como professor”. A declaração não é de nenhum estudante, mas sim de um preso da Penitenciária Raymundo Asfora (Serrotão), em Campina Grande, Paraíba. Márcio Túlio do Nascimento, de 34 anos, cumpre pena de sete anos de prisão em regime fechado por assalto à mão armada.

O preso ficou em primeiro lugar geral no Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privativas de Liberdade (PPL), na Paraíba. A maior nota foi a de Márcio, 659,09 pontos, e ele garantiu vaga para Letras – Português na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB).

Márcio conta que antes de entrar no mundo “obscuro” do crime, era mototaxista, mas sempre foi encantado pelo mundo da literatura. Grande Sertão: Veredas, obra da década de 50, escrita por Guimarães Rosa, é segundo ele, seu livro preferido. O romance foi lido fora da cadeia, porque nos pavilhões, a realidade não permite. “Lá em baixo, nos pavilhões, é mais estreito. A superlotação não é um problema só daqui. Nem todo mundo dá crédito ao estudo, obviamente, então a gente tem uma condição bem inferior para estudar lá em baixo (nas celas)”, conta.

“As pessoas comentam que a área da licenciatura é mal remunerada, e não ganha bem. É um estereótipo. Mas, eu vejo que não existe uma profissão que não perpasse pela educação. Se o cara for médico, se formou nas mãos de professores. Se for um jurista, um magistrado, um diretor de uma unidade prisional, um repórter, um fotografo, ele vai perpassar por essa situação. Para mim é uma profissão muito completa, que tem muito a dizer e que pode transformar a vida das pessoas. Eu vejo que a formação do caráter das pessoas passa também pelos professores. Eu tive bons professores e infelizmente, às vezes fico me perguntando isso no pavilhão, do porquê eu me deixei levar por esse caminho. O porquê eu não segui o caminho certo”, conta.

Quando fala sobre o futuro, Márcio chora. Ele espera sair da cadeia, voltar para a sala de aula e ver o filho mais novo, de apenas cinco anos, cresce.

Correio da Paraíba
Educação » Enem » Notícias » Prouni

PROUNI: Inscrições para as 214 mil bolsas terminam hoje

As inscrições para a edição do primeiro semestre do Programa Universidade para Todos (Prouni) terminam às 23h59 desta sexta-feira (3), pelo site http://siteprouni.mec.gov.br. O resultado será divulgado na próxima segunda-feira (6).

O Prouni distribui bolsas de estudo totais e parciais na rede particular de ensino superior de acordo com o desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e leva em conta a situação socioeconômica da família do candidato. É uma alternativa para quem não conseguiu uma vaga na rede pública de ensino superior por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Também ainda há a opção de aderir a lista de espera até as 23h59 (horário de Brasília) do dia 10 de fevereiro.

G1
Enem » Notícias

CONFIRA- RESULTADO DO ENEM 2016

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) liberou hoje (18) o resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016. Os cerca de 6 milhões de candidatos que fizeram as provas já podem conferir as notas na página do participante do Enem. Para acessar, é necessário informar o CPF e a senha escolhida na hora da inscrição.

Os estudantes têm acesso a uma tabela com a nota obtida em cada uma das provas: linguagens, matemática, ciências humanas, ciências da natureza e redação. Eles ainda não têm, no entanto, acesso ao espelho da redação, com a correção mais detalhada do texto, que será divulgado posteriormente.

Clique no link abaixo e veja o resultado:
http://enem.inep.gov.br/participante/#/inicial

Enem

Nota do Enem 2016: divulgação será nesta quarta, diz Inep

Divulgação

As notas individuais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016 serão divulgadas nesta quarta-feira (18), segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). A princípio, elas seriam divulgadas somente na quinta (19), mas o governo resolveu antecipar.

As notas do Enem podem ser usadas para disputar vagas no ensino superior público pelo Sistema de Seleção Unificado (Sisu), bolsas no ensino superior privado pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) e para participar do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Ainda, os candidatos com mais de 18 anos podem usar o Enem para receber a certificação do ensino médio.

