Arquivos:

Policial

FOTO: Quadrilha usa explosivos durante ação criminosa no Banco do Brasil no interior do RN e ainda faz reféns durante fuga

Foto: Redes Sociais

A Polícia Militar registrou uma ação criminosa que teve sequência uma explosão em uma agência bancária em Umarizal, no Oeste potiguar, na madrugada desta sexta-feira (31). De acordo com a PM, pelo menos seis bandidos chegaram ao local em dois carros roubados, entraram pela porta da frente do banco, arrombaram portas e fizeram uma explosão para tentar abrir o cofre da agência. A polícia não informou se os criminosos conseguiram roubar dinheiro da agência. Aparentemente, os caixas eletrônicos da agência bancária não foram afetados.

Segundo a PM, diversas cápsulas de calibres 9 e 12 mm foram encontradas no chão em frente ao banco. Ainda na ação criminosa, duas pessoas que estavam em uma praça próxima ao local foram feitas de reféns e libertadas pelos criminosos após a quadrilha sair da cidade. A Polícia Militar ainda confirma que na fuga com destino desconhecido, os bandidos espalharam grampos pelas ruas da cidade para dificultar a perseguição.

A assessoria de comunicação do Banco do Brasil confirmou a ação de criminosos no estabelecimento e informou que a agência não abrirá nesta sexta. O banco disse que não informa valores roubados durante ataques às suas dependências e que vai colaborar com as autoridades policiais na apuração da ocorrência. Segundo a assessoria, não há previsão de reabertura da agência.

Blog do BG
Política

LOUCURA, LOUCURA: Com sonho de ser presidente, Huck desbanca Bolsonaro em ranking de popularidade nas redes sociais

O apresentador Luciano Huck ultrapassou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em índice que mede a popularidade nas redes sociais. O resultado é de monitoramento da consultoria Quaest, que elabora desde janeiro do ano passado o IDP (Índice de Popularidade Digital). As informações são da Folha de S.Paulo.

O levantamento considera cinco dimensões: fama dos personagens públicos (número de seguidores), engajamento (comentários e curtidas por postagem), mobilização (compartilhamento das postagens), valência (reações positivas e negativas às postagens) e presença (número de redes sociais em que a pessoa está ativa).

Blog do BG
Rio Grande do Norte

Pesquisa coleta sangue e informações de crianças do RN para estudo sobre obesidade e desnutrição

José Erimar é supervisor do Estudo Nacional de Alimentação e Nutrição Infantil (Enani) no RN — Foto: Rafael Barbosa/G1

Uma pesquisa do Ministério da Saúde está coletando dados e amostras sanguíneas de crianças de 0 a 5 anos em Natal e Parnamirim, na Região Metropolitana, para fomentar um estudo sobre desnutrição e obesidade infantis. O trabalho está sendo desenvolvido em todo o país e tem coordenação da Universidade Federal do Rio de Janeiro, trata-se do Estudo Nacional de Alimentação e Nutrição Infantil (Enani). A ideia é que as informações sirvam para a elaboração de polícias públicas para essa parcela da população.

De acordo com José Erimar, supervisor do Enani no Rio Grande do Norte, a coleta de amostragens no estado potiguar começou no início do mês de dezembro. Na mesma época, também foram iniciadas as coletas em Pernambuco, Paraíba, Alagoas e Sergipe.

O trabalho acontece porta a porta, em localidades previamente selecionadas pelo próprio Ministério da Saúde. Além de José Erimar, outros cinco pesquisadores participam das atividades. O supervisor explica que, no primeiro contato, ocorrem visitas aos domicílios escolhidos para a coleta de informações sobre as crianças.

“Verificamos se as casas têm as pessoas com o perfil indicado para a pesquisa, crianças de 0 a 5 anos. Depois disso, fazemos uma entrevista, para saber informações sobre esses meninos e meninas, pesamos e medimos sua altura. As famílias não são obrigadas a participar e podem nos informar isso no ato da abordagem”, detalha José Erimar.

