Arquivos:

Notícias

Palmeiras estão morrendo nos principais canteiros de Currais Novos

Que a seca existe, todo mundo sabe. Que as dificuldades em encontrar reservatórios com água em nosso município são grandes, todo mundo também sabe. No entanto, é difícil aceitar que árvores, numa cidade que já é tão pouco arborizada, estejam morrendo por falta de água.

Esse fato vinha me chamando muito à atenção nos últimos dias, e hoje decidi fotografar e publicar para que autoridades e moradores mais próximos possam tomar alguma atitude, e assim não permitir que continuem a morrer as dezenas de Palmeiras que embelezam nossa cidade.

Na Avenida Cândido Dantas (saída para Lagoa Nova) são dezenas delas ficando “cinzentas”, outras já com as palhas arreadas. Em frente ao Palácio dos Esportes, uma delas já morreu. Na Avenida Cap. Mor Galvão e cenário é o mesmo.

Aqui vai o apelo às autoridades e a população que tem alguma dessas plantas em frente as suas casas. Por mais que a crise de água esteja grande, não vamos deixá-las morrerem. Algo precisa ser feito!


Av. Cândido Dantas


Rua Cap. Mor Gãvão


Av. Cel. José Bezerra (em frente ao Palácio dos Esportes)

Postado por: Jean Souza
Notícias

Audiência discute futuro do Hospital Regional de Currais Novos

No último plantão do Judiciário de 2013, na tarde desta quinta(26), em Currais Novos, aconteceu uma audiência que reuniu o prefeito Vilton Cunha, o juiz de Direito Dr Marcus Vinícius, a promotora Dra Mariana Barbalho, além da secretária de saúde do município, Tércia Leda, e representantes da classe médica local.

Na pauta da audiência o futuro do Hospital Regional de Currais Novos, que a partir de 1º de janeiro de 2014, não terá mais a Fundação Padre João Maria como gestora.

A audiência foi motivada de última hora, após um comunicado que tornava a gestão Hospital Regional Mariano Coelho responsabilidade da Secretaria Estadual de Saúde (Sesap) e da Prefeitura de Currais Novos, fato contestado pelo prefeito Vilton Cunha.

De acordo com Dr Marcus Vinícius não existe nenhuma intervenção do Hospital. E que o município de Currais Novos não tem obrigação de manter em funcionamento o serviço de urgência e emergência  porque tem menos de 50 mil habitantes, repassando a responsabilidade para o Estado. Porém destacou o fator estratégico do Hospital Regional para a região.

O prefeito Vilton Cunha se disse preocupado com o ofício da Sesap: “O município não foi consultado formalmente, não é dessa forma, fazemos apenas um repasse financeiro, não tem nenhuma gestão ou gerência nos atos administrativos do Hospital”, informou Vilton, que  disse ainda, que foi enviado um ofício ao Secretário estadual de Saúde, Luiz Roberto, não concordando com a gestão compartilhada.

A secretária Tércia Leda explicou que foi solicitado do município apenas  uma cooperação pelo período de três meses, sem interferir na gestão do Hospital, apenas como garantia aos profissionais que trabalharão na instituição.

Representando a classe médica, o vereador e médico Dr Eduardo Pontes disse que a dificuldade de fechar a escala de médicos no plantão do Hospital é reflexo dos atrasos do repasse pelo Governo do Estado: “Isso é descrédito da classe médica, com 4 meses de atraso, a gente cansou de ser enrolado pelo Governo do Estado. Se tiver uma garantia que vamos receber, isso ai resolve”, concluiu. Os médicos também reclamaram da deficiência do número de profissionais no Hospital.

Outro ponto discutido foi em relação da saída dos funcionários ligados a Fundação Padre João Maria. Segundo Dra Mariana, atualmente existem 467 funcionários no Hospital, desses 353 são da Sesap: “Menos de 100 é da Fundação, geralmente pessoas da parte administrativa, então o Hospital vai continuar funcionando com os 353 funcionários que tem, o dinheiro que o município e o Estado repassam, que antes eram para pagamentos da escala extra, vai continuar da mesma forma”, falou. A promotora também levantou a possibilidade da exigência dos médicos pela permanência da Fundação: “Bom, mas os médicos não querem porque não é pela Fundação, então vamos procurar outros médicos. Se não, a gente quer os médicos da cidade, a única diferença é que antes eles eram contratados verbalmente, de boca, e agora não, a gente quer formalizar, botar tudo no papel”, explicou.