Nesta quarta também está prevista a abertura da consulta pública sobre a edição de 2017 do Enem. O MEC estuda maneiras de economizar na realização do exame. Entre as decisões já tomadas está eliminar uma das funções dele: a certificação de conclusão do ensino médio.

A partir deste ano, pessoas maiores de 18 anos que não terminaram o ensino médio na idade regular deverão fazer o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja).

O Inep afirmou ao G1 que ainda não há informações sobre por quanto tempo a consulta ficará no ar, mas que a portaria definindo as regras da consulta pública será divulgada na edição do dia 18 do “Diário Oficial da União”.

G1
Enem

ENEM: Mais de 54 mil pessoas farão o exame em unidades prisionais

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Pessoas privadas de liberdade (PPL) e jovens sob medida socioeducativa participarão, na terça-feira (13), e na quarta (14), do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 1,2 mil unidades indicadas pelos órgãos prisionais e socioeducativos de cada unidade da Federação. Farão as provas 54.358 inscritos, dos quais 78% (42,5 mil) tentarão a certificação do ensino médio.

A maioria dos inscritos (58%) está na região Sudeste. O Sul tem 17%; Nordeste, 12%; Centro-Oeste, 7%, e Norte, 6%.

Os participantes dessa etapa do exame foram inscritos pelas instituições que firmaram termo de adesão, responsabilidades e compromissos com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), órgão vinculado ao Ministério Educação responsável pela organização do exame.

Enem

ENEM 2016: Quadrilha vazou gabarito e ditou questões

Trata-se do segundo vazamento divulgado somente no exame deste ano.

Trata-se do segundo vazamento divulgado somente no exame deste ano.

Um grupo de Minas Gerais que vazou o gabarito de provas de Ciências Humanas e Ciências da Natureza do Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) foi descoberto em investigações conjuntas feitas pela Polícia Federal e pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). A ação, divulgada neste domingo (13) pelo Fantástico, da TV Globo, mostra a quadrilha informando as respostas para candidatos, por ponto eletrônico. Todo o gabarito foi ditado em menos de 7 minutos.

O ministro da Educação, Mendonça Filho, afirmou que as fraudes descobertas não colocam em risco o Enem. “O calendário está mantido. As (descobertas de) fraudes são resultado de uma ação de inteligência articulada entre PF e Inep. Os responsáveis serão punidos e os candidatos envolvidos na ação fraudulenta, excluídos.”

De acordo com o delegado que conduziu as investigações, Marcelo Freitas, a quadrilha teria uma atuação em 3 Estados. Duas pessoas foram presas. O pagamento pelo gabarito variava entre R$ 40 mil e R$ 50 mil. De acordo com a denúncia, um dos candidatos dispostos a fraudar o Enem foi Antônio Rodrigues, ex-secretário municipal de Alto Santo (CE), que disputava uma vaga de Medicina.

Enem

ENEM 2016: Gabarito oficial é divulgado

gabarito-do-enem

Os gabaritos oficiais do Enem 2016 foram divulgados pelo Inep.

O gabarito oficial do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi divulgado nesta quarta-feira (09) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Com o gabarito, o estudante saberá quantas questões ele acertou, porém, as notas só serão divulgadas no dia 19 de janeiro, segundo o Ministério da Educação. A Teoria de Resposta ao Item (TRI) permite que um mesmo número de acertos gere notas diferentes, pois as questões têm pesos diferentes.

Acesse os gabaritos: http://portal.inep.gov.br/enem

Enem

ENEM 2016: Com 30% de abstenção, prova teve o maior índice dos últimos anos

enem-2016

Participantes eliminados, por infringir alguma regra de segurança, somaram 768, antes 740 registrados no ano passado

Balanço apresentado pelo governo, na noite deste domingo (06), aponta 30% de abstenção no Enem, considerando os participantes de locais em que a prova não foi adiada. É o maior índice desde 2009, quando a proporção de faltosos chegou a 37,7%. No ano passado, a taxa foi de 25,5%.

Participantes eliminados, por infringir alguma regra de segurança, somaram 768, antes 740 registrados no ano passado. Do total, 641 acabaram desclassificados por descumprimento de regras gerais, 120 foram flagrados no detector de metais e 7 por recusa da coleta do dado biométrico.

O GLOBO

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!