Arquivos:

Notícias

Dada a largada para o maior feirão de carros do RN

Com cerca de 200 carros de várias marcas e modelos já expostos na Du Rei Casa Show em Currais Novos, a Credautos iniciou na noite desta quarta-feira (30), o 9º Feirão Credautos.

O coquetel de lançamento contou com pessoas de Currais Novos e região que puderam conferir de perto as variedade e vantagens oferecidas pela loja. A Credautos além de baixar os preços dos carros, oferece financiamentos com até 60 meses sem entrada para pagar.

O feirão permanecerá até o dia 03 de junho. Os clientes ainda concorrerão a uma viagem com tudo pago para assistir o Grande Prêmio de Fórmula 1.

Juros baixos, carros mais baratos, variedades de marcas e modelos e facilidade no financiamento para você. Aproveite!

Clique aqui e confira todas fotos!

Postado por: Jean Souza
Notícias

Prefeitos da região Oeste cancelam festividades

Em reunião conduzida pela Associação dos Municípios do Oeste do Rio Grande do Norte – AMORN, nesta terça- feira, 29, na sede do SEBRAE de Pau dos Ferros os prefeitos da região Oeste presentes decidiram não realizar as tradicionais festas juninas em seus municípios.

A decisão foi tomada em conjunto pelos prefeitos que decretação Estado de Emergência em seus municípios em virtude da seca que assola a região.

Segundo Marcos Aurélio de Paiva, prefeito de Riacho da Cruz e presidente da AMORN, além do grave problema da estiagem, a situação agravou-se pela complicada situação financeira pela qual passa os municípios com a constante oscilação nos repasses dos recursos oriundos do Fundo de Participação dos Municípios – FPM, o que impede a realização das festas concomitante com as ações a serem desenvolvidas junto às famílias afetadas pela seca.

Veja abaixo as prefeituras que cancelaram suas festividades:
1. Coronel João pessoa
2.Francisco Dantas
3. Frutuoso Gomes
4. Itaú
5. Martins
6. Messias Targino
7.Paraná
8. Pilões
9. Portalegre
10. Riacho da Cruz
11. Rodolfo Fernandes
12. Severiano Melo
13. Venha ver

Postado por: Jean Souza / Robson Pires
Notícias

PT perdeu o controle da CPI

 

Antes de apoiar a instalação da CPI do Cachoeira, o PT ouviu Lula, mediu a pulsação de Dilma Rousseff, consultou os partidos amigos e, sem pensar duas vezes, foi em frente. Imaginou-se diante de uma empreitada sob seu controle.

 

Passados 36 dias da instalação da CPI, materializou-se na comissão um cenário bem diferente. A almejada hegemonia governista ficou no desejo. O PT desentende-se consigo mesmo e já não controla nem os aliados que supunha mais fiéis.

A legenda foi apresentada ao imprevisto na votação do pedido de convocação do governador petista do DF. Num colegiado em que o condomínio governista dispõe de 65% dos votos, Agnelo Queiroz foi arrastado para a CPI por 16 votos a 12.

Somaram-se à banda da oposição e ao naco independente da CPI seis traições insuspeitadas. Rebelaram-se contra o PT silvérios que representam na comissão o PP, o PR, o PSB, o PTB e o PSC.

 

Os votos que fizeram a diferença na construção do infortúnio de Agnelo foram proferidos pelo senador Ciro Nogueira (PP-PI) e pelos deputados Gladson Cameli (PP-AC), Mauricio Quintela (PR-AL), Paulo Foletto (PSB-ES), Silvio Costa (PTB-PE) e Hugo Leal (PSC-RJ).

 

Em conversa com o blog, o deputado Henrique Eduardo Alves (RN), líder do PMDB, analisou a cena: “Ficou evidente que a estratégia de formar blocos na CPI não prosperou. Vai ser cada partido por si, discutindo em cada caso o que considera justo e adequado. As maiorias serão eventuais.”

 

Maiorias eventuais, eis a novidade com a qual o PT não contava. A prevalecer o cenário esboçado nas duas últimas sessões da CPI, o alinhamento dos votos será definido pela soma de convicções e conveniências com o ocasional.

 

A equação petista começou a desandar na sessão de terça (29). Programara-se a quebra parcial dos sigilos das contas bancárias da Delta Construções. Coisa combinada na noite da véspera entre PT e PMDB. Esqueceram de combinar com os russos da infantaria.

 

Iniciada a sessão, os dois maiores partidos da coalizão trincaram. Pela trinca, passou um requerimento que abriu, sem restrições, as contas da matriz da Delta. Com isso, foram ao caldeirão da CPI as verbas do PAC e os negócios da empreiteira com os governos de 23 Estados.

