Arquivos:

Policial

Polícia Civil divulga nomes de presos na operação Anjos Caídos

A operação “Anjos Caídos”, coordenada pela Delegacia Especializada de Narcóticos (Denarc) de Natal, desarticulou uma associação criminosa que agia no tráfico de drogas, assaltos e homicídios em cidades como Santa Cruz e Tangará, na manhã desta quinta-feira (30).

O grupo praticou nos últimos meses crimes como roubos a comércios e homicídios. “Acreditamos que com a desarticulação desta organização criminosa e a prisão destes integrantes na data de hoje, nós iremos elucidar a autoria de vários assassinatos que vinham acontecendo na região”, destacou o delegado da Denarc, Cláudio Henrique.

Confira a lista das pessoas presas nesta operação:

1. Alexandre Rodrigues da Silva, de 27 anos;
2. Anderson do Nascimento Ferreira, de 28 anos;
3. Angelica Patricia de Lima, de 20 anos;
4. Carlos Vlademir dos Santos, de 19 anos;
5. Daivid Raul dos Santos Pontes, de 23 anos;
6. Daniel Rodrigues de Freitas, de 22 anos;
7. Elisonara Rafael de Oliveira (idade não informada);
8. Jamele Tavares  de Souza, de 19 anos;
9. João Paulo de Lima Bezerra, de 26 anos;
10. Jorge Luiz de Souza Araujo (idade não informada);
11. José Ferreira, de 22 anos;
12. Leonardo da Silva, de 34 anos;
13. Robenilson de Medeiros Rodrigues, de 18 anos;
14. Viviane Ferreira Bezerra da Silva, de 21 anos;
15. Vitor Rocha da Costa, de 19 anos.

Política

Assembleia Legislativa do RN reduz despesas após cortes no orçamento

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte aprovou, nesta quinta-feira (30), novas medidas para a redução de gastos com o custeio da administração da Casa. A aprovação foi feita em reunião entre o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PMDB), e os deputados estaduais que compõem a Mesa Diretora da Casa.

No encontro entre os deputados, ficou definido o fechamento de dois anexos da Assembleia, que reduzirá quase R$ 800 mil os custos anuais da Casa, e também o cancelamento de 107 linhas de celular, que custavam R$ 360 mil aos cofres públicos.

“São medidas necessárias para que readequar nosso orçamento à realidade estadual. Temos que enxugar os gastos, cortar custos para contribuir durante a crise financeira pela qual passa o Rio Grande do Norte”, disse o presidente Ezequiel Ferreira.

Novos cortes também serão feitos em atividades desenvolvidas pela Assembleia, como o programa Assembleia Cidadã, que oferece atendimento gratuito a população do interior do Estado nas áreas de saúde, cursos e emissão de documentos, e estão suspensas as edições da Assembleia Cultural, que consiste em apresentações de artistas em todo o Rio Grande do Norte. A economia nesses setores vai superar os R$ 400 mil.

Nos primeiros meses da 61ª Legislatura, a Assembleia Legislativa já havia revisado todos os contratos da Casa, estabelecendo uma economia de R$ 600 mil, além reduzir os valores das diárias e gratificações pagas pelo Poder Legislativo, readequando os custos à realidade financeira estadual.

A busca pelo reordenamento e equilíbrio financeiro das contas legislativas resultou ainda no cancelamento de novos investimentos em compra de equipamentos, e a aprovação de regras para reduzir o consumo de energia elétrica, água e de telefonia nos prédios sob administração da Casa.

 

Economia

Com preço baixo do petróleo, Shell vai cortar 6,5 mil postos de trabalho este ano

Foto: Andrey Rudakov / Bloomberg

Foto: Andrey Rudakov / Bloomberg

A Royal Dutch Shell deve cortar 6,5 mil postos de trabalho globais este ano e intensificar o corte de gastos uma vez que procura reafirmar aos investidores que pode resistir ao período extenso de preços baixos do petróleo, mesmo com o plano de adquirir o BG Group por US$ 70 bilhões anunciado em abril.

A empresa anglo-holandesa também anunciou a intenção de elevar a venda de ativos em US$ 50 bilhões entre 2014 e 2018, após o lucro do segundo trimestre cair 37%. A Shell relatou lucro líquido de US$ 3,84 bilhões, ante US$ 6, 13 bilhões do mesmo período no ano anterior e frente a US$ 3,25 bilhões no trimestre anterior.