Depois desta etapa, um laboratório é acionado para realizar a coleta de sangue das crianças. Esses exames vão precisar como estão as taxas e a presença de vitaminas no organismo delas. Tudo isso servirá de base para a pesquisa de combate à obesidade e desnutrição. “Não somos nós quem fazemos as coletas. São laboratórios contratados especificamente para este fim”, esclarece o supervisor.

Ao todo, as duas cidades selecionadas no Rio Grande do Norte têm 240 municípios a serem visitados. De dezembro até aqui, a equipe de José Erimar fez o trabalho em 90.

Fake News

Desde a semana passada, os pesquisadores têm enfrentado dificuldades para realizar a pesquisa na Zona Norte de Natal. O problema é a difusão de notícias falsas. Circula em redes sociais que os entrevistadores do Enani querem roubar crianças, que praticam tráfico de órgãos e ainda que as estão infectando com doenças nas agulhas.

Na sexta-feira (24), uma das pesquisadoras foi abordada na rua, no bairro Nova Natal, por moradores que a acusavam de todas essas práticas. Além disso, chegaram a dizer que ela estava em um veículo roubado, o que não procedia.

Segundo José Erimar, a polícia foi acionada pela própria população e, ao se deparar com a situação, percebeu que se tratava de um trabalho oficial do Governo Federal. Os policiais ainda acompanharam a entrevistadora em algumas residências, para que ela explicasse a pesquisa.

“Voltamos na segunda-feira, acreditando que o problema havia sido resolvido. Na segunda ainda trabalhamos sem empecilhos, mas, na terça-feira, as intimidações voltaram. Foi assim também na quarta”, relata o supervisor.

Diante as hostilizações, o grupo decidiu suspender as atividades, até que não haja mais perigo para executar a pesquisa. Restam ainda 150 domicílios a serem visitados. A previsão era de concluir o levantamento até o mês de março, contudo, com a interrupção, pode ser que esse prazo não seja cumprido.

G1
Rio Grande do Norte

No RN, versão final da proposta de reforma da Previdência fica para a semana que vem

Nova reunião aconteceu nesta quinta-feira (30), no auditório da Governadoria

O Governo do Estado adiou mais uma vez a apresentação da versão final de sua proposta para a reforma da Previdência. Nesta quinta-feira (30), durante reunião com os servidores, a equipe econômica da gestão estadual entregou apenas alguns pontos do texto que será encaminhado para a Assembleia Legislativa no início de fevereiro.

Uma nova reunião com os servidores foi marcada para a próxima quarta-feira (5). Somente após essa data, segundo o governo, é que a proposta será formalizada. A reunião de ontem durou pouco mais de 1 hora e foi interrompida após servidores se retirarem, em protesto contra a indefinição da equipe econômica.

É a segunda vez que o governo adia a apresentação do texto da reforma. A finalização da proposta estava prevista para a semana passada e, depois, para ontem. Com os dois adiamentos, ficou definido que a governadora Fátima Bezerra não vai formalizar a entrega da reforma para os deputados estaduais na próxima segunda-feira (3), quando ela fará a leitura da mensagem anual na Assembleia.

O ponto central da reforma – as novas taxas de contribuição previdenciária – não estão na minuta apresentada nesta quinta-feira. O texto indica apenas que o governo vai propor alíquotas progressivas. Nas reuniões anteriores, a equipe econômica chegou a apresentar um modelo com taxas variando de 11% a 18%, mas essa proposta foi excluída do texto disponibilizado. Hoje, a taxa é de 11% para todo o funcionalismo que estão em atividade.

O presidente do Instituto de Previdência dos Servidores (Ipern), Nereu Linhares, disse aos jornalistas, após sair da reunião, que o debate sobre temas como alíquotas de contribuição e idade mínima para aposentadoria “tem evoluído”. Ele ressaltou que ainda não há uma proposta definitiva elaborada.

O Agora RN obteve acesso a trechos da minuta apresentada aos servidores. Na proposta, há diversas versões para idade mínima – variando de 55 anos para mulheres e 60 anos para os homens até 60 anos para mulheres e 65 anos para os homens. Há, também, vários possíveis textos sobre o tempo de contribuição necessário para acessar o benefício.

