Arquivos:

PM Currais Novos » Policial

A MATANÇA CONTINUA: Santa Cruz registra mais um homicídio, o 4º só este ano

Heriberto foi a 4ª pessoa assassinada só este ano em Santa Cruz.

Heriberto foi a 4ª pessoa assassinada só este ano em Santa Cruz.

Um jovem identificado pelo nome de Heriberto Conceição de Lima, vulgo “Beto Ciclone” de 21 anos de idade, foi assassinado na manhã deste sábado (07) por volta das 5h, em Santa Cruz. O crime aconteceu no bairro Paraíso, nas proximidades do rio Trairi. Heriberto sofreu dois disparos de arma de fogo, a vítima ainda foi socorrida para o Hospital Regional Aluízio Bezerra, mas já deu entrada na unidade sem vida.

Com este crime, Santa Cruz, registra seu quarto homicídio do ano de 2015.

Corrupção » Justiça

“Lava Jato não intimidou esquema de propinas na Petrobrás”, afirma o juiz federal Sérgio Moro

O esquema de intermediação de propinas a agentes da Petrobrás ou de suas subsidiárias ainda persiste, avalia a Justiça. Ao decretar a prisão do lobista Mário Frederico Mendonça Goes, apontado como operador do ex-diretor de Serviços da estatal Renato Duque, o juiz federal Sérgio Fernando Moro advertiu que nem mesmo a deflagração da Operação Lava Jato “dissuadiu” a corrupção na petrolífera”.

Em especial, perturba este Juízo a existência de provas de que Mario Goes, na intermediação de propinas, teria atuado para Pedro Barusco (delator da Lava Jato) e Renato Duque no passado e persistiria atuando, na intermediação de propinas periódicas, agora da Arxo para a Petrobrás Distribuidora, de 2012 até pelo menos o final de 2014″, destaca o magistrado.

A BR Distribuidora é uma subsidiária da Petrobrás.Mário Goes é procurado pela Polícia Federal, que lhe atribui papel central na Operação My Way. Deflagrada nesta quinta feira, a My Way é mais um passo da Lava Jato e mira, agora, negócios e pagamentos suspeitos de empresas com relações na BR Distribuidora.Sérgio Fernando Moro é o juiz que conduz todas as ações penais da Lava Jato sobre fraudes em licitações, cartelização das maiores empreiteiras do País e corrupção na Petrobrás.

Em seu despacho, o juiz anota que restou “constatado que persiste, em novos esquemas, a intermediação de propinas a agentes da estatal ou de suas subsidiárias”.Mario Goes, segundo o Ministério Público Federal, teria o mesmo papel do doleiro Alberto Youssef e do lobista Fernando Soares, o Fernando Baiano, operador do PMDB na Petrobrás – Youssef e Baiano estão presos. “Um intermediador profissional do pagamento de propinas por empresas privadas a dirigentes ou empregados da Petrobrás”, assim é rotulado Mario Goes pela força tarefa da Lava Jato.

Brasil

Horário de verão poderá se estender por mais um mês

O governo estuda ampliar em um mês o horário de verão, que está em curso desde o dia 19 de outubro com previsão de término em 22 de fevereiro, para economizar energia. Segundo informações do Jornal Nacional, a possibilidade é analisada diante do cenário atual de crise do setor elétrico e com os índices de chuva abaixo do esperado nos últimos meses.

O horário de verão está em curso em onze estados das regiões Sul e Sudeste, mais o Distrito Federal. O governo espera reduzir em 4,5% o consumo de energia no horário de pico. “Faremos uma avaliação no dia 12 de fevereiro para que nós possamos ter uma previsibilidade com relação ao ritmo hidrológico do final do mês de fevereiro e do começo do mês de março. E aí sim tomaremos uma decisão com relação ao horário de verão”, disse o ministro Minas e Energia, Eduardo Braga.

Na entrevista ao Jornal Nacional, Braga também afirmou que, para enfrentar o problema da falta de chuvas, contará também com a energia gerada pela termelétrica de Uruguaiana, no Rio Grande do Sul, que tem potência instalada de 640 megawatts.

