Eduardo Campos

Família de Campos contesta conclusões da Aeronáutica

A família do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos contestou o relatório da Aeronáutica sobre o acidente aéreo que matou o então candidato à Presidência e outras seis pessoas em 13 de agosto do ano passado. O documento, que será oficialmente divulgado até fevereiro, foi antecipado nesta sexta-feira pelo jornal O Estado de S. Paulo. Na avaliação do irmão de Campos, Antônio, a conclusão de que houve uma falha humana ainda é “prematura”.

O relatório do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) aponta como causas da tragédia uma sequência de erros do piloto Marcos Martins, entre eles a falta de experiência com o jato Cessna 560 XL e a decisão de “encurtar” o procedimento de aterrissagem na Base de Santos, descumprindo os manuais de pouso.

​Ainda segundo os investigadores, ao não obedecer as manobras exigidas na aproximação da pista, o piloto cometeu o erro que deflagrou a tragédia. O jato Cessna 560 XL (prefixo PR-AFA), da empresa paulista AF Andrade Empreendimentos e Participações, decolou do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, às 9h21 do dia 13 de agosto, com destino ao aeroporto de Guarujá (SP). Quando a aeronave se preparava para o pouso, arremeteu devido ao mau tempo. Em seguida, o controle de tráfego aéreo perdeu contato com o jato, que caiu sobre uma área residencial.

Em nota, Antônio disse ser “estranho que se tenha acesso às investigações da Aeronáutica e se divulgue conclusões antes da divulgação pelo órgão competente”. “O Cenipa não está fazendo todas as perícias do caso e não pode ter uma visão global do acidente”, continua.

O Ministério Público e a Polícia Federal também abriram investigações sobre o acidente aéreo. De acordo com Antônio Campos, o procurador Thiago Nobre, que acompanha o caso em Santos, promete a conclusão do inquérito policial e civil sobre o caso até fevereiro – ele ainda aguarda a conclusão de perícias.

A família de Eduardo Campos designou um perito auxiliar para acompanhar as investigações. Internamente, os parentes do ex-governador de Pernambuco levantam a hipótese de que houve uma falha técnica na turbina – o que contraria parecer da Aeronáutica.

Veja

Últimos Eventos

21/09/2019
São Vicente/RN
03/03/19
Master Leite
06/05/18
Parque Dinissauros - Povoado Sto Antonio (Cobra)
Março 2017
Aero Clube

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!