Arquivos:

Apoio » Notícias » Vaquejada

VAQUEJADA: Ministro da Agricultura defende debate sobre regulamentação da vaquejada

vaquejada

“Entendo que essa cultura é muito forte e tem que ser preservada”, disse o ministro em nota.

O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, propôs que seja discutida a proposta de regulamentação dos esportes que envolvam cavalos e bois, como a vaquejada

O mesmo foi ao encontro dos vaqueiros, que protestaram na Esplanada dos Ministérios, e, de acordo com sua assessoria, vestiu chapéu e gibão emprestados por eles. Depois, se reuniu no gabinete com representantes da Associação Brasileira de Vaquejada (ABVAQ).

“Vamos avaliar, com o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal, como podemos permitir que haja a manifestação cultural, o esporte, a geração de empregos e a proteção dos animais”, disse o ministro Blairo em nota distribuída por sua assessoria.

O Ministério lembra que o assunto já é discutido na Câmara dos Deputados e ganhou força depois que o Supremo Tribunal Federal (STF) considerou inconstitucional uma lei do Ceará que permitia as vaquejadas.

Apoio » Copa do Mundo » Futebol

Torcida reforçada: Fora da Copa, Balotelli declara apoio a seleção brasileira

Jogador italiano deixa mensagem aos brasileiros e declara apoio à seleção de Felipão.

Jogador italiano deixa mensagem aos brasileiros e declara apoio à seleção de Felipão.

Eliminado com a seleção da Itália, Mario Balotelli vai seguir na Copa do Mundo, ao menos na torcida. Nesta quarta (25), um dia após a derrota para o Uruguai, o atacante usou as redes sociais para deixar mensagem aos brasileiros e declarar seu apoio à seleção de Luiz Felipe Scolari. “Valeu Brasil! A Copa não foi ótima para mim, mas estar com você foi 10. Os brasileiros estão no meu coração e deixam saudades… Agora mostrem que são o país do futebol e sejam os reis dessa festa! Vai seleção!”, escreveu o italiano, em sua conta no Instagram.

Horas antes, Balotelli também usou sua conta na rede social para rebater as críticas italianas, publicando um longo desabafo contra as ofensas racistas que teria sofrido por defender a Itália. O texto veio como resposta a um vídeo de um torcedor, que pedia para o atacante não jogar mais pela seleção. “Mario, você não é um italiano de verdade. Retire-se!”, afirmou o torcedor no vídeo.

Indignado com a chuva de críticas após a atuação apática na derrota da Itália para o Uruguai, que eliminou a equipe da competição, o atacante se defendeu e insinuou que grande parte das provocações surgiram por conta de sua origem ganesa – Balotelli nasceu e cresceu na Itália, adotado por pais italianos, mas é filho biológico de imigrantes ganeses.

“Sou Mario Balotelli, tenho 23 anos, e não escolhi ser italiano. Mas queria jogar aqui porque nasci e sempre vivi na Itália. Quis muito ir para a Copa do Mundo e me sinto triste, decepcionado comigo mesmo. Se eu tivesse marcado aquele gol contra a Costa Rica, qual seria o problema da vez? A culpa não é só minha. Dei tudo pela seleção e nem fiz nada de errado do ponto de vista do meu caráter. Estou com a consciência limpa e pronto para seguir em frente ainda mais forte, de cabeça erguida. Orgulhoso de ter dado tudo pelo país. Ou, talvez, como você diz, eu não seja italiano. Afinal, os africanos jamais tratariam um irmão assim. Nós negros, como você nos chama, estamos anos-luz na frente. Vergonha não é perder um gol ou sofrer algum. Vergonha são coisas como este vídeo. Italiano de verdade! Dá para acreditar?”, publicou.

ESPN

Últimos Eventos

06/05/18
Parque Dinissauros - Povoado Sto Antonio (Cobra)
Março 2017
Aero Clube
08/07/2017
Parque Exposições - Fotos: Mazilton Galvão
08/07/2017
Parque Exposições - Fotos: Mazilton Galvão

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!