Dra Mariana também citou a operação do Ministério Público, e a descoberta que o Hospital ainda não possuía CNPJ. “O único medo do Ministério Público, e por isso que a gente entrou com aquela liminar, foi que dia 31 eles saiam e levem tudo de equipamento, porque se tem essa sobra financeira mensal, foi essa sobra que comprou os equipamentos, então são públicos. Se os equipamentos são particulares então a Fundação mostre com seu faturamento mensal que ganhou milhões e os comprou. Se foram comprado com essa sobra são públicos, não é porque era um triângulo, que eles passaram a ser privados, não, o dinheiro continua público. A gente tinha, me desculpe a expressão “Excrecência jurídica”, porque essa situação já vinha há muitos anos, vai levando e até que o dia explode. Até um dia em que um secretário com força política e disse: "isso não pode", e ele está fazendo isso em Caicó, aqui e em outros hospitais. A gente sabe que SUS não dá dinheiro, mas dá voto, então não pode interesse particulares ficar lá dentro. Na última eleição municipal teve, a gente sabe, e aqui não precisa citar nomes quem são os vereadores mais votados da cidade, filho de ex-prefeito vai se candidatar no próximo ano, não pode ficar nas mãos de particulares”, concluiu.

No final da audiência, a promotora conseguiu falar por telefone com o Secretário Estadual de Saúde, quando foi informada que o Estado assumirá o Pronto de Socorro e que todos os municípios, inclusive Currais Novos, serão atendidos na modalidade com regulação. O secretário convocou todos os médicos da cidade para se credenciarem à cooperativa, que apresentará cadastrador em Currais Novos, no próximo dia 02 de janeiro.

Na audiência ainda foi informado que o atendimento aos pacientes de diabetes não será mais feito no Hospital de Currais Novos e será redirecionado para a rede básica do município. Também foi dito que o serviço de Esquadrão Resgate, não poderá mais ser financiado com recurso do Estado, porque já existe o SAMU, em funcionamento.

Postado por: Fátima Souza / CNagitos
Notícias

Após pagamento do 13º, Prefeitura de Currais Novos pagará folha de dezembro no próximo dia 31

Com o pagamento de 60% do 13º salário dos servidores municipais efetivado no último dia 20 de dezembro, a Prefeitura Municipal de Currais Novos, através da Secretaria Municipal de Finanças e Planejamento (Semfin), comunica que o pagamento da folha de dezembro será efetivado na próxima terça-feira (31).

 

O 13º salário dos servidores municipais injetou na economia local, de acordo com dados da (Semfin), pouco mais R$ 2 milhões de reais, e o pagamento de dezembro acrescentará mais R$ 2 milhões, fortalecendo assim o comércio e a economia do município.

Postado por: Eduardo Bezerra / Assecom
Notícias

Prefeitura de Currais Novos realiza mutirão para recuperar iluminação danificada em vários bairros

 

 

A Prefeitura Municipal de Currais Novos, através da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos (Semosu), iniciou nesta semana os serviços de recuperação de postes e substituição da iluminação pública danificada em vários bairros da cidade.

Somente entre esta quinta-feira (26) e a manhã desta sexta-feira (27), foram colocadas mais de 30 lâmpadas em vias importantes, como Avenida 13 de maio e Silvio Bezerra de Melo. De acordo com a equipe da Semosu, o trabalho também será realizado na Avenida Teotônio Freire e em ruas que necessitem dos reparos na iluminação pública.

Na parada de ônibus próximo ao Ginásio Agenorzão, que abriga passageiros com destino a Lagoa Nova e outras cidades serranas, a Prefeitura irá recuperar a estrutura que foi danificada por alguns acidentes.