 

Na sessão desta quarta (30), o PT organizara-se para extrair do plenário três objetivos: a quebra dos sigilos bancário, fiscal e telefônico de Marconi Perillo, a convocação do governador tucano de Goiás e a exclusão do companheiro Agnelo e do governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB), do rol de alvos da CPI.

 

Concluídos os trabalhos, o PT obteve apenas a convocação de Perillo, que já havia manifestado, por escrito, o desejo de falar. No mais, os sigilos de Perillo permaneceram intactos, Agnelo virou depoente e Cabral livrou-se da grelha graças a uma articulação do PMDB com o PSDB de Aécio Neves. Entre os tucanos, apenas o líder Alvaro Dias (PR) votou contra Cabral.

 

Um dos representantes do tucanato na CPI, o senador Cássio Cunha (PB) Lima faz a contabilidade do primeiro mês: “Por enquanto, o PT está no prejuízo. Queria convocar o procurador-geral Roberto Gurgel. Não conseguiu. Imaginou que implicaria a revista Veja. Nada.”

 

Cunha Lima prossegue: “O PT desejava limitar a investigação à Delta do Centro Oeste. Passou a Delta nacional. Tramou poupar o Agnelo. Ele vai depor. Conspirou contra o Perillo. O governador de Goiás antecipou-se e a alegada convocação passou com os nossos votos.”

 

Dois fatores ajudam a transformar a CPI do Cachoeira num empreendimento sujeito às maiorias ocasionais: a insatisfação de nacos do consórcio governista com os pendores governistas do PT e a irritação com as demandas desatendidas pelo Palácio do Planalto. Se continuar assim, fora do controle oficial, a investigação pode até produzir algum resultado.

Postado por: Josias de Souza – Jornal Expresso
Notícias

Réporter da BAND afirma que quem vazou encontro foi Lula

 

O jornalista Fábio Pannunzio, da TV Bandeirantes, publicou em seu blog que o encontro entre o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, e o ex-presidente Lula chegou à imprensa um mês depois de ter acontecido porque o petista vazou a conversa para um amigo que tem em comum com o integrante do STF. Segundo o repórter da Band, a informação chegou a Mendes, que decidiu revelar os detalhes do caso para a revista Veja.

 

Ao Comunique-se, Pannunzio diz que atualmente está difícil publicar críticas a Lula, por mais que os argumentos sejam embasados em informações previamente apuradas. Os ataques em seu blog são incansáveis, conta. Para ele, existe uma campanha que visa desmoralizar qualquer ato negativo ao ex-presidente. Ele atribui parte desta “manifestação” ao que chama de “Besta”, termo que criou para a “blogosfera estatal”.

 

“Foi Lula em pessoa quem cometeu a indiscrição de falar sobre a conversa com Gilmar Mendes, descendo ao nível dos detalhes que agora estão expostos por iniciativa do ex-presidente do STF. Esta é a razão oculta por trás da ‘inconfidência’ do ministro Gilmar Mendes. E também a justificativa para a incapacidade do ex-presidente da República de fazer um desmentido cabal, como o assunto exigiria caso o magistrado pudesse ser desmentido”, publicou Pannunzio nessa segunda-feira, 29.

 

Ao abordar a reunião entre Lula e o ministro, Pannunzio ressalta que não se trata de opinião, mas de informação que conseguiu apurar. De acordo com o jornalista, Mendes ficou espantado com o vazamento da informação de que tinha se encontrado com o ex-presidente na casa do ex-ministro da Defesa, Nelson Jobim. No blog, o profissional da Band garante que se a notícia não vazasse, a entrevista do ministro do STF à Veja e a outros veículos de comunicação não aconteceria.

 

Pannunzio encerra o texto relatando que não há como o ex-presidente se defender e negar a pressão sobre Mendes para adiar a votação do julgamento do mensalão. “Não pode (negar). Há testemunhas muito bem identificadas no caminho da informação que transitou entre o escritório de Jobim e as páginas de Veja. Se alguém falou demais, não foi Gilmar Mendes. Foi Lula. Simples assim. Quem fala demais dá bom-dia a cavalo. Deu no que deu”.

Postado por: Blog do BG – Jornal Expresso
Notícias

Wagner Moura

 

Desde a entrada no Espaço das Américas, em São Paulo, onde aconteceu nesta terça-feira (29) a gravação do especial "MTV ao Vivo – Tributo à Legião Urbana", o público não botava em questão a presença de Wagner Moura nos vocais da banda de Renato Russo (1960-1996).

 

A repercussão negativa que a escolha do ator global para substituir o líder da Legião causou nas redes sociais não era sentida entre as cerca de 7.000 pessoas que aguardavam o show.