O Governo sugeriu, também, que professores e agentes de segurança pública tenham tratamento diferenciado na reforma, com idade mínima necessária para se aposentar mais baixa do que os demais servidores.

As novas regras de taxação de inativos, centro dos debates sobre a reforma nos últimos dias, também continuam pendentes de definição pelo governo. Atualmente, são isentos de taxa todos os aposentados e pensionistas que recebem abaixo do teto previdenciário (R$ 6.101,05), margem que o governo quer reduzir.

Em outras reuniões com os servidores, a equipe econômica chegou a propor fixar a faixa de isenção em um salário mínimo, mas a governadora Fátima Bezerra determinou uma suavização da proposta. Deste valor a ser definido até o teto, a proposta do governo estabelece a cobrança de uma taxa única (provavelmente 11%), com alíquotas progressivas para quem ganha além do teto.

Com relação à regra de cálculo dos benefícios, a minuta estipula que a aposentadoria será o valor correspondente a 70% da média aritmética do período contributivo com mais 2% para cada ano que exceder 20 anos de contribuição. Com isso a integralidade é alcançada com 35 anos de contribuição no limite máximo.

A minuta da reforma apresentada pelo governo estabelece ainda que, no caso das pensões por morte, o segurado terá 50% do valor da aposentadoria que seria recebida pelo funcionário, acrescido de 10% para cada dependente (filhos menores de idade, por exemplo), até o limite de 100%.

No caso de dependente com deficiência ou inválido, o acréscimo vale pelo tempo que durar a invalidez ou deficiência.

Servidores deixam reunião e confirmam “greve geral”

Os servidores esperavam que o governo apresentasse a proposta final nesta quinta-feira. Para a presidente do Sindicato dos Servidores da Administração Direta (Sinsp), Janeayre Souto, a não apresentação do texto é uma estratégia do governo para simular que está havendo debate sobre a reforma da Previdência. “O governo fez uma maquiagem mal feita na proposta que tem apresentado até agora”, destacou a sindicalista.

De acordo com a presidente do Sinsp, a proposta significa “retirada de direitos”. “Não iremos discutir retirada de direitos com o governo. Não se negocia o inegociável”, afirmou.

Uma greve foi convocada para o início da semana que vem, entre segunda e terça-feira (dias 3 e 4 de fevereiro). É esperada a adesão não só de funcionários do Executivo, mas também de servidores do Judiciário, do Legislativo, do Ministério Público e do Tribunal de Contas do Estado.

Défict

Na reunião desta quinta-feira, o governo voltou a defender a necessidade de uma reforma da Previdência. De acordo com a Secretaria de Planejamento e Finanças (Seplan), se nada for feito, o déficit financeiro do regime próprio de previdência do Estado ultrapassará a marca de R$ 1,857 bilhão em 2020.

Além disso, a Emenda Constitucional 103 estabelece que os estados são obrigados a reformar seus sistemas previdenciários até 31 de julho de 2020, sob pena de perderem o Certificado de Regularidade Previdenciária (CRP). Sem o documento, o governo ficaria impedido, por exemplo, de receber verbas federais.

Agora RN
Rio Grande do Norte

Projeto Doceiras do RN é destaque na produção artesanal na FIART

O Projeto Doceiras do RN tem como missão o empoderamento da mulher através de sua valorização e independência financeira, inserindo suas iniciativas no mercado de trabalho artesanal

O Projeto Doceiras do RN, criado pelo Solidariedade Mulher RN, está expondo a produção de doces artesanais na Feira Internacional de Artesanato (FIART), que acontece no Centro de Convenções de Natal. O stand segue até o próximo domingo (2).

Estão expostas produções de várias doceiras participantes do projeto de regiões diferentes do Rio Grande do Norte. Os doces são fabricados de forma artesanal, sem conservantes e com fruta genuinamente potiguar.