Postado por: Eduardo Bezerra / Assecom
Notícias

Mega-Sena da Virada deve chegar a R$ 219 milhões

O prêmio da Mega-Sena da Virada deve alcançar R$ 219 milhões, conforme estimativas da Caixa Econômica Federal. Estima-se que a arrecadação total fechará em torno de R$ 680 milhões. E, para evitar que premiações acabem em caso de polícia, as loterias passarão a usar, já no início de 2014, um bilhete com espaço no verso para que o apostador coloque nome e CPF.

A Caixa já orienta o consumidor a anotar atrás do bilhete dados pessoais para que somente ele seja autorizado a receber o prêmio, caso seja sorteado. No entanto, segundo o gerente nacional de produtos lotéricos, Edislon Carrogi, muitos clientes dos jogos não seguem a instrução por não encontrarem um lugar específico para colocar os dados pessoais. Atualmente, o apostador pode subscrever em qualquer parte do verso do volante, até em cima do texto. Com a troca das bobinas das lotéricas, será indicado um lugar específico.

O mais recente imbróglio envolvendo um bilhete premiado da Mega-Sena provocou uma crise familiar em Ribeirão Preto. José Agostinho dos Santos acusa o irmão, Rogério Agostinho dos Santos, de ter furtado o bilhete premiado. Se José tivesse anotado o nome e o CPF atrás do bilhete, o prêmio de quase R$ 8 milhões do concurso 1.530 da Mega Sena de 14 de setembro só poderia ter sido resgatado por ele.

De acordo com a Caixa, os R$ 680 milhões esperados de arrecadação da Mega da Virada em 2013 representam 17% de todo o montante que o banco conseguiu arrecadar durante o ano com os jogos da Mega. A arrecadação em 2013 alcançou R$ 4 bilhões até o concurso do dia 21 de dezembro. No ano passado, dos R$ 4,3 bilhões arrecadados com a Mega-Sena, R$ 640 milhões vieram de apostas para o concurso especial.

Acúmulo

As apostas na Mega-Sena da Virada podem ser feitas até as 14 horas do dia 31 de dezembro nas casas lotéricas. O prêmio da Mega da Virada não acumula. Caso não haja ganhador com as seis dezenas sorteadas, o valor é somado ao rateio dos acertadores de cinco números, e assim por diante. Por mais que a Caixa oriente a não deixar para a última hora, para evitar filas, a maior parte das apostas ainda é feita nos três últimos dias do ano.

A parcela do prêmio paga ao ganhador corresponde a 32,2% do valor arrecadado com o concurso da Mega-Sena, depois de descontados os 4,5% destinados à Secretaria Nacional de Esportes. Segundo a Caixa, outros 13,8% são deduções do Imposto de Renda. Do prêmio total, 3% vão para o Fundo Nacional de Cultura e 2% para os comitês olímpico e paralímpico.

A arrecadação da Mega-Sena também é destinada à seguridade social (18,1%), ao financiamento estudantil (7,76%) e ao Fundo Penitenciário Nacional (3,14%). A Caixa fica com 20% para as despesas de custeio e manutenção de serviços. Desse porcentual, 10% ficam com o banco, 9% com os lotéricos e 1% é destinado ao Fundo de Desenvolvimento das Loterias (FDL), para modernização, promoção e divulgação das Loterias. É desse fundo que saiu os R$ 10 milhões de patrocínio para o Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Postado por: Eduardo Bezerra
Notícias

Papa questiona visão “adocicada” e de “conto de fadas” do Natal

 

 

O papa Francisco explicou, durante a celebração da reza do Ângelus na praça de São Pedro nesta quinta-feira (26), que a “visão adocicada e de conto de fadas” que se tem do Natal não é a que aparece no Evangelho.

Na mensagem, o papa também denunciou a perseguição dos cristãos em várias partes do mundo.

“Vocês não têm medo da chuva?”, perguntou, brincando, o papa aos fiéis, hoje apenas algumas centenas que aguardavam sob uma intensa chuva na praça de São Pedro.

Depois Francisco explicou que hoje se celebra São Estêvão, que foi o primeiro mártir da Igreja, e lembrou seu martírio por apedrejamento e como perdoou seus agressores no momento de sua morte.