Em 2013, o governo afirmou que só recorreria à energia de Uruguaiana em caso de extrema necessidade. Para a termelétrica entrar em operação, a Argentina tem que autorizar a utilização de um gasoduto. A empresa responsável por Uruguaina afirmou que espera para este mês o fornecimento de gás para a usina voltar a funcionar.

Justiça

PAGOU, SAIU: mensaleiro devolve R$ 531 mil e terá progressão de regime

Com o pagamento total do valor, Cunha deverá ter o benefício de progressão para o regime aberto.

Com o pagamento total do valor, Cunha deverá ter o benefício de progressão para o regime aberto.

O ex-presidente da Câmara dos Deputados, João Paulo Cunha (PT­SP), condenado pelo julgamento do mensalão, efetuou o pagamento dos R$ 531 mil restantes do total que lhe foi imposto junto à condenação pelos crimes de peculato e corrupção passiva no julgamento do escândalo do mensalão.

Em dezembro, o ex-deputado havia pago R$ 5 mil aos cofres públicos, quando pediu progressão do regime, mas teve pedido negado até que pagasse o valor total que os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) entenderam que foram desviados, R$ 536 mil.

PM Currais Novos » Serra de Santana » Trânsito

Três pessoas ficaram feridas após capotar carro entre Lagoa Nova e Cerro Corá

O veículo ficou parcialmente destruído.

O veículo ficou parcialmente destruído. (Fotos: O Comunicador – Gislayne).

Os acidentes continuam ocorrendo na estrada que liga Lagoa Nova a Cerro Corá. O último aconteceu no fim da tarde desta sexta-feira (06) e deixou três pessoas feridas, uma delas teve que ser conduzida para Natal devido a gravidade dos ferimentos.

O acidente, que aconteceu nas proximidades da comunidade Baixa da Flores, envolveu um Gol 1994 com placa de Lagoa Nova. O veículo era conduzido por um homem de 51 anos que perdeu o controle do carro, capotando e batendo em uma árvore. Outras duas mulheres estavam no veículo. Todos os ocupantes ficaram feridos e presos nas ferragens, precisando da ajuda para saírem. Logo após, receberam os primeiros socorros no Hospital de Cerro Corá e em seguida foram transferidos para Currais Novos. Uma das mulheres com ferimentos mais graves precisou ser encaminhada para Natal na ambulância do SAMU.

PM Currais Novos

Preso um dos suspeitos de assaltar e espancar casal de policiais civis em Barreta

Além de Júlio, outras três pessoas participaram do assalto.

Além de Júlio, outras três pessoas participaram do assalto.

A Polícia Civil, com apoio da PM, prendeu um dos homens que participou do assalto a um casal de policiais civis, na última quarta-feira (4). O criminoso foi preso na tarde desta sexta-feira (6), na cidade de Caiçara. Contra ele, já havia um mandado de prisão em aberto.

O suspeito foi identificado como Júlio César Alves do Nascimento. Ele havia sido reconhecido por foto pelos policiais assaltados e, desde um dia após o crime já vinha sendo procurado. Além dele, outras três pessoas teriam participado do roubo e estão sendo procuradas.

O casal de policiais civis foi assaltado na praia de Barreta. As vítimas teriam sido abordadas por quatro homens, que estavam armados. Os bandidos renderam o casal e fugiram levando um veículo Corolla, de cor branca e placas NOG-8786, duas pistolas calibre ponto 40 e aproximadamente 100 munições.

Portal BO
Currais Novos » PM Currais Novos » Trânsito

TRÂNSITO LOUCO: mais um acidente na Teotônio Freire; casal ficou ferido

O acidente aconteceu quando o taxista tentava fazer uma conversão na Avenida.

O acidente aconteceu quando o taxista tentava fazer uma conversão na Avenida.

Uma via perigosa, que já deixou várias pessoas feridas e já fez até vítima fatal. Pois bem, estou falando da Av. Teotônio Freire, uma das mais movimentadas de Currais Novos, e, perigosa também.

Na noite desta sexta-feira (06), por volta das 21h, um casal ficou ferido em frente ao Hospital Regional quando um veículo táxi Siena tentava fazer o retorno e se chocou com uma moto Shineray que transportava um casal. O condutor da moto sofreu um grande corte na perna e foi encaminhado ao Hospital Regional para receber atendimento médico. Já a esposa do motociclista sofreu escoriações leves e passa bem.