O Projeto Doceiras do RN tem como missão o empoderamento da mulher através de sua valorização e independência financeira, inserindo suas iniciativas no mercado de trabalho artesanal, contribuindo para a geração de emprego e renda, autoafirmação e autoestima, facilitando a compreensão e a consciência do trabalho individual e coletivo.

Blog do Ismael Medeiros
Detran

Detran divulga Calendário de Testes práticos de direção no interior do Estado

Foto: Divulgação

O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) definiu o cronograma de testes práticos de direção veicular que serão aplicados durante o mês de fevereiro nos municípios do interior do Estado. Ao todo, 24 cidades do Rio Grande do Norte receberão a equipe de examinadores do Detran para avaliar os candidatos à Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Os 24 municípios que terão a visita dos examinadores do Detran são: Passa e Fica (dia 03.02); Nova Cruz (dia 04.02); Goianinha e São José de Mipibu (dia 05.02); São Paulo do Potengi (dia 06.02); Ceará-Mirim e Extremoz (dia 07.02); Parelhas e Acari (dia 10.02); Caicó (dia 11.02); Caicó e Jardim do Seridó (dia 12.02); Currais Novos e Lagoa Nova (dia 13.02); Santa Cruz e Areia Branca (dia 14.02); São Miguel (dia 17.02); Pau dos Ferros (dia 18.02); Alexandria e Patu (dia 19.02); Apodi (dia 20.02); Umarizal e Caraúbas (dia 21.02); Jucurutu (dia 27.02) e Jaçanã (dia 28.02). Em Mossoró, haverá Avaliações práticas monitoradas nos dias: 03, 04, 05, 06, 07, 10, 11, 12, 13, 17, 18, 19, 20 e 21.

A análise do conhecimento prático de volante é feita para os candidatos que já foram considerados aptos nos exames médico e psicológico, e que também já concluíram a carga horária de aulas prática e teórica ministradas pelo centro de formação de condutor de sua escolha. Para que o candidato seja aprovado no teste é necessário que ele não cometa nenhuma falta eliminatória e que a soma dos pontos negativos seja menor do que três. No caso de reprovação o candidato só poderá repetir o exame decorrido 15 dias da divulgação do resultado.

Segundo dados do setor de Estatística do Detran, durante ano de 2019 foram realizados em todo o Estado 59.950 testes práticos de direção veicular, quase 5.000 avaliações mensais. Foram 47.570 candidatos aprovados e 12.380 reprovados, um índice de 79,3% de aprovação no exame.

Blog do BG
Educação » Rio Grande do Norte

Governo finaliza reforma e ampliação de duas escolas em Currais Novos

Governadora participou hoje da entrega de duas Escolas Estaduais em Currais Novos: Tristão de Barros e Ester Galvão. As escolas passaram por obras de reestruturação e juntas passam a beneficiar mais de 500 alunos da região. Ambas passam a oferecer ensino integral, sendo Tristão para Ensino Médio e Ester para o Fundamental.

As duas unidades juntas somam mais de R$ 7 milhões de investimento do Governo do Rio Grande do Norte garantindo a cidadania e dignidade no acesso à educação com conforto e qualidade aos estudantes e professores.

As obras ainda passarão por vistoria do Corpo de Bombeiros para receber o Habite-se e a liberação para o uso. Atualmente, 15 escolas estão passando por obras de reforma e ampliação com recursos do @Governocidadao.

Além de Currais Novos, outras duas escolas já estão prontas para serem entregues: Antônio Aladim (Caicó) e Djalma Aranha Marinho (Natal). Outras 3 escolas foram entregues à SEEC RN reformadas em 2019: Tenente Coronel José Correia (Assu), Alfredo Simonetti (Upanema) e Francisco de Assis Dias Ribeiro (Santa Cruz). O objetivo do governo é encerrar o ano com 40 escolas reformadas.

O prefeito Odon Jr esteve presente durante todo o percurso.

 

Jair Sampaio

Últimos Eventos

21/09/2019
São Vicente/RN
03/03/19
Master Leite
06/05/18
Parque Dinissauros - Povoado Sto Antonio (Cobra)
Março 2017
Aero Clube

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!