— O declínio dos preços do petróleo de hoje podem durar alguns anos e o planejamento da Shell reflete essa realidade do mercado — afirmou Ben van Beurden, CEO da companhia, nesta quinta-feira — A companhia deve ser resiliente no ambiente atual de preços, mesmo que vejamos um retorno do preço a US$ 70, US$ 90 a médio prazo.

A Shell antecipou a previsão de redução no número de empregados diretos a nível mundial em 2015 de um total de 100 mil funcionários enquanto lida com a redução do preço do petróleo pela metade para cerca de US$ 55 por barril em um ano.

— Talvez deixamos a impressão de que vamos esperar a cavalaria chegar em forma de preços de petróleo mais altos e de que seríamos preguiçosos em termos de retirada de custos — afirmou van Beurden — Mas também afirmamos, na época (do anúncio do acordo com o BG Group), talvez não tão habilmente ou alto o suficiente, para nos julgarem no que fazemos e a mensagem de hoje é sobre isso.

Assim como as concorrentes, BP, Statoil e Total, a empresa anunciou a redução de investimentos de capital pela segunda vez este ano, cortando outros US 3 bilhões do orçamento anual para US$ 30 bilhões.

Segundo a Shell, cerca de 20% e 30% das vendas de ativos, estimadas em US$ 30 bilhões, esperadas entre 2016 e 2018 vão vir de negócios downstream (ligados à refinação de petróleo, regaseificação de gás natural, distribuição e venda) e midstream (relacionados à liquefação de gás, transporte e armazenamento). Assim, o foco do grupo Shell-BG poderá se concentrar em menos ativos, no entanto, mais competitivos.

A Sheel só vai realizar dois grandes investimentos em 2015, com muitos projetos sendo reescalados, atrasados ou cancelados, afirmou van Beurden. Ele indicou cortes futuros se as condições econômicas piorarem, incluindo uma queda maior nos preços do petróleo.

A companhia disse que está vendo a fatia de 33% na refinaria Showa Shell, no Japão, à empresa petroleira japonesa Idemitsu por US$ 1,4 bilhões.

COMPRA DO BG GROUP

A Shell assegurou os investidores de que a compra do grupo britânico BG não iria quebrar a companhia. Se a negociação for feita como planejada, no início de 2016, os investimentos de capital no próximo ano serão de US$ 35 bilhões, de acordo com a empresa, menos do que os cerca de US$ 42 bilhões que os analistas esperavam.

A companhia ainda aguarda a aprovação regulatória do negócio pela União Europeia, China e Australia, depois que Brasil, Estados Unidos e Coreia do Sul validaram o processo.

A expectativa é de que o acordo gere benefícios pré-impostos de cerca de US$ 2,5 bilhões por ano a partir de 2018. Isso fará com que a Shell ocupe a liderança mundial em produção de gás natural liquefeito e uma das maiores em produção de pretróleo em águas profundas, com foco no Brasil.

 

O Globo
Notícias

Lua azul ocorre nesta sexta-feira

A lua azul vista da Lagoa da Conceição em Florianópolis, Santa Catarina, em agosto de 2012 (Foto: Cadu Rolim/Fotoarena/AE)

A lua azul vista da Lagoa da Conceição em Florianópolis, Santa Catarina, em agosto de 2012 (Foto: Cadu Rolim/Fotoarena/AE)

A noite desta sexta-feira (31) terá a segunda lua cheia de julho. Essa ocorrência é chamada, desde a década de 1940, de lua azul. Mas isso não significa que a lua realmente terá a coloração azulada.

Como explica o astrônomo Cassio Barbosa, autor do Blog Observatório, trata-se apenas de uma lua cheia comum. O uso do termo com esse sentido teve origem em 1946, quando um astrônomo amador publicou um texto em uma revista popular de astronomia dos Estados Unidos afirmando que à segunda lua cheia do mês dava-se o nome de lua azul.

A última vez que o fenômeno ocorreu foi em agosto de 2012 e a próxima vez será em janeiro de 2018.

G1
Política » Televisão

Datena diz em vídeo que “seria um péssimo político” e vira piada na internet

O vídeo de 2012, em que José Luiz Datena fala sobre se candidatar a um cargo público, está gerando comentários negativos na internet. As declarações do apresentador foram feitas em conversa com Maurício Stycer, colunista do UOL.