Com informações J.Júnior PM C.Novos
Mundo

Corda que matou Saddam Hussein atrai oferta de R$ 19 milhões

O ex-presidente iraquiano se manteve no poder por 23 anos.

O ex-presidente iraquiano se manteve no poder por 23 anos.

A corda usada na execução do ditador iraquiano Saddam Hussein tem provocado uma guerra de ofertas na internet, informou o Daily Mail. O dono do artefato, o ex-conselheiro da Segurança Nacional do Iraque Mowaffak al-Rubaie já recebeu ofertas superiores a R$ 19 milhões.

O homem que conduziu Saddam até o local de sua execução foi recentemente forografado em sua casa, no Iraque, com a corda usada para enforcar o ex-presidente enrolada no pescoço de um busto do ditador.

Depois que as fotos foram parar na internet, o webiste Al-Araby Al-Jadeed, cujo escritório é situado em Londres, reportou que várias pessoas –  incluindo dois empresários do Kuwait, uma rica família de Israel e uma organização religiosa iraniana – demonstraram interesse em comprar o objeto.

De acordo com reportagem do website Middle East Eye, Mowaffak al-Rubaie está pedindo bem mais do que R$ 19 milhões pela corda e, por isso, recusou a proposta.

O ex-presidente iraquiano se manteve no poder por 23 anos antes de ser deposto em 2003, durante a invasão da coalização internacional, da qual faziam parte a Grã- Bretanha e os Estados Unidos.

A competição em torno da compra da corda que enforcou Saddam tem sido alvo de críticas de ativistas dos direitos humanos. O militante Ahmeed Saheed, por exemplo, defende que, caso a venda seja realmente realizada, o dinheiro deve ser doado ao tesouro iraquiano.

Mowaffak al-Rubaie fez parte do Conselho de Governo Iraquiano, depois de o ditador ter sido deposto. Ele chegou a ser torturado pelas forças que trabalhavam para o ex-presidente por causa de seus ideais políticos.

Em entrevista ao jornal The Independent em 2013, al-Rubaie revelou que sentia completo desprezo por Saddam Hussein, inclusive durante os minutos que duraram sua execução. “Eu esperava que ele mostrasse algum remorso pelor crimes terríveis que cometeu e pelas centenas de milhares de pessoas que matou…mas não havia remorso nenhum”.

Ele contou que um de seus funcionários lhe devolveu parte da corda usada para matar Saddam Hussein após o enforcamento, e que achou apropriado colocá-la no pescoço de uma estátua do falecido.

O corpo de Hussein está enterrado em Al-Awja, na cidade iraquiana de Tikrit.

Terra
Currais Novos » Política

Odon Jr. reivindica 30 horas para profissionais de enfermagem

Odon Jr. representou o requerimento na sessão plenária ordinária, realizada ontem (5).

Odon Jr. apresentou o requerimento na sessão plenária ordinária da última quinta-feira (05).

A regulamentação da jornada de 30 horas semanais para os profissionais de enfermagem foi objeto do requerimento apresentado pelo vereador Odon Júnior, na última sessão plenária ordinária, realizada ontem (5), na Câmara Municipal de Currais Novos.

O pleito foi dirigido à Secretaria Municipal de Saúde e também ao Gabinete do Prefeito solicitando que o Executivo encaminhe à Câmara projeto de lei regulamentando a jornada de trabalho de 30 horas para a categoria que abrange três classes de trabalhadores: o Auxiliar de Enfermagem, o Técnico de Enfermagem e o Enfermeiro.

A jornada de trabalho de 30 horas é recomendada pela OIT (Organização Internacional do Trabalho) da Organização das Nações Unidas, da 2ª Conferência Nacional de Recursos Humanos para saúde, da 3ª Conferência Nacional de Gestão do Trabalho ao reconhecer que os trabalhadores em saúde convivem com situações extremas de sofrimento e exposição a ambientes insalubres.