 

"Se fosse outro cantor de rock, ia ter muitas comparações. Por isso acho muito mais interessante que seja um ator", disse o advogado Edson Corazza, 47.

 

A analista de marketing Daniele Kono, 26, por sua vez, disse não ver na homenagem nenhum desrespeito à figura do Renato Russo. "O Wagner não é um qualquer. Ele também tem banda e é fã assumido da Legião", disse.

 

Fãs vestiam camisetas estampadas com fotos da Legião, como o diretor de arte Paulo Henrique Toledo, 24. Para ele, "qualquer um que estivesse ao lado do Dado e do Bonfá já estaria ótimo".

Postado por: Folha.com
Notícias

Aposta de Minas leva R$ 8 milhões

 

Um bilhete acertou as seis dezenas do concurso 1.393 da Mega-Sena, sorteadas na noite desta quarta-feira, e ganhou R$ 8,1 milhões, de acordo com a Caixa Econômica Federal. A aposta foi feita em Governador Valadares (MG).

 

Os números sorteados nesta noite, em Campo Maior (PI), foram: 04 – 18 – 24 – 28 – 39 – 44.

 

Ao todo, 86 apostas acertaram a quina e devem levar R$ 17.831,94 cada uma. Outras 5.717 apostas levaram a quadra e ganharão R$ 383,20 cada uma.

 

O próximo concurso, que será realizado no sábado (2), deve pagar R$ 2 milhões, segundo a Caixa.

Postado por: Folha.com
Notícias

SAMU socorre homem baleado e é perseguida

 

Trabalhar no Serviço de Atendimento Móvel às Urgências (Samu) é muitas vezes uma atividade de risco. Na noite de ontem uma das equipes do Samu Metropolitano passou um grande perigo e um susto enorme, ao atender a uma ocorrência em Macaíba.

 

Por volta das 21h um jovem de 17 anos foi atingido por quatro tiros na localidade de Lagoa do Sítio. Os paramédicos foram acionados e chegaram minutos depois ao local. Estabalizaram a vítima, colocaram-na dentro da ambulância e vieram em direção a Natal, ao pronto socorro Clóvis Sarinho. Informações extraoficiais dizem que o rapaz de 17 anos assassinou um homem tempos atrás, e a família da vítima teria jurado vingança.

 

Quando a ambulância ainda estava em uma estrada pequena, passou por um Fiat Uno branco,  onde estavam os homens que atiraram no moleque. E o Uno passou a perseguir o carro do Samu. Tentaram interceptar a ambulância, mas não conseguiram porque a pista era estreita. O condutor da viatura dificultou  a manobra dos bandidos, mantendo-a no meio da via. Foram momentos de muita tensão e os bandidos só desistiram quando o Samu chegou à BR-304, e a ambulância partiu em altíssima velocidade.

 

Pouco tempo depois chegou uma denúncia anônima à central de chamados avisando que os homens que tentaram matar o jovem iriam atrás de completar o serviço, parando a ambilância e o assassinando dentro dela. Felizmente os criminosos já haviam se afastado, e o Samu chegou ao Clóvis Sarinho em segurança.

Postado por: Blog do BG – Jornal Expresso
Notícias

Ronaldinho está fora do Fla

 

Mais cara contratação da história do Flamengo, Ronaldinho conseguiu hoje no Tribunal Regional do Trabalho do Rio uma liminar para deixar o clube carioca.

 

Autora da ação, Gislaine Nunes, advogada do atleta, protocolou por volta das 15h na CBF a decisão judicial.

 

Um ano e quatro meses depois de se transferir para o clube da Gávea, Ronaldinho cobra na Justiça trabalhista uma dívida de cerca de R$ 40 milhões.

 

"Ele está livre a partir de agora. Não quero falar sobre valores, mas é uma quantia milionária", afirmou Gislaine.

 

Se cumprisse o contrato até 2014, o jogador embolsaria mais de R$ 100 milhões nos quatro anos no Rio.

Postado por: Folha.com
Notícias

Juiz recebe denúncia contra Micarla e ex-secretárias

 

O juiz Ibanez Monteiro da Silva, da 2ª Vara da Fazenda Pública, recebeu denúncia do Ministério Público contra seis acusados de supostas irregularidades no contrato de locação do Novotel Ladeira do Sol ao município. Entre os denunciados está a prefeita de Natal, Micarla de Sousa, as ex-secretárias de Saúde e Educação, respectivamente, Ana Tânia Sampaio e Adriana Trindade, e o empresário Haroldo Azevedo. A decisão foi publicada no Diário Oficial desta quarta-feira (30).