Depois que Datena se filiou ao PP, é possível que o apresentador saia candidato a prefeito de São Paulo em 2016. Em sua fala, ele diz que “seria um péssimo político” e que “seria só mais um imbecil na política” (veja a íntegra abaixo).

Segundo o R7, internautas fizeram piada com a nova postura de Datena e alguns chegaram a ficar irritados. Um internauta disse “memória curta”, outro afirmou que “pelo menos o resto do Brasil se verá livre desse cara na TV”. Um outro internauta disse apenas “medo”, enquanto outro brincou falando “todo castigo é pouco”.

Política

Presidenta Dilma propõe a governadores pacto nacional para reduzir taxa de homicídios no Brasil

A presidenta Dilma Rousseff disse aos governadores brasileiros, em reunião nesta quinta-feira (30), no Palácio da Alvorada, que a saída em momentos de crise, como o atual, é fazer mais com os recursos existentes, tornando-os mais eficientes. Nesse sentido, ela propôs um pacto nacional pela redução dos homicídios no País. Segundo a presidenta, essa proposta tem origem no fato de o Brasil ser hoje a nação com maior número absoluto de homicídios.

“A taxa nacional de homicídios é 23,32 homicídios por 100 mil habitantes, quando o número aceitável, segundo padrões internacionais, é até 10 por 100 mil habitantes. Por isso, propomos aqui nossa cooperação federativa, concentrando esforços – União, estados, municípios e integrando o Judiciário – para enfrentarmos o problema”, conclamou.

Dilma lembrou que, a cada dez minutos, uma pessoa é assassinada no País e que a proposta de um pacto nacional para a redução de homicídios dolosos, isto é, aqueles praticados intencionalmente, seja feita com base em políticas sociais focadas prioritariamente nos territórios vulneráveis em todas as 27 unidades da Federação. Disse acreditar que, pela cooperação, é possível interromper o crescimento do número de homicídios e obter uma redução média significativa entre 2015 e 2018.

Notícias

Após dois anos, morre sobrevivente do incêndio da Boate Kiss

Depois de mais de dois anos do incêndio da Boate Kiss um jovem que estava no local e que ajudou no resgate de algumas das vítimas morreu há cerca de 40 dias. A informação foi divulgada pela Associação de Familiares das Vítimas e Sobreviventes (AVTSM) e confirmada pela Prefeitura de Santa Maria.

De acordo com o presidente da associação, Sérgio Silva, a família de Uiliam da Silva Vieira, 27 anos, prefere não se expor, mas confirmou o que aconteceu. “A mãe dele explicou que ele morreu, que participou do resgate de algumas vítimas ajudando muita gente a sair”, disse. “Mas ele já tinha problemas de saúde e a questão da Kiss pode ter agravado os problemas de pulmão e coração”, disse o presidente da entidade.

A prefeitura confirmou por meio do grupo que faz o acompanhamento dos sobreviventes a morte o jovem, mas ponderou que ainda serão feitas as averiguações para determinar se a morte tem relação com a inalação da fumaça gerada pela queima da espuma tóxica, que matou 242 pessoas.

Lava Jato

Advogada afirma que deixou Lava Jato por se sentir ameaçada

Responsável por firmar nove acordos de delação premiada de réus da Operação Lava Jato, a advogada Beatriz Catta Preta disse ao “Jornal Nacional” que deixou o caso e decidiu abandonar a advocacia porque se sentiu ameaçada. “Depois de tudo que está acontecendo, e por zelar pela minha segurança e dos meus filhos, decidi encerrar minha carreira”, afirmou.

Segundo ela, a pressão aumentou após um de seus clientes, o lobista Júlio Camargo, mencionar em depoimento que pagou US$ 5 milhões em propina ao presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB­). A advogada também revelou que chegou a receber ameaças veladas. “Não recebi ameaças de morte, não recebi ameaças diretas, mas elas vêm de forma velada, elas vêm cifradas”.

Notícias

Fenômeno conhecido como ‘lua azul’ ocorre nesta sexta-feira

Lua cheia se despede atrás da Igreja da Penha: fenômeno conhecido como ‘lua azul’ será nesta sexta-feira – Custódio Coimbra / Agência O Globo.