Observa-se ainda que os profissionais de enfermagem participam ativamente, além da assistência direta ao paciente, também na administração, planejamento, organização e funcionamento de todos os serviços de saúde, quer sejam públicos ou privado. Atua ainda na área domiciliar, com manejo de pacientes de alto risco, que apresentem uma dependência maior, inclusive fazendo uso de tecnologias avançadas.

Além de ser a única profissão que permanece na assistência durante 24 horas por dia durante o ano inteiro, a Enfermagem, predominantemente exercida por mulheres, enfrenta dupla ou tripla jornada laboral, comprometendo a saúde deste trabalhador, aumentando o desgaste físico, psicológico, emocional, e assim, acarretando doenças ocupacionais e aumento de acidentes, expondo o usuário/cliente a graves riscos e danos por vezes irreparáveis.

“Precisamos garantir esse pleito aguardado pela categoria há anos, pois temos certeza de que a regulamentação das 30 horas para os profissionais de enfermagem refletirá na melhoria da qualidade dos serviços prestados. Assim como várias prefeituras já providenciaram a regulamentação da jornada de trabalho da categoria de enfermagem, vamos aguardar que a prefeitura de Currais Novos nos envie projeto de lei para aprovarmos mais essa conquista dos trabalhadores do nosso município”, disse Odon Júnior.

Justiça

Polícia Federal intercepta ligação de Gilmar Mendes para investigado no STF

Em 15 de maio do ano passado, o Supremo Tribunal Federal, a pedido da Procuradoria-­Geral da República, autorizou a Polícia Federal a vasculhar a residência do então governador de Mato Grosso, Silval Barbosa, do PMDB, à cata de provas sobre a participação dele num esquema de corrupção. Cinco dias depois, uma equipe da PF amanheceu no duplex do governador, em Cuiabá. Na batida, os policiais acabaram descobrindo que Silval Barbosa guardava uma pistola 380, três carregadores e 53 munições.

Como o registro da arma vencera havia quatro anos, a PF prendeu o governador em flagrante. Horas mais tarde, Silval Barbosa pagou fiança de R$ 100 mil e saiu da prisão. Naquele momento, o caso já estava no noticiário. Às 17h15, o governador recebeu um telefonema de Brasília. Vinha do mesmo Supremo que autorizara a operação.

“Governador Silval Barbosa? O ministro Gilmar Mendes gostaria de falar com o senhor, posso transferi-lo?”, diz um rapaz, ligando diretamente do gabinete do ministro. “Positivo”, diz o governador. Ouve-se a tradicional e irritante musiquinha de elevador. “Ilustre ministro”, diz Silval Barbosa. Gilmar Mendes, que nasceu em Mato Grosso, parece surpreso com a situação de Silval Barbosa: “Governador, que confusão é essa?”. Começavam ali dois minutos de um telefonema classificado pela PF como “relevante” às investigações. O diálogo foi interceptado com autorização do próprio Supremo – era o telefone do governador que estava sob vigilância da polícia. Na conversa, Silval Barbosa explica as circunstâncias da prisão. “Que loucura!”, diz Gilmar Mendes, duas vezes, ao governador (leia ao lado um trecho da transcrição da conversa). Silval Barbosa narra vagamente as acusações de corrupção que pesam contra ele. Gilmar Mendes diz a Silval Barbosa que conversará com o ministro Dias Toffoli, relator do caso. Fora Toffoli quem, dias antes, autorizara a batida na casa do governador.  Segue-se o seguinte diálogo:

Silval Barbosa: E é com isso que fizeram a busca e apreensão aqui em casa.
Gilmar Mendes: Meu Deus do céu!
Silval Barbosa: É!
Gilmar Mendes: Que absurdo! Eu vou lá. Depois, se for o caso, a gente conversa.
Silval Barbosa: Tá bom, então, ministro. Obrigado pela atenção!
Gilmar Mendes: Um abraço aí de solidariedade!
Silval Barbosa: Tá, obrigado, ministro! Tchau!

Época

Últimos Eventos

21/09/2019
São Vicente/RN
03/03/19
Master Leite
06/05/18
Parque Dinissauros - Povoado Sto Antonio (Cobra)
Março 2017
Aero Clube

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!