O pontífice argentino explicou que “a festa São Estêvão está em plena sintonia com o profundo significado do Natal, já que no martírio o amor venceu a violência”.

“A memória do primeiro mártir dissolve a falsa imagem do Natal, essa imagem de contos de fada, adocicada, que no Evangelho não existe”, explicou.

Jorge Bergoglio afirmou que “na Liturgia se lê o sentido autêntico da encarnação, vinculando o Presépio ao Calvário e lembrando que a salvação divina implica a luta contra o pecado e que passa pela cruz”.

Francisco também pediu para rezarem pelos “cristãos que sofrem discriminação por testemunhar Cristo e o Evangelho”. “Irmãos e irmãs que, como São Estêvão são acusados injustamente e são alvo de violência de vários tipos. Isso ocorre especialmente onde a liberdade religiosa não se garante ou não pode ser plenamente praticada”, disse.

O pontífice também denunciou que “em países e ambientes em que se diz que se tutela a liberdade e os direitos humanos, no entanto os fiéis e especialmente os católicos encontram limitações e discriminações”.

“Apesar de o cristão esperar isso, no plano civil essa injustiça precisa ser denunciada e eliminada”, acrescentou.

O papa terminou seu discurso de hoje pedindo que esta Natal suscite um “generoso compromisso de amor e que no interior das famílias e das várias comunidades se viva esse clima de fraternidade e de entendimento que tanto ajuda o bem comum”.

Postado por: Eduardo Bezerra
Notícias

Confira probabilidades de acertar na Mega-Sena da Virada

A Mega-Sena da Virada pode pagar uma bolada de R$ 200 milhões para quem acertar as seis dezenas premiadas. O sorteio ocorre no dia 31 de dezembro, às 20h25 (horário de Brasília), no estúdio da Rede Globo, em São Paulo.

As apostas podem ser feitas até as 14h (horário de Brasília) do dia 31 de dezembro em todas as lotéricas do país. Para a aposta simples, cujo preço é R$ 2, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é, segundo a Caixa, de 1 em 50.063.860 (veja tabela de probabilidades abaixo).

Se aplicado na poupança, o prêmio de R$ 200 milhões renderia cerca de R$ 1,2 milhão por mês, o que equivale a R$ 40 mil por dia.

O prêmio da Mega da Virada não acumula. Caso não haja ganhador com as seis dezenas sorteadas, o valor será somado ao rateio dos acertadores de cinco números, e assim por diante.

Confira as probabilidades de acerto na Mega-Sena:

 


 

Postado por: Eduardo Bezerra
Notícias

Menina enviou carta ao Papai Noel uma semana antes de ser morta

 

 

Uma semana antes de ser morta de forma brutal, a menina Iasmin Martins de Souza Silva, de 8 anos, havia escrito ao Papai Noel dos Correios pedindo presentes para ela e a família. Ao ler a carta, uma administradora de empresas, que não quis se identificar, percebeu que tratava-se da garota que foi assassinada a pauladas após ser estuprada em Catalão, região sudeste de Goiás. Mesmo assim, a voluntária atendeu aos pedidos e fez as doações à mãe e aos irmãos da criança.

Na carta, a menina pede itens como roupas, sapatos e cesta básica e fala com carinho da mãe, Leidiane Martins. “Meu nome é Iasmim. Tenho 8 anos, preciso de sapatos e roupas para mim e meus irmãos. Quem tiver para doar também mochilas e brinquedos, também aceito. Queria pedir uma cesta [de alimentos] para minha mãe, pois ela é muito especial e cuida de nós sozinha. Quem ler essa carta, e puder ajudar, ficarei abençoado (sic) e agradeço a Deus. Desejo um feliz Natal para quem tiver roupas para doar para minha mamãe. Fico agradecida. Feliz Natal”, diz a garota na carta.

Ao encontrar o pedido nos Correios, a voluntária diz que se emocionou a perceber que se tratava dos desejos da garota assassinada. Ela decidiu procurar os familiares de Iasmin para entregar os presentes e realizar os sonhos da criança.

“A família inteira ganhou. Chegaram roupas e brinquedos para o irmãozinho pequeno. Também ganhamos a cesta que ela pediu. Ela [Iasmin] pensava em todo mundo”, disse a mãe da garota.

