Economia » Nordeste

Robinson defende a integração dos estados do Nordeste para fomentar a economia

Robinson defendeu a integração dos estados na infraestrutura, o que ajudará a fomentar a economia do Nordeste como uma unidade.

Robinson defendeu a integração dos estados na infraestrutura, o que ajudará a fomentar a economia do Nordeste como uma unidade.

O governador Robinson Faria foi um dos painelistas do Diálogo Público Nordeste 2030, realizado durante todo o dia de ontem, 21, em Fortaleza, Ceará. O evento, organizado pelo Tribunal de Contas da União (TCU), teve o objetivo de apresentar a visão de diferentes atores sobre os desafios e as possíveis soluções para o desenvolvimento sustentável da região. A reunião, da qual participaram todos os governadores, resultou em um documento técnico prospectivo neste sentido.

“O ineditismo que estamos vivenciando neste dia aqui em Fortaleza é histórico. E nós, como governadores, queremos agradecer por essa parceria construtiva, pedagógica e cooperativa com o Tribunal de Contas da União”, destacou Robinson Faria. O chefe do Executivo potiguar participou do painel 5, o último da tarde, acompanhado pelo governador da Paraíba, Ricardo Vieira Coutinho, e pelo Ministro do Tribunal de Contas da União, Benjamin Zymler.

Respondendo perguntas dos participantes, Robinson defendeu a integração dos estados na infraestrutura, o que ajudará a fomentar a economia do Nordeste como uma unidade. Isso em relação, principalmente, ao escoamento do que é produzido nos estados. “Não podemos deixar nossas riquezas adormecidas, esperando anos pela construção de caminhos para sua distribuição”, assinalou, usando como exemplo a energia eólica, que ainda aguarda a conclusão de linhas de transmissão. “É preciso união do Nordeste para diminuir o desequilíbrio da região em relação ao restante do Brasil”, continuou.

O governador do RN destacou também que a divida dos estados nordestinos com a União é pequena e que esse aspecto deveria gerar benefícios à região, e reclamou da desigualdade na distribuição de recursos e responsabilidades entre a Federação, Estados e Municípios. “A reserva do fundo penitenciário não chega aos estados”, ilustrou.

Sobre o que já está sendo feito no Rio Grande do Norte, Robinson citou o Plano Estadual da Educação, aprovado no início deste ano. Ainda falou sobra a elaboração do Plano Plurianual (PPA) com participação popular; do projeto Governança Inovadora, que traz um novo padrão de gasto público e uma nova filosofia de gestão com metas; e do Parque Tecnológico do RN, que será um vetor importante na geração de emprego e no fomento das cadeias produtivas do RN.

O diálogo, que contou com um público de cerca de 300 pessoas, era voltado para gestores da administração pública federal, estadual e municipal, auditores, setor produtivo, sociedade civil organizada, acadêmicos, entre outros.


Últimos Eventos

21/09/2019
São Vicente/RN
03/03/19
Master Leite
06/05/18
Parque Dinissauros - Povoado Sto Antonio (Cobra)
Março 2017
Aero Clube

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!