Lua cheia se despede atrás da Igreja da Penha: fenômeno conhecido como ‘lua azul’ será nesta sexta-feira – Custódio Coimbra / Agência O Globo

O fenômeno conhecido como “lua azul” não tem nada a ver com uma mudança na cor do nosso satélite natural. Ele é um evento astronômico raro que ocorre quando um mesmo mês tem duas luas cheias. E, nesta sexta-feira à noite, será possível curtir a segunda lua cheia de julho — a primeira foi no dia 2 —, como não acontecia há muito tempo, já que esse é um fenômeno um pouco raro. Sua última ocorrência foi em 2012, e ele só voltará a se repetir no dia 31 de janeiro de 2018. Mas quem espera ver uma orbe azulada no céu vai se decepcionar, já que a lua estará prateada, com sempre.

Apesar do evento ser interessante para os astrônomos, ele é considerado mesmo importante para os astrólogos, que dizem que a segunda lua cheia do mês marca um momento de virada, mudança e novas possibilidades. Ocasionalmente, a lua realmente fica da cor azul, mas isso geralmente acontece por causa de um vulcão em erupção. Isso acontece porque, quando há partículas finas de poeira ou fumaça no céu, elas agem como um filtro, permitindo que somente a luz azul passe através delas.

Em 1883, luas azuis apareceram quase todas as noites no céu depois que o vulcão indonésio Krakatoa explodiu com a força de uma bomba nuclear. Luas azuis também foram vistas em 1983, após a erupção do vulcão El Chichón, no México. Os incêndios florestais que produzem muita fumaça também podem desencadear o fenômeno na região da queimada.

 

O Globo
Finanças

Juro do cheque especial é o maior desde 1995; rotativo do cartão vai a 372%

A taxa de juros do cheque especial em junho ficou em 241,3% ao ano, o maior patamar desde dezembro de 1995 (quando o juro era de 242% ao ano). Em maio, a taxa estava em 232%.

Por sua vez, os juros do rotativo do cartão de crédito subiram de 360% ao ano em maio para 372% ao ano em junho, o maior valor desde o início da série histórica deste indicador, em março de 2011.

Os dados são referentes apenas a juros cobrados de pessoas físicas e foram divulgados nesta quinta-feira (30) pelo Banco Central.

O BC ressalta que a metodologia de cálculo dos indicadores foi atualizada em fevereiro de 2015.

Confira a variação nas taxas de juros de outras modalidades de crédito monitoradas pelo BC:

  • Aquisição de veículos: de 24,8% ao ano em maio para 24,7% ao ano em junho
  • Aquisição de outros bens: de 82,6% ao ano em maio para 81,5% ao ano em junho
  • Cartão de crédito parcelado: de 115,9% ao ano em maio para 118,2% ao ano em junho
  • Crédito renegociado: de 46,1% ao ano em maio para 46,4% ao ano em junho
  • Crédito pessoal consignado: estável em 27,3%
  • Crédito pessoal não-consignado: de 111,3% ao ano em maio para 111,9% ao ano em junho

Juros para famílias sobem a 58,6%

A média da taxa de juros cobrada das famílias subiu 1,3 ponto percentual de maio para junho, alcançando 58,6% ao ano no mês passado. As principais altas foram do cheque especial e do rotativo do cartão, já mencionadas.

Para as empresas, a taxa média de juros foi de 27,5% ao ano, uma alta de 0,6 ponto percentual em relação a maio.

Todos os dados são referentes às operações com recursos livres (em que os bancos têm autonomia para aplicar os percentuais que desejarem).

Inadimplência cai entre pessoas físicas

A inadimplência nas operações financeiras se refere a dívidas atrasadas por mais de 90 dias. No geral, este indicador correspondeu a 2,9% de toda a carteira de crédito do país, o que representa uma redução de 0,1 ponto percentual em relação a maio.

Entre as pessoas físicas, o indicador recuou 0,1 ponto percentual para 3,7% de todas as operações; entre as empresas, a inadimplência ficou estável em 2,3%.

Estes números se referem à inadimplência tanto em operações com recursos livres quanto com recursos direcionados (em que os juros são fixos).

UOL

Últimos Eventos

21/09/2019
São Vicente/RN
03/03/19
Master Leite
06/05/18
Parque Dinissauros - Povoado Sto Antonio (Cobra)
Março 2017
Aero Clube

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!