Arquivos:

Coronavírus » Saúde

Curraisnovense morre no Hospital Regional com sintomas suspeitos de Covid-19

Paciente estava internada no Regional em Caicó

Um homem natural da cidade de Currais Novos, morreu na madrugada desta quinta-feira (14), depois de dar entrada no Hospital Regional do Seridó, em Caicó com sintomas suspeitos de Covid-19.

A informação que o Blog apurou dá conta que o paciente chegou e foi colocado em área aguardando regulação para ser internado em leito da Unidade de Terapia Intensiva, mas, não deu tempo, ele morreu.

Blog do Sidney Silva
Coronavírus

Juiz dá 48 horas para que Prefeitura e Estado se manifestem sobre lockdown

Bloqueio mais restritivo já é adotado em cidades do Maranhão e do Ceará

O juiz Luiz Alberto Dantas, da 5ª Vara da Fazenda Pública de Natal, determinou nesta quarta-feira (13) que a Prefeitura do Natal e o Governo do Estado apresentem manifestação sobre a ação civil dos Sindicato dos Trabalhadores em saúde do Rio Grande do Norte (Sindsaúde), com tutela de urgência, para que seja decretado o lockdown em Natal e na Região Metropolitana.

Ações de isolamento mais rígido, como preconiza o lockdown, já foram adotadas no Maranhão e Ceará para reduzir a curva do contágio da Covid-19. De acordo com o sindicato, o bloqueio deveria ser iniciado nesta quarta-feira (13), mas o processo aguarda a decisão do juiz.

O magistrado enviou notificação ao Governo do Estado e a Prefeitura do Natal. Ele pede informações sobre o impacto da doença nos serviços públicos de saúde.

Caso o magistrado determine o bloqueio, de acordo o pedido feito pelo sindicato, o prazo inicial seria de 15 dias. A medida compreende o isolamento total da Capital do Estado, Município do Natal e demais municípios da área metropolitana. Ação pede que a Prefeitura do Natal e o Governo do Estado sejam condenados a cumprir a sentença.

O lockdown, caso seja definido, vai permitir o fechamento de atividades econômicas e a proibição da circulação de pessoas. O Sindsaúde argumenta que as recentes medidas de flexibilização do isolamento social do governo Fátima Bezerra (PT), com a reabertura das indústrias e parte significativa de atividades comerciais, é prejudicial para o controle da doença no Rio Grande do Norte.

O Estado tem o pior índice de cumprimento do isolamento social do Nordeste, segundo o Sindsáude. No Brasil, ocupa a 5ª posição entre os que menos têm adotado as medidas do afastamento, que são utilizadas para conter o coronavírus.

“É nítido que o aumento de casos está relacionado ao relaxamento do isolamento social. O governo Fátima e o prefeito Álvaro Dias devem assumir essa responsabilidade e apresentar medidas eficazes de isolamento. Para evitar mais mortes não há outra medida no momento que não seja a paralisação imediata de todos os setores não essenciais. Sem uma quarentena de verdade, vai ocorrer um genocídio”, disse Flávio Gomes, diretor do Sindsaúde.

Agora RN
Coronavírus

COVID-19: 475 profissionais de saúde do RN testaram positivo. Trinta são do Walfredo Gurgel

O Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, o maior do Rio Grande do Norte, tem 30 profissionais de saúde infectados pelo coronavírus. De acordo com a direção da unidade hospitalar, referência para urgência e emergência em Natal, 80 dos 1.956 servidores estatutários que atuam no local foram testados para a doença, o que equivale a 4% do total de funcionários diretos da instituição. Em todo o Rio Grande do Norte, 475 profissionais de saúde estão com a Covid-19. Os números foram divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap/RN). Esse montante equivale a 23,36% do total de casos confirmados no Estado nesta terça-feira, 12, que foi de 2.033 pessoas infectadas.

Fora da rede estruturada pelo Estado para atender os casos de Covid-19, o Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel recebe principalmente vítimas de trauma. O complexo, que conta com o Pronto Socorro Clóvis Sarinho, tem hoje quatro pacientes com suspeita de contaminação pelo novo coronavírus. Eles aguardam o resultado dos exames em uma área do hospital que foi destinada aos que apresentam sintomas da Covid-19.

A situação revela que a epidemia já está dentro das unidades hospitalares do Estado que não estão destinadas ao tratamento de pacientes com Covid-19. No Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, por exemplo, há pacientes que aguardam procedimentos como neurocirurgias e outras cirurgias de trauma e estão com sintomas da doença.

Lá, assim como em outros hospitais do Rio Grande do Norte, é comum que os profissionais da saúde trabalhem também em outras unidades hopitalares – inclusive aquelas que estão atendendo diretamente os casos de Covid-19. Esse pode ser um dos fatores que possivelmente teria facilitado a entrada da doença nesse e em outros hospitais.