Mesmo feliz em receber os presentes, Leidiane diz que o que mais queria era ter a presença da filha. “É muita saudade, pois eu pensei que este ano passaria o Natal com ela. O vazio é muito grande”.

O crime

Iasmin foi encontrada morta no último dia 9, em uma obra de Catalão, um dia após ter saído da casa da avó para ir até a feira onde a mãe estava trabalhando. No entanto, a menina não chegou ao destino. Após o sumiço, familiares e policiais chegaram a procurá-la, mas não a encontraram.

Na manhã seguinte, o pedreiro Luizmar Bernardes achou o corpo da menina na obra onde trabalha, no Bairro Paineiras. Ele lembra com tristeza do momento em que a viu: "Cheguei e nós [outros colegas] trabalhamos um pouquinho. Quando olhei lá dentro, me deparei com a criança morta lá e chamei outro colega meu para olhar. É triste de ver. A cena é lamentável".

O padrasto da vítima, Roberto de Sá Silva, contou que soube da morte por telefone. "Um tio meu estava ouvindo rádio e me ligou avisando que haviam encontrado uma menina morta. Fui para o local com minha esposa e, infelizmente, era ela".

As investigações sobre o assassinato de Iasmin continuam e o inquérito policial ainda não foi concluído. Um dia após o corpo ser encontrado, com base em depoimentos de testemunhas, a Polícia Civil conseguiu chegar a um suspeito, um pedreiro de 37 anos, que acabou preso porque tinha um mandado de prisão contra ele em aberto.

Em depoimento, o homem negou a autoria do crime e, segundo a delegada, disse que Iasmin era amiga de sua filha. A transferência do suspeito para o presídio local causou um princípio de rebelião. Após o incidente, ele está preso em uma cela especial da cadeia de Catalão.

Postado por: Eduardo Bezerra / G1
Notícias

Graças a GPS de celular, PM acha picape roubada e prende oito em Natal

 

 

Oito homens foram presos na noite desta terça-feira (24), em Natal, suspeitos de envolvimento no roubo de uma picape modelo Amarok, tomada de assalto de um estudante no bairro de Capim Macio, zona Sul da capital. Segundo informações da Polícia Militar, o veículo foi recuperado a partir do aparelho celular da vítima, que possui GPS e apontou sua localização.

Ainda de acordo com a polícia, o automóvel foi encontrado no bairro de Mãe Luiza, na zona Leste da cidade. Dentro da casa onde o grupo estava os policiais ainda apreenderam um revólver calibre 38, uma pistola 380, munições intactas, dois coletes balísticos, drogas e oito celulares sem notas fiscais.

A prisao dos suspeitos foi feita pela Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas (Rocam). Após serem detidos todos foram levados para a Delegacia de Plantão da zona Sul e autuados em flagrante.

 

Postado por: Eduardo Bezerra / G1
Notícias

Taxista aluga carro a ladrão “funcionário da Tim”, que desaparece com o veículo

Um estelionatário se passou por funcionário da empresa TIM e, através de um golpe aplicado na cidade de Florânia, roubou o carro de um taxista. O estelionatário que se apresentou por “William da TIM” na pousada da cidade de Florânia, falou que estava querendo alugar um carro para fazer um estudo da empresa de telefonia na cidade de Florânia. O taxista Jaiminho foi chamado e fez o aluguel de um Celta para o “funcionário”. Minutos depois, o dono da pousada desconfiou e chamou Jaiminho, porque o golpista saiu com direção à cidade de São Vicente na BR-226.

Dados do acusado: de boa aparência, alto, gordo, moreno, bem vestido, aproximadamente 25 anos, o mesmo estava usando o seguinte número (83) 9947-1129.

Dados do Carro: Celta 4 portas, cor branca com para-choques pretos, placa MYG-6967, Ano de fabricação 2005, modelo 2006. Nome do proprietário: Josival Paulino de Medeiros.

O taxista está oferecendo uma recompensa a quem prestar informações que possam levar ao carro. Valor: R$ 1 mil
 

Postado por: Eduardo Bezerra / J. Júnior

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!