 

O magistrado indeferiu outro pedido da Promotoria do Patrimônio Público que requereu, liminarmente, a decretação da indisponibilidade de bens dos envolvidos no processo.

 

A defesa da prefeita Micarla de Sousa se pronunciou alegando inexistir elementos mínimos de prova de sua participação dolosa com vistas a desfalcar o erário municipal. Mas o magistrado destacou que bastam elementos indiciários para se admitir a ação, em cuja instrução as provas serão produzidas e, ao final, analisadas com profundidade.

 

"As provas somente serão analisadas no julgamento do mérito", assinalou o juiz, que completou: "existem indícios suficientes da prática de ilícitos descritos na Lei nº 8.429/92 como atos de improbidade administrativa, que merecem maior perquirição em sede de instrução processual".

 

Quanto ao pedido de indisponibilidade dos bens, Ibanez Monteiro optou por indeferi-lo porque disse ter vislumbrado, no momento, a ausência dos pressupostos autorizadores da concessão da medida pleiteada.

Postado por: Jornal Expresso – Tribuna do Norte
Notícias

Demóstenes silencia e provoca tumulto

 

No início da reunião nesta quinta-feira (31) em que prestaria depoimento à Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do Cachoeira, o senador Demóstenes Torres (sem partido-GO) disse que não responderia às perguntas feitas pelos parlamentares. Demóstenes alegou que seu advogado, Antônio Carlos de Almeida Castro, solicitou ao Conselho de Ética a degravação de seu depoimento e as notas taquigráficas para entregá-las aos integrantes da comissão.

 

"Anteontem [terça-feira, 29] prestei depoimento por mais de cinco horas no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar, cuja pertinência temática é a mesma desta CPI. Em decorrência disso, por solicitação do meu advogado, Antonio Carlos de Almeida Castro, endereçamos ontem petição a essa comissão e comunicamos, até por uma questão de lealdade, que permaneceríamos calados, conforme faculdade expressamente prevista na Constituição Federal", disse Demóstenes.

 

A atitude de Demóstenes fez com que o deputado Sílvio Costa (PTB-PE) se exaltasse e começasse a ofender o senador, acusado de ligações com o suposto esquema criminoso liderado pelo empresário de jogos ilegais Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, investigado pela Polícia Federal. O presidente da comissão decidiu dispensar Demóstenes da oitiva, mesmo procedimento que vem adotando diante dos demais depoentes que se negaram a falar. No entanto, essa atitude acabou irritando ainda mais o deputado.

"O senhor passou cinco horas no Conselho de Ética e não conseguiu se explicar. Mas, aqui, com cinco minutos, o senhor explicou tudo. O seu silêncio é a mais prefeita tradução da sua culpa", ressaltou o deputado. "O senhor apelou para Deus, se disse carola, mas o senhor não vai para o céu porque o céu não é lugar para mentiroso, não é lugar de gente hipócrita", disse o deputado se dirigindo a Demóstenes.

 

Diante da exaltação dos parlamentares, o senador Pedro Taques (PDT-MT) reagiu: "Todos aqui, enquanto parlamentares, devem obedecer à Constituição Federal, que afirma que o cidadão, seja lá quem for, merece respeito. Fui procurador da República por mais de 15 anos e tenho a convicção de que um parlamentar não pode tratar quem quer que seja com indignidade", argumentou Pedro Taques.

 

A defesa feita por Pedro Taques fez com que Sílvio Costa se voltasse contra ele. Em meio ao tumulto, o presidente da comissão, Vital do Rêgo, encerrou a sessão que durou 20 minutos.

 

Na última terça-feira, Demóstenes prestou depoimento ao Conselho de Ética do Senado e confirmou sua ligação com o empresário Carlinhos Cachoeira. Ele sustentou que não sabia do envolvimento de Cachoeira com atividades ilícitas, apesar dos mais de dez anos de convivência com o empresário e negou ter recebido dinheiro de Cahoeira.

 

Além disso, Demóstenes também confirmou usar um celular via rádio doado por Cachoeira e que era o empresário que pagava a conta. Ontem, os integrantes da CPMI quebraram os sigilos telefônicos, bancário, fiscal, de e-mail e de mensagens por celular de Demóstenes.

Postado por: Jornal Expresso – Tribuna do Norte

Últimos Eventos

03/03/19
Master Leite
06/05/18
Parque Dinissauros - Povoado Sto Antonio (Cobra)
Março 2017
Aero Clube
08/07/2017
Parque Exposições - Fotos: Mazilton Galvão

Mais eventos

Jornal Expresso RN

Baixar edições anteriores

Curta Jean Souza no Facebook

Siga Jean Souza no Instagram

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design por: John Carlos
Programação por: Caio Vidal
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!