Tribuna do Norte
Coronavírus

Isolamento social faz vendas on line crescerem 48,3%

Relatório sobre e-commerce no Brasil é elaborado semestralmente

O resultado do faturamento do comércio eletrônico nos quatro primeiros meses de 2020 somou R$22,9 bilhões (de 1º de janeiro até 30 de abril de 2020), 32% do resultado de todo 2019. O destaque se dá com o inicio do afastamento social e restrição de circulação.

Entre os dias 17 de março e 27 de abril deste ano, o comércio online brasileiro chegou a R$ 8,4 bilhões em faturamento, variação de 48,3% sobre o período de 19 de março a 29 de abril de 2019 (R$ 5,7 bilhões).

As quatro principais categorias que promoveram o crescimento das vendas online nessa fase foram: eletrônicos, casa e decoração, Informática e itens de consumo rápido.

Os dados foram divulgados juntos com a 41ª edição do Webshoppers, considerado o mais amplo relatório sobre e-commerce do país, elaborado semestralmente pela Ebit|Nielsen, em parceria com a Elo.

Segundo o relatório, em 2019, o faturamento do comércio digital brasileiro cresceu 16,3% em relação ao ano anterior. O setor movimentou R$ 61,9 bilhões, no total. O valor atingido foi impulsionado pelo aumento de 21% no número de pedidos: 148 milhões de compras online ano passado, frente a 123 milhões em 2018.

O aumento do número de pedidos foi acompanhado pelo maior número de novos consumidores: 10,7 milhões de pessoas estrearam suas compras no ambiente online, alta de 9% sobre 2018.

A oferta de frete grátis auxiliou na melhora de desempenho dos canais de venda. As compras online, sem taxa de entrega, representaram 48% do total em 2019, com um aumento de 28% nos pedidos desse tipo. Já o frete pago teve expansão de 15%.

Apesar do bom desempenho de canais como autosserviço (aumento de 63% em 2019) e farmácia (32%, no mesmo ano, sempre em comparação com o anterior), as lojas de departamentos continuam como o principal segmento de compras digitais: os pedidos representaram 50% do total em 2019; contra 49% em 2018.

A Black Friday 2019 consolidou a data como a mais importante para o e-commerce brasileiro, com faturamento de R$ 3,21 bilhões e uma alta de 24% sobre o mesmo período de 2018. Os dias de promoção superaram as compras para o Natal, que faturou R$ 2,60 bilhões em vendas.

Em novembro (mês da Black Friday), as compras por meio de aparelhos mobile superaram as aquisições feitas em desktops (computadores de mesa). Em 2019, o faturamento total de mobile foi de R$ 25,9 bilhões, variação positiva de 55% sobre o ano anterior, o que representou 41,8% do faturamento total (ganho de importância de 10.5 pontos percentuais versus 2018).

R7
Coronavírus

Hospital da Liga prevê iniciar atendimento de pacientes com Covid-19 até o fim do mês

Secretário de Saúde, Cipriano Maia: ampliação dos leitos para pacientes críticos

O Hospital Dr. Luiz Antônio (Liga), no bairro das Quintas, em Natal, prevê finalizar suas obras para receber pacientes com Covid-19 no final do mês de maio, segundo informações da assessoria da Secretaria de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap).

Serão instalados 20 leitos para Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e outros 20 para enfermaria. Contrato terá validade de 6 meses e um valor total de R$ 40 milhões.

Ainda segundo a Sesap, nesta primeira fase, os leitos serão direcionados, preferencialmente, ao internamento de pacientes oncológicos com Covid-19 ou com suspeita da doença.

Caso seja necessário, a segunda fase será aplicada com leitos destinados para pacientes em geral, suspeitos ou confirmados com o novo coronavírus.

O setor ficará em um galpão anexo ao hospital, não havendo continuidade física com ele. De toda forma, as equipes utilizam equipamentos de produção individual (EPIs) para se proteger e evitar qualquer contaminação. Os médicos, enfermeiros, fisioterapeutas e nutricionistas que atuarão no local estão recebendo treinamentos atualmente e não irão ter contato com doentes de outras de outras unidades.

Os leitos fazem parte da fase 01 do convênio firmado, por meio de Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) entre o Governo do Estado e a Liga Norte-rio-grandense Contra o Câncer. O convênio foi publicado na edição extra do Diário Oficial do Rio Grande do Norte do dia 26 de abril.

Esse acordo prevê a transferência de recursos públicos com o objetivo de incremento e disponibilização à rede estadual de saúde pública de até 60 novos leitos hospitalares destinados ao enfrentamento da Covid-19.

Os demais 20 leitos só serão construídos caso a Sesap considere necessário, obedecendo uma lógica progressiva de abertura, com vistas à racionalização da despesa pública. Estes, serão abrigados na Policlínica, sede da Liga no bairro do Alecrim.

Agora RN
Campo Redondo » Coronavírus

Campo Redondo confirma segundo caso positivo de Covid-19

A Prefeitura de Campo Redondo, através da Secretaria Municipal de Saúde, confirmou no inicio da manhã desta quinta-feira (07) o segundo caso positivo de Covid-19 (coronavírus). O laudo DETECTÁVEL para SARS-COV-2 emitido pelo LACEN-RN foi divulgado através de boletim epidemiológico que vem sendo apresentado diariamente.

O paciente é do sexo feminino, tem entre 45 e 50 anos, com diagnostico de comorbidades, e não tem histórico de viagens para área de riscos. Atualmente encontra-se em isolamento domiciliar.

A gestão municipal está realizando todos os esforços para proteção da população e reafirma a necessidade do ISOLAMENTO SOCIAL, LAVAGEM DAS MÃOS CONSTANTEMENTE COM ÁGUA E SABÃO, evitando saídas desnecessárias e aglomerações.

Coronavírus

Com 72 óbitos por Covid-19, RN tem “talvez, pior dia”, diz secretário-adjunto da Sesap

Dados foram atualizados pela Sesap nesta quarta-feira (6)

Rio Grande do Norte tem, “talvez, o pior dia” desde que o primeiro registro da infecção pelo novo coronavírus foi divulgado no estado, de acordo com Petrônio Spinelli, secretário-adjunto da Saúde Pública do Estado (Sesap).

Segundo a Sesap, o RN tem 72 óbitos em decorrência da infecção, além de 1.644 casos confirmados da doença, 108 a mais que os registrados nesta terça (5), quando o estado tinha 1.536 confirmações. Suspeitos são 5.503, e descartados, 4.943. Ainda há 25 mortes em investigação. Pacientes recuperados somam 662.

Os óbitos recentes foram registrados em Taboleiro Grande, Ipanguaçu (que agora soma 2 óbitos), Areia Branca e Serra Negra do Norte. Este último óbito já havia sido confirmado ao portal Agora RN nesta terça-feira (5).

A taxa de ocupação de leitos varia entre 42% e 45%. Há 227 pacientes internados, dos quais 68 estão em Unidades de Terapia Intensiva (UTI).

O secretário-adjunto da Sesap alertou sobre a disseminação da doença em pequenas cidades e disse que não descarta a possibilidade de “lockdown” no estado.”É ilusão achar que estamos protegidos nas pequenas cidades que ainda não registram óbitos e não deveríamos pensar sequer em flexibilizar o isolamento. Preparem-se para o lockdown”, afirmou.

Mortes

As mortes ocorridas no RN até o momento foram registradas nas seguintes cidades:

  • Mossoró: 18 óbitos
  • Natal: 16 óbitos
  • Parnamirim: 4 óbitos
  • Canguaretama: 4 óbitos
  • São Gonçalo do Amarante: 2 óbitos
  • Ceará-Mirim: 2 óbitos
  • Assu: 2 óbitos
  • Tenente Ananias: 2 óbitos
  • Macaíba: 2 óbitos
  • Ipanguaçu: 2 óbitos
  • Apodi: 1 óbito
  • Encanto: 1 óbito
  • Cerro Corá: 1 óbito
  • São Rafael: 1 óbito
  • Nísia Floresta: 1 óbito
  • Touros: 1 óbito
  • Alexandria: 1 óbito
  • Taipu: 1 óbito
  • Alto do Rodrigues: 1 óbito
  • Carnaúba dos Dantas: 1 óbito
  • Lagoa de Pedras: 1 óbito
  • São José de Mipibu: 1 óbito
  • Montanhas: 1 óbito
  • Serra Negra do Norte: 1 óbito
  • Areia Branca: 1 óbito
  • Taboleiro Grande: 1 óbito
  • Outras localidades: 2 óbitos

Total: 72 óbitos

Agora RN
Coronavírus

Covid-19: com pior fase por chegar, Peru tem 50 mil casos confirmados

Número de novos casos de coronavírus confirmados no Peru nesta terça-feira (5) aumentou para mais de 50 mil

O número de novos casos de coronavírus confirmados no Peru nesta terça-feira (5) aumentou para mais de 50 mil, mostrando as dificuldades enfrentadas pelo país na luta para tentar conter a propagação do vírus. O número de infectados ainda não atingiu o pico.

O Peru foi um dos primeiros países latino-americanos a implementar medidas de isolamento quando o coronavírus foi detectado, mas os casos dobraram nos últimos dez dias. O Peru está atrás apenas do Brasil em número de contágios na região.

Surtos significativos têm sido descobertos nos mercados de alimentos, nas minas, nas prisões, entre comunidades desabrigadas e forças policiais, indicando o cumprimento irregular das medidas de isolamento social determinadas pelo governo.

A falta de equipamentos de proteção tem provocado protestos nos hospitais, enquanto a pobreza tem complicado os esforços para convencer as pessoas a ficarem em casa.

O presidente do Peru, Martín Vizcarra, anunciou nessa terça-feira que o número total de infectados era de quase 51,2 mil, 3.817 a mais que no dia anterior, enquanto mais 100 mortes elevaram o total para 1.444.

O Peru registrou o primeiro caso de coronavírus em 6 de março e, em 25 dias, atingiu 1.000 infecções. O país levou apenas mais 14 dias para chegar a 10.000, de acordo com uma contagem da Reuters. A primeira morte pela covid-19 ocorreu em 19 de março, e, um mês depois, o número subiu para 348, quadruplicando novamente duas semanas depois.

Ciro Maguiña, especialista em doenças infecciosas e vice-reitor da Faculdade de Medicina do Peru, disse que o pior estágio do surto ainda está por vir.

Reuters
Coronavírus

ESPERANÇA: Anticorpo que neutraliza o novo coronavírus é identificado por cientistas em testes de laboratório

Em meio a notícias de mortes pela Covid-19, um fio de esperança surge. Pesquisadores da Universidade de Utrecht, do Erasmus Medical Center e do Harbor BioMed, divulgaram nesta segunda-feira, na Nature Communications, que identificaram um anticorpo totalmente humano capaz de impedir o coronavírus de contaminar células em culturas cultivadas. A descoberta pode ajudar na criação e um tratamento para combater a doença.

O otimismo é grande, mas o trabalho ainda precisa passar por testes em seres humanos para ter sua eficácia comprovada.

“Esse anticorpo neutralizante tem potencial para alterar o curso da infecção no hospedeiro infectado, apoiar a eliminação do vírus ou proteger um indivíduo não infectado que é exposto ao vírus”, afirmou Berend-Jan Bosch, líder da pesquisa, em comunicado.

De acorco com o estudo dos pesquisadores, a ação foca em anticorpos conhecidos por combaterem o Sars-CoV, causador da Sars, que surgiu na China em 2002. Os especialistas identificaram que um desses anticorpos também é capaz de neutralizar a infecção por Sars-CoV-2, causador da Covid-19, em culturas celulares.

Bosch observou que o anticorpo se liga a uma propriedade existente tanto no Sars-CoV quanto no Sars-CoV-2, o que explica sua capacidade de neutralizar os dois microrganismos: “Esse recurso de neutralização cruzada do anticorpo é muito interessante e sugere que ele pode ter potencial na mitigação de doenças causadas por coronavírus — potencialmente emergentes no futuro”.

Extra – O Globo
Coronavírus » Rio Grande do Norte

Aumento dos casos de Covid-19 faz Governo do RN prorrogar regras de isolamento até o dia 20; VEJA

Imagem ilustrativa

Foi publicada na edição desta terça-feira (5) do Diário Oficial do Estado a prorrogação das regras de isolamento social e das medidas de combate ao novo coronavírus no Rio Grande do Norte. Segundo o Governo do RN, o novo decreto leva em consideração o fato de a doença ter aumentado exponencialmente em todo o país como também em território potiguar.

“A situação não é fácil, está piorando e o colapso da rede hospitalar pode ocorrer rapidamente. A população precisa aumentar o isolamento, ficar em casa e adotar as medidas protetivas”, afirmou o secretário adjunto de Saúde Petrônio Spinelli, durante a última coletiva do Governo do Estado com a atualização das ações de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus.

Ainda segundo Spinelli, o decreto estadual em vigor já permitiria o isolamento de 60% da população e bastaria o seu cumprimento para diminuir a circulação de pessoas – o que diminuiria a escalada de casos da Covid-19. No entanto, o isolamento tem oscilado entre 45% e 50%, segundo o governo.

O secretário alerta que, mesmo com o aumento da oferta de leitos, como ocorreu na semana passada nos hospitais da Polícia Militar e Giselda Trigueiro, em Natal, e no Hospital São Luiz, em Mossoró, a capacidade de atendimento fica fortemente comprometida.

Agora RN

Últimos Eventos

21/09/2019
São Vicente/RN
03/03/19
Master Leite
06/05/18
Parque Dinissauros - Povoado Sto Antonio (Cobra)
Março 2017
Aero